TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Quem ama educa

Por:   •  7/5/2015  •  Resenha  •  1.176 Palavras (5 Páginas)  •  5.303 Visualizações

Página 1 de 5

[pic 1]

GISELE DIAS DE BRITO-1069822

RELATÓRIO DO LIVRO - QUEM AMA EDUCA

AUTOR - IÇAMI TIBA

CENTRO UNIVERSITÁRIO CLARETIANO

CURSO LICENCIATURA EM PEDAGOGIA

ATIVIDADES ACADÊMICAS CIENTÍFICAS CULTURAIS

PROFA CLAUMIRDIS GOMES MOISÉS

SÃO MIGUEL DO GUAPORÉ

21-01-2012

[pic 2]

Resumo

Quem ama educa,mas muitas vezes o amor fala mais alto e deixa a educação de lado,mas os pais podem dar aos filhos amor,carinho,respeito,disciplina tudo para que no futuro os filhos possam se tornem bons cidadãos.

[pic 3]

Sumário

1-Introdução-----------------------------------------------------------------------------------3

2-Mãe e pai:duas faces da mesma moeda---------------------------------------------------3

3-O sim e o não -------------------------------------------------------------------------------3

4- Gente gosta de gente-----------------------------------------------------------------------4

5- Unidos para sempre------------------------------------------------------------------------4

6- Pai e mãe------------------------------------------------------------------------------------5

7-Filhos na adolescência-----------------------------------------------------------------------5

8-Conclusão------------------------------------------------------------------------------------6

9-Referência------------------------------------------------------------------------------------6

[pic 4]

1-Introdução

Pai e mãe,essencial na criação dos filhos,responsabilidades que devem ser igual aos dois,participar da vida do filho,dar conselhos,saber com quem anda,aonde foi,ir a reuniões escolares,etc.,são tarefas de pai e mãe e não somente da mãe.

2-Mãe e pai:Duas faces da mesma moeda

Na maioria das vezes os filhos ainda são responsabilidade da mulher,é ela que tem que cuidar,ir a reuniões escolares,saber com quem o filho sai,ajudar nas tarefas escolares,mesmo a mãe trabalhando fora isso fica como responsabilidade dela,o pai se preocupa em colocar comida em casa,na parte financeira e esquece o outro lado o da vida do filho,então devemos dizer pai e mãe invés de pais,dar a cada um nome e não um nome só para os dois.

3-O sim e o não

Os filhos não gostam de ouvir não,muitos não aceitam ouvir um não e começam a fazerem chantagens emocionais para pai e mãe dizendo que vai morrer.Muitos não tem auto-estima próprio,não conseguem adquirir algo sozinhos tendo que lutar por aquilo que realmente querem,pois estão acostumados a terem tudo o que querem sem precisarem fazer esforços,pois,o pai e a mãe estão sempre ali dando sempre o que eles querem.Mas quando se trata de amor,quando começam a namorar,quando sofrem alguma decepção acham que tudo não tem mais sentido,que vão morrer,mas isso acontece porque não terem auto-estima próprio,não sabem perder,estão acostumados a terem tudo o querem.

O pai e a mãe devem deixar os filhos caminharem com suas próprias pernas desde bebês,ajudando-os a conseguir o que querem,dizendo sim quando deve ser sim e dizer o não por mais difícil que seja dizer não ao filho,mas dizer não quando for não,nunca fazer tudo para eles,mas ajudá-los para que consigam fazer só.Pois assim terão auto-estima própria e serão bons cidadãos.

 [pic 5]

4-Gente gosta de gente

Gente gosta de gente como vemos no livro Quem Ama Educa.

...”Ao contrário dos demais seres vivos,já nascemos predispostos a ter companheiros.”(Içami Tiba,Quem Ama Educa.p.80)já nascemos dependente de alguém para nos cuidar,para nos ensinar,para nos prepararmos para caminharmos com nossas próprias pernas.

Quando somos bebê somos,totalmente dependente do pai e da mãe ou de qualquer outra pessoa que seja responsável por nós.É quando bebê que ele aprende coisas que vai levar para toda a sua vida,é muito importante que crianças não presencie brigas pois,as brigas transmitem emoções negativas que ficam registradas na memória,mesmo sendo bebês.      

...”A criança aprende pelo relacionamento afetivo que outro ser humano estabelece com ela e também com o que presencia do relacionamento entre seus pais.Por isso,todo cuidado é pouco.”(Içami Tiba,Quem Ama Educa,p.82) As crianças precisam ter contato com outras crianças,...”É através do convívio com outras crianças que elas se vêem,trocam olhares e se identificam,formando uma auto-imagem de si mesma.”(Içami Tiba,Quem Ama Educa,p.83)

5-Unidos para sempre

Homens e mulheres, marido e mulher pode haver separação ou separarem para sempre mas,quando tem filhos os dois sempre serão mãe e pai,nunca existira ex-mãe ou ex-pai.

...”Raramente a mulher abandona o vinculo mãe/filhos e,mesmo que se separe do marido,costuma levar consigo as crianças.Para a maioria das mulheres,sem dúvida,o vínculo mais forte é com os filhos.” (Içami Tiba,Quem Ama Educa,p.87)

É notável que as mães na maioria das vezes preocupam-se mais com os filhos do que os pais,principalmente no caso de separação os pais sempre afastam-se deixando os filhos de lado.

[pic 6]

6-Pai e mãe

A mulher passa a ser mãe desde que descobre que está grávida, e começa a ter todos os cuidados com o bebê,com o homem não deve ser diferente desde que ele  fica sabendo da gravidez ele também já passa a ser pai,a participar junto com a esposa,aguardando a chegada do bebê.

...”O verdadeiro homem grávido participa das reuniões do pré-natal,dos exames de ultra-som,dos cursos de preparação para parto,a fim de aprender a cuidar da criança,recebê-la bem e estabelecer com ela o vinculo afetivo fundamental para sua educação.”(Içami Tiba,Quem Ama Educa,p.99-100) a mulher sente a criança no período de gravidez e a mudança que o corpo começa a ter,no homem não ocorre essas mudanças mas ele deve sentir a gravidez no coração.Muitas vezes o homem se aproxima ainda mas da sua esposa nesse período,dando ainda mais atenção para ela e o bebê que está a caminho.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (8.9 Kb)   pdf (105.2 Kb)   docx (51.8 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com