TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

CORRELAÇÃO ENTRE O DOCUMENTÁRIO CARNE E OSSO E O TEXTO TRABALHO E VIDA.

Por:   •  27/11/2015  •  Trabalho acadêmico  •  471 Palavras (2 Páginas)  •  664 Visualizações

Página 1 de 2

PONTIFICA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS

PROGRAMA DE GRADUAÇÃO EM PSICOLOGIA

BRUNO CAMPOS DA CRUZ

EXERCÍCIOS

PSICOLOGIA, TRABALHO  E ORGANIZAÇÃO

                                

PROFESSORA: JULIANA ALMEIDA

BELO HORIZONTE

2015

CORRELAÇÃO ENTRE O DOCUMENTARIO CARNE E OSSO E O TEXTO TRABALHO E VIDA.

Trabalho é:

No Texto o termo trabalho  nas suas origens seculo XII e XIII era apresentado como algo ruim um "tormento" sua etinologia vem do de um intrumento de tortura onde o escravo era açoitado para realizar as tarefas inpostas pelos seus donos, e capataz. Ja pelo lado positivo e apresentado a palavra Labor, que está vinculado a agricutura ao plantio e cultivo das lavouras. Assim temos os dois lados o lado do sofrimento e o lado da recompeça de uma lavoura farta e volumosa.

No Documentario, o trabalho com sua visão captalista ele mostra que o resgate do primeiro siguinificado do trabalho ainda é latente nas grandes cooporações o empregado ainda é refém de seus chefes, ondem vendem sua mão de obra para executar um trabalho que tem o unico obetivo de gerar lucro, são cobrados a baterem metas e trabalharem no limite fisico recomendados. O lado positivo muitas das vezes e apenas o fato de estarem trabalhando sendo um paradoxo dificil de explicar, pois alguns não tem outra forma de renda e uma capcitação para procurar ou execer quando proficionais.

Critica:

A autora faz uma critica ao sistema captalista atual onde, se vive uma relação de alienação "o trabalho fica incorporado ao objeto e se converte em coisa fisica" se tornando uma  coisa, e o proprio trabalhador que realizaou um trabalho ele mesmo não tem acesso ou não cosegue enxergar o resultado final daquilo que ele criou.

É claro isso no documentario onde os funcionarios trabalham como uma especie de maquinas realizam a mesma função em um exaltivo dia de trabalho e na sua maioria não tem acessoa aos produos produzidos. Muitas vezes por que o salario não os permitem consumir os protudos produzidos.

Conclusão:

O texto mostra os pós e contras do trabalho, na epoca medieva, fedal e no atual captalismo. Houve algumas mudanças importantes o trabalhador conquistou alguns direitos que antes ele não tinha e hoje tem classes, sidicados que representa no ambito juridico e funcional, está longe de um ideal. Porem a capcitação proficional é um novo momento a população se modernizando e se preparando pode mudar ainda mais essa vizão de trabalho, no documentario apesar dos trabalhadores serem ainda tratados como um objeto, esta ocorrendo mudanças para que eles tenham mais segurança e diretos. Para que haja mudanças é necessario um moviemtno individual, e a longo prazo criar uma perctiviva maior para não ser apenas uma mão de obra um objeto do sistema captalista.

 

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.8 Kb)   pdf (53.8 Kb)   docx (11.7 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com