TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A Contribuição da Psicologia na Educação

Por:   •  3/4/2019  •  Dissertação  •  404 Palavras (2 Páginas)  •  7 Visualizações

Página 1 de 2

A Psicologia, vem ao longo dos anos, evidenciando a importância das atividades cerebrais para intermediar a interação entre o organismo e os estímulos ambientais, e contribuindo através do estudo e da compreensão do desenvolvimento adulto e infantil como indivíduo. A Psicologia na educação, fornece apoio à prática do docente para a educação escolar, este apoio enfatiza que o ensino possui um papel central no desenvolvimento das funções psicológicas do indivíduo. As diferentes abordagens teóricas são de caráter vital, para assim compreender quais métodos são mais e quais métodos são menos eficientes para determinado público, e assim melhorar a experiência tanto do professor quanto do aluno em sala de aula.

O processo de educação pode tanto auxiliar como capacitar o indivíduo, pois a educação é uma prática primitiva, existente antes mesmo da existência das escolas, e se propagava através da imitação, onde a criança adquiria conhecimento através da observação de um outro indivíduo e a reprodução daquele conhecimento que ela absorveu, se tornando assim capaz de realizar tal feito. Tanto Piaget quanto Vygotsky abordam a criança como um ser ativo e atento que cria ideias e questões sobre o mundo ao seu redor. Para Piaget, o pensamento surge antes da linguagem, e a linguagem só se dá quando a criança alcança um certo patamar de habilidades mentais, enquanto para Vygotsky, o pensamento e a linguagem são, desde o início da vida, dois processos interdependentes, e segundo ele, a linguagem dá uma forma definida ao pensamento, o que possibilita o uso da memória, a imaginação e os planos de ação; ela adquire uma função central no desenvolvimento cognitivo, reorganizando os processos que ali estão em desenvolvimento. Aprofundando-nos um pouco mais na comparação entre estes dois pesquisadores, podemos também encontrar outras diferenças entre seus respectivos estudos.

De acordo com a concepção interacionista de Vygotsky, o papel do professor é ser o mediador na dinâmica das interações interpessoais e na interação das crianças com os objetos de conhecimento. Consiste em guiar o aluno e fornecer as ferramentas ideais para o seu desenvolvimento cognitivo, sendo assim, conduzir o indivíduo até a aquisição do conhecimento.

A ZDP define-se na distância entre o desenvolvimento real de um indivíduo e o que ele ainda tem o potencial de aprender através da interação social. O potencial é demonstrado pela capacidade de desenvolver uma competência com a ajuda de um outro indivíduo.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.5 Kb)   pdf (27 Kb)   docx (7.5 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com