TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A Alimentação Islâmica

Por:   •  2/5/2016  •  Trabalho acadêmico  •  2.162 Palavras (9 Páginas)  •  118 Visualizações

Página 1 de 9

Hábitos Alimentares Islâmicos

Assim como a religião católica e o judaísmo, o islamismo também possui ritual e crenças relacionados à alimentação. A religião influência muito os hábitos alimentares dos mulçumanos. Os pratos mulçumanos são repletos de molhos e temperos, as carnes de cordeiro e frango são as mais consumidas, o café está no topo da lista de bebidas, seguido do chá e leite.  (FIORE, FONSECA)

        

A cozinha mulçumana é uma das mais ricas e fartas do mundo. Não é trabalhosa, mas geralmente são muitos os tipos de pratos servidos durante uma refeição.  Entre os ingredientes mais usados estão os grãos-de-bico, feijão branco, lentilha, ervilha seca, trigo, nozes, semolina, gergelim e carne de cordeiro. Os doces mais apreciados são tortas, bolos pudins e doces, que são aromatizados com mel, água de flor de laranjeira e água de rosas.  Os pratos são preparados com azeite de oliva e manteiga. Os laticínios são muito utilizados, em especial a coalhada laban. As especiarias são o destaque da culinária, uma mistura de especiarias chamada de zaatar é muito usada em alguns pratos e também comida com pão. (ANDERSEN, 2005)

A carne de boi, ave e peixe é pouco utilizada, a mais comum é a de carneiro. A carne de carneiro tem cheiro mais forte do que a de boi. Geralmente o carneiro é abatido com um ano de idade. A carne é macia e saborosa, tem cor vermelho-rosada, nos animais mais velhos a gordura e a carne são mais escuras. (ANDERSEN, 2005)

A carne de carneiro pode ser preparada de diversas maneiras, mas sempre em fogo baixo para que mantenha a suculência. Geralmente as carnes são cortadas em cubinhos ou moídas, já que geralmente se come com as mãos acompanhada de pão. (ANDERSEN, 2005)

O prato mais comum entre os mulçumanos é o quibe, preparado com carne moída. É consumido fruto, assado, de bandeja, cru, na coalhada, de batata e até de peixe. (ANDERSEN, 2005)

Outro prato típico no Oriente Médio é a esfiha, abertas ou fechadas são recheadas de carne moída. E, misturada com arroz é a base do recheio para os legumes como abobrinha, berinjela, folhas de parreira e de repolho. Pode-se dizer que a carne moída é a base da culinária. (ANDERSEN, 2005)

Nos dias de festa, assa-se o carneiro inteiro, recheado também de carne moída arroz e snoubar. (ANDERSEN, 2005)

Individualidades da alimentação Islâmica

Segundo a cultura Islã, Deus, o Altíssimo, disse no Alcorão Sagrado, no capítulo 2, versículo 172: “Ó fiéis, desfrutai de todo o bem com que vos agraciamos e agradecei a Deus, e só a Ele adorais”.  Na medida do poder do alimento de influenciar a alma , saúde, e comportamento o Islã tornou obrigatório a preocupação com a origem do seu alimento, sabendo assim, se ele é lícito ou ilícito. (BRASIL, Alimentos Halal)

São divididos assim, os alimentos que podem ser consumidos, conhecidos como Halal, e os que não devem ser consumidos conhecidos como Haram. (HALAL, 2010)

Os alimentos que são conside rados puros são Halal, são todos aqueles que não são e não derivam de carne de porco, de cães, de animais selvagens, de animais antropomórficos, de aves de rapina, do animal Jallal, e de qualquer outro animal que não foi abatido segundo os métodos aceitáveis Islâmicos. (BRASIL, Alimentos Halal)

        Para um alimento ser considerado Halal é necessário que siga regras de fabricação, no caso das carnes, o abate precisa ser feito segundo as normas dos Serviços de Inspeção Islâmica, que é um sistema de normas rígidas que asseguram a consistência de qualidade Halal. Essas regras deixam clara a forma de produção, o método, os utensílios utilizados, o treinamento dos profissionais e são feitas supervisões constantes por um profissional qualificado e autorizado que assegura o cumprimento das regras. O alimento produzido recebe a certificação Halal quando os serviços de Inspeção Islâmica visita a organização que o produz e acompanha, treina e avalia seu sistema de produção.  A organização certificada recebe visitas frequentes para avaliar se a sua forma de produção continua a obedecer às normas de certificação.  (BRASIL, Alimentos Halal)

        Todos os alimentor Halal são permitidos para o consumo, sendo que não tenham nenhum tipo de ingrediente proibido em sua composição e no caso das carnes, que seu abate tenha cumprido as normas do Alcorão Sagrado e pela Jurisprudência Islâmica. São eles:

  • Peixes (exceto os venenosos);
  • Vegetais (excetos ao que estejam contaminados com pesticidas ou que possam causar alucinações).
  • Produtos minerais e químicos (exceto aqueles que podem intoxicar ou causar algum mal a saúde);
  • Água (desde que não esteja contaminada);
  • Todo produto criado por meio da biotecnologia, extraído de vegetal, mineral e microbiana;
  • Produtos de origem sintética utilizada na indústria de alimentação, sendo que comprovem sua qualidade;
  • Derivado animais, mediante comprovação sob a supervisão CIBAL Halal, que comprove seu abate segundo as regras islâmicas;
  • Queijo processado através de coalho microbiano;
  • Leite de vacas, ovelhas, camelas e cabras;
  • Frutas frescas e secas
  • Legumes
  • Sementes como amendoim, nozes, caju e avelãs;
  • Grãos como trigo, arroz, centeio, cevada, aveia, etc (desde que não estejam contaminados com agrotóxicos);

Os alimentos Haram (não permitidos) são:

  • Carne suína e de cães, pois são considerados animais impuros;
  • Qualquer tipo de animal que não foi abatido através dos métodos considerados aceitáveis pelas regras dos Serviços de Inspeção Islâmica;
  • Sangue;
  • Todos os tipos de bebidas alcoólicas e drogas;
  • Frutos do mar (exceto os vegetais, peixes com escamas e os camarões);
  • Animais servagens;
  • Animais antropomórficos como o macaco;
  • Aves de rapina ( águia e falcão );
  • Répteis, anfíbios e insetos;
  • Tudo o que é considerado impuro (fezes, urina...);
  • O animal Jallal (aquele se alimenta de impurezas);
  • Tudo o que é impuro pelo contato com as impurezaz;
  • Tudo aquilo que é prejudicial para nossa saúde, (veneno e produtos químicos nocivos)
  • Tudo o que não for habitualmente consumido pelo homem (madeira, vidro, terra, etc);  (BRASIL, Alimentos Halal)

Carnes Halal

Não basta restringir-se da carne suína e canina, para seguir a as regras da alimentação islâmica é necessário que todo tipo de carne que seja consumida cumpra as normas de abate halal. São elas:  

...

Baixar como (para membros premium)  txt (14 Kb)   pdf (155 Kb)   docx (304 Kb)  
Continuar por mais 8 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com