TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

EDUCAÇÃO SOCIEDADE E CULTURA NA ANTIGUIDADE GREGA

Por:   •  19/9/2015  •  Trabalho acadêmico  •  856 Palavras (4 Páginas)  •  2.835 Visualizações

Página 1 de 4

EDUCAÇÃO SOCIEDADE E CULTURA NA ANTIGUIDADE GREGA

Devemos esclarecer que o termo antiguidade clássica refere-se a um período da história humana, aconteceu especificamente na Europa, estamos nos referindo aos acontecimentos que se desenrolam na Europa, na Grécia e em Roma. O Egito foi o berço cultural no que se refere ao conhecimento, à ciência e a cultura.

A Grécia

Vários conceitos que usamos diariamente são herdados dos gregos, por exemplo, os conceitos de cidadania e democracia. A Grécia ainda e considerada o berço da pedagogia. Para entendermos o pensamento educacional na Grécia clássica, é fundamental que possamos vislumbrar os traços característicos de sua cultura e sociedade. A partir dos seguintes princípios:

  • Descobrimento do valor humano independente da autoridade religiosa ou política;
  • Reconhecimento da razão e da inteligência critica ausente de dogmas.
  • Criação da ordem, da lei, dos cosmos, tanto na natureza como na humanidade.
  • Criação da vida cidadã, do estado e da organização política;
  • Criação da liberdade individual e política dentro da lei do estado.
  • Invenção da poesia, épica, da historia, da literatura dramática, da filosofia e das ciências físicas.
  • Reconhecimento do valor decisivo da educação na vida social e individual.
  • Consideração da educação humana em sua integridade: física, intelectual, ética e estética.
  • O principio da competição e seleção dos melhores, na vida e na educação.

O valor cultural desenvolvidos pelos gregos permite formar uma visão de mundo muito diferente dos outros povos da antiguidade. Estes povos baseavam suas vidas debaixo da obediência cega a religião, aos deuses ou as autoridades teóricas, os gregos, ao contrario,colocavam a razão humana como um instrumento que pudesse servir ao próprio homem.

Podemos dividir a historia grega da seguinte maneira

  • Período homérico (1.100-800 a.c)

Corresponde á educação heróica, cavalheiresca.

  • Período arcaico (800-500 a.c)

Fase da formação das cidades- estados corresponde á educação cívica.

  •  Período clássico (500-400 a.c)

Corresponde a educação clássica, humanista e é representada especialmente por Sócrates, Platão e Aristóteles.

  • Período helenístico (336-146 a. c)

Corresponde a educação helenística, enciclopédica.

  • Período homérico e a educação heróica ou cavalheiresca.

Como esta é uma sociedade dos tempos heróicos e guerreiros, o ideal da educação desta época se estabelece em estreita relação com os ideais e as aspirações da sociedade. Neste período, a educação, chamada de heróica ou cavalheiresca, é fortemente alicerçada nos conceitos de honra e valor, no espírito de luta e sacrifício. Portanto, uma característica fundamental da educação é o espírito de superioridade.

Período arcaico e a educação cívica

Ocorreram grandes mudanças na vida política, social, cultural e econômica dos gregos. Dentre estas mudanças podemos citar: o desenvolvimento das cidades-estados, da racionalidade e da reflexão em detrimento do mito; a utilização da escrita, o uso da moeda.  Muitos autores denominam de educação cívica, como uma educação para a cidadania, capaz de formar bons cidadãos comprometidos com os interesses de suas sociedades.

O modelo de educação em Esparta

A sociedade espartana é muito comumente identificada como sendo composta por um povo guerreiro, de modos rudes e de pouca cultura. Os espartanos tinham que manter os povos conquistados com punhos de aço, a educação espartana era essencialmente militar, embora os esportes e a musica também fossem incentivados.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (6 Kb)   pdf (100.9 Kb)   docx (14.8 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com