TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O significado da existência humana

Por:   •  2/6/2014  •  Resenha  •  383 Palavras (2 Páginas)  •  446 Visualizações

Página 1 de 2

Wellington Corrêa da Silva – RA 1080890

Atividade Comum

São José dos Campos/SP

Análise e Desenvolvimento de Sistemas

Atividades Continuada – Antropologia, Cultura e Ética

Professor: Antônio Filogenio de P. Júnior

São José dos Campos/SP

2014

O Sentido da Existência Humana

Muitos filósofos defendem diferentes ideias sobre o sentido da existência humana, porém uma que muito lembrada ainda é a de Descartes – penso, logo existo.

Há ainda aqueles que dizem que Deus foi uma invenção do homem para dar sentido a sua existência.

Criacionismo, evolução, materialismo e o existencialismo dividem as opiniões a respeito do tema. Porém o sentido de viver em sociedade e em harmonia diminui aos poucos, já que o neoliberalismo implanta o individualismo.

Hoje no mundo capitalista muito se resume em “ter para ser” e isso faz com que cada vez mais a sociedade se transforme em fragmentos e não mais em conjunto, criando então uma competição de ego da mesma espécie, o ser humano.

Número é o que resume cada pessoa e este deve sempre somar ou até mesmo multiplicar. Subtrair jamais, isso o torna um prejuízo, um membro de um conjunto “dos vazios”. Dividir talvez, desde que fique com a maior parte.

Seria esse o novo sentido para nossa existência?

Talvez sim, até porque o número de pessoas que buscam na história – tanto religiosa quanto científica – a fonte de sua origem diminui a cada geração que atravessamos. A filosofia popular contemporânea é baseada no futuro, seja científico, tecnológico ou até mesmo consumo. Pensamentos que colaboram com um novo sentido para existência do homem, o sentido capitalista consumidor. O que terei, o que serei, aonde chegarei, são questionamentos que dão a lógica para o “eu existo”.

É possível compreender que o sentido da existência humana seja apenas para valores monetários, mesmo que muitos passem a mensagem: você merece ser feliz; essa felicidade tem um preço e caso esteja disposto a pagar, pode ter sua existência elevada.

Quem sabe quando houver uma saturação dessas ideias a sociedade não volte a buscar o verdadeiro sentido da existência humana. Não que haja uma verdade absoluta, mas que dê ao homem princípios e valores que o faça evoluir mentalmente e espiritualmente.

Por isso, cabe àqueles privilegiados de conhecimento, compartilharem suas sabedorias intelectuais para formarmos uma sociedade

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.5 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com