TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA

Por:   •  6/2/2019  •  Trabalho acadêmico  •  4.363 Palavras (18 Páginas)  •  9 Visualizações

Página 1 de 18

ESTADO DE MATO GROSSO

NSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DE MATO GROSSO PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO DIRETORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENSINO, CAMPUS CUIABÁ – OCTAYDE

  1. Identificação:

a) Nome da candidata: Gheany Roberta Leal

  1. Título do projeto: A desconstrução das palavras na obra "O bem Amado": possibilidade de sentidos.
  1. Linha de pesquisa: Estudo dos processos discursivos e análise semântica da enunciação

II. Apresentação:

A escolha do presente trabalho foi feita a partir do trabalho de graduação em Licenciatura Plena em Letras – UNEMAT o objetivo é investigar os advérbios terminados em - mente no livro O Bem Amado. Baseando-nos nas classes gramaticais e como nelas há a possibilidade de sentidos, acrescentando informações que não estão diretamente ligados ao conteúdo, pois os advérbios nos permitem essas possibilidades de sentidos amplos, e com isso proponho estudar este mecanismo das possibilidades de sentidos que o advérbio pode nos trazer e também ajuda a ampliar os nossos conhecimentos através destes mecanismos analisados.

Considerando que a carga semântica é muito variável e essa extrema mobilidade ativa que possuem os advérbios, faz com que seja difícil estabelecer uma significação clara e coerente para tal classe de palavras, principalmente porque a terra dos sentidos pode nos parecer muito instável. Com tudo isso, algumas classes gramaticais vêm merecendo uma atenção especial entre os gramáticos e linguistas de modo que nelas (as classes gramaticais) destacamos o advérbio.

Nesse sentido analisaremos como a obra aplica a função dos advérbios formados com o sufixo – mente, assim iniciaremos os estudos a partir do estudo de algumas compreensões teóricas a respeito dos advérbios. Isso ocorrerá através de uma analise mais aprofunda do funcionamento lingüístico, para que amplie o conhecimento sobre as diferentes possibilidades de uso da linguagem, com ênfase nos diversos sentidos que essa classe gramatical pode apresentar, pois apresentam mais sentidos vastos e revelado na obra do que em sua estrutura sintagmática.

A face da analise em questão, é apresentar uma opção para explorar as inúmeras possibilidades que a nossa Língua Portuguesa proporciona para que possamos divulgar nossas idéias e juízos sobre o mundo. Isto será realizado através da sistematização dos possíveis sentidos que os advérbios formados com – mente pode assumir na obra O Bem Amado, tendo em vista as reais intenções do sujeito (locutor) frente ao já dito.

  1. Objetivo Geral:
  • Compreender que há nos advérbios inúmeras possibilidades de significantes nos sistemas lingüísticos distintos, a partir desse sentido analisaremos como a obra O Bem Amado aplica a função dos advérbios formados com o sufixo – mente, assim estudaremos a possibilidades de sentidos e algumas compreensões teóricas a respeito do advérbio.

Objetivos Específicos:

  • Compreender as possibilidades de sentidos amplos que há nos advérbios no já dado, e as inúmeras possibilidades que a linguagem nos proporciona para que deferíssemos opiniões em relação ao sujeito.

  • Tomar os deslizamentos da língua, pois é somente pela língua que há essa possibilidade de novos sentidos, do advérbio, fazendo com que os sentidos sejam amplos e não seja um mecanismo qualquer da língua, mas sim dos sentidos.
  • Compreender a relação entre o sujeito locutor/já dito, pensando a sistematização dos possíveis sentidos através dos advérbios formados com mente pode assumir através da língua.
  1. Delineamento do quadro teórico:

A autora que lançou a Análise do Discurso no Brasil foi Eni P. Orlandi, ela é autora de inúmeros livros, mas para a construção deste trabalho partiremos do livro Discurso e texto: formação e circulação dos sentidos, no qual a autora coloca que a Análise do Discurso não tratará da língua e nem da gramática, ela trabalha com a possibilidade de sentidos, portanto, o foco é o discurso, pois, ele (o discurso) se significa na/pela língua. Então, sabemos que só há discurso pela língua, com esse intuito o de mostrar como, segundo a autora, a língua é tomada por uma possibilidade de materialidade que vai significar.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (28 Kb)   pdf (335.6 Kb)   docx (1.1 Mb)  
Continuar por mais 17 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com