TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

FICHAMENTO BAUER: Análise de conteúdo clássica

Por:   •  7/2/2019  •  Resenha  •  1.435 Palavras (6 Páginas)  •  31 Visualizações

Página 1 de 6

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM SOCIOLOGIA

DISCIPLINA: Metodologias                DOCENTE: Ivan

DISCENTE: Jair dos Santos Xavier

FICHAMENTO

BAUER, M. (2002) Análise de conteúdo clássica: uma revisão. In. BAUER, Martin e GASKELL, George. Pesquisa qualitativa com texto, imagem e som: um manual prática. Petrópolis/RJ. Editora Vozes.

>> “A grande maioria das pesquisas sociais se baseia na entrevista: os pesquisadores perguntam as pessoas sobre sua idade o que fazem para viver, como vivem, o que elas pensam ou sentem sobre X,Y,Z; ou pedem que contem sua história ou narrem fatos. A entrevista estruturada ou não, é um método conveniente e estabelecido de pesquisa social”. Pg189

>> “Deste modo os textos do mesmo modo que as falas, referem-se aos pensamentos, sentimentos, memórias, planos e discussões das pessoas, e algumas vezes nos dizem mais do que seus autores imaginam”. Pg189

>> “A medida que o esforço de coletar informações está tendendo a zero, estamos assistindo a um renovado interesse na análise de conteúdo (AC) e em suas técnicas, em particular em técnicas com o auxílio de computador”. Pg190

>> “A análise de conteúdo é apenas um método de análise de texto desenvolvido dentro das ciências sociais empíricas. Embora a maior parte das análises clássicas de conteúdo culminem em descrições numéricas de algumas características do corpus  do texto, considerável atenção está sendo dada aos tipos, qualidades, e distinções no texto, antes que qualquer quantificação seja feita”. Pg190

>> “um texto um paragrafo fornece a oportunidade para comentários extensos explorando todas as ambiguidades e nuanças da linguagem. A análise de conteúdo, contrastando a isso, reduz a complexidade de uma coleção de textos”. Pg191

>> “AC ela é uma técnica para produzir inferência de um texto focal para seu contexto social de maneira objetivada. Este contexto pode ser temporariamente, ou em princípio, inacessível ao pesquisador. A AC muitas vezes implica em uma tratamento estatístico das unidades de texto”. Pg191

>> “Um corpus de texto oferece diferentes leituras, dependendo dos vieses que ele contém. A AC não é exceção, contudo, ela traça um meio caminho entre a leitura singular verídica e o vale tudo”. Pg191

>> “Através da reconstrução de representações, os analistas de conteúdo inferem a expressão dos contextos e o apelo através desses contextos. Se enfocarmos a fonte, o texto é um meio de expressão. Fonte e público são o contexto e o foco de inferência. Um corpus de texto é a representação e a expressão de uma comunidade que escreve”. Pg192

>> “A AC nos permite reconstruir indicadores e cosmovisões, valores, atitudes, opiniões, preconceitos, e estereótipos e compará-los entre comunidades. Em outras palavras, a AC é pesquisa de opinião pública com outros meios”. Pg192

>> “Quando o foco está no público, o texto é um meio de apelo: uma influência nos preconceitos, opiniões, atitudes e estereótipos das pessoas. Considerando os textos como uma força sedutora, os resultados da AC são variáveis independentes, que explicam coisas”. Pg192

>> “Os procedimentos da AC reconstroem representações em duas dimensões principais: a sintática e a semântica. Procedimentos sintáticos se enfocam os transmissores de sinais e suas inter-relações. A sintaxe descreve os meios de expressão e influência”. Pg192

>> “A frequência das palavras e o sua ordenação, o vocabulário os tipos de palavras e as características gramaticais e estilísticas são indicadores de uma fonte e da probabilidade de influencia sobre alguma audiência”. Pg193

>> “Os procedimentos semânticos dirigem seu foco para a relação entre sinais e seu sentido normal – sentidos denotativos e conotativos em um texto a semântica tem a ver com o que é dito em um texto os temas e avaliações”. Pg193

>> “As características sintáticas e semânticas de um corpus de texto permitem ao pesquisadores fazer conjeturas fundamentadas sobre fontes incertas (...) traçar um perfil ou comparar os perfis para identificar um contexto são inferências básicas de um AC”. Pg193

>> “a AC pode reconstruir “mapas de conhecimento” a medida que eles estão corporificados em textos, A s pessoas usam a linguagem para representar o mundo como conhecimento e autoconhecimento. Para reconstruir esse conhecimento, a AC  pode necessitar ir além da classificação das unidades do texto, e orientar-se na direção de construção de redes de unidades de análise para representar o conhecimento não apenas por elementos, mas também em suas relações”. Pg194

>> “Os métodos não são substitutos de uma boa teoria e de um problema de pesquisa sólido. A teoria e o problema – que carregam em si os preconceitos do pesquisador - serão responsáveis pela seleção e categorização dos materiais de texto, tanto implícita, como explicitamente. Ser explícito é uma virtude metódica”. Pg195

...

Baixar como (para membros premium)  txt (9.5 Kb)   pdf (63.1 Kb)   docx (11.1 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com