TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Confinamento de precisão

Por:   •  11/5/2015  •  Artigo  •  1.486 Palavras (6 Páginas)  •  87 Visualizações

Página 1 de 6

Confinamento de precisão

O termo precisão se refere ao grau de variação de resultados em uma medição, ou seja, quantas vezes atingimos aquele valor ou objetivo. Em engenharia é um termo muito utilizado para sistemas de alta complexidade, que utilizam máquinas mais precisas e controles computadorizados. Na agricultura, é um conjunto de técnicas e de métodos utilizados para aperfeiçoar o manejo das plantações e o uso de insumos com o propósito de atingir melhor eficiência econômica. Na pecuária não é diferente e nem um conceito novo, porém é praticado faz pouco tempo e por apenas uma parcela dos pecuaristas.

A pecuária de precisão envolve diversas técnicas conhecidas, por exemplo: inseminação artificial, IATF, manejo racional, suplementação mineral, adubação de pastagens e o sistema de confinamento. Além disso, também podemos incluir as tecnologias (aditivos alimentares, maquinários e implementos) e os softwares que permitem um sistema de gerenciamento que quantifica e qualifica a produção na fazenda.

Especificamente, o sistema de produção em confinamento pode ser encarado como um passo para atingir essa pecuária de precisão. Entretanto, somente sua realização, sem os critérios adequados, pode tornar todo o modo de produção ineficiente. A ferramenta não deve ser mais importante do que o seu correto manuseio. Assim, hoje observamos inúmeros pecuaristas partindo para uma intensificação sem a elaboração de um planejamento, treinamento correto da mão de obra e tendo resultados péssimos. Por fim, deprecia e rejeita o uso da tecnologia, como uma justificativa para sua ineficiência.

Nesse sentido, o confinamento bem conduzido poderá gerar resultados muito interessantes ao produtor. A tabela 1 mostra uma série de resultados levantados em propriedades rurais que realizam a terminação de gado em confinamento, alguns bons resultados outros não, mas em muitos casos, adaptados a realidade da propriedade entrevistada.

Tabela 1. Índices médios, mínimos e máximos observados em confinamentos (dados de 2013)

Peso médio de entrada

369,510 kg

Peso de entrada (mínimo)

270,000 kg

Peso de entrada (máximo)

463,000 kg

Peso médio final

516,472 kg

Peso final (mínimo)

390,000 kg

Peso final (máximo)

611,000 kg

Arrobas engordadas média

6,217 @

Arrobas engordadas (mínimo)

3,660 @

Arrobas engordadas (máximo)

10,539 @

Dias de confinamento médio

95 dias

GMD

1,497 kg / dia

GMD (mínimo)

1,072 kg / dia

GMD (máximo)

1,815 kg / dia

Consumo médio de MS / dia

10,210 kg de MS / dia

Consumo médio de MS / dia (mínimo)

6,130 kg de MS / dia

Consumo médio de MS / dia (máximo)

14,660 kg de MS / dia

Eficiência alimentar média

163,779 kg de MS / @ engordada

Eficiência alimentar (mínimo)

123,309 kg de MS / @ engordada

Eficiência alimentar (máximo)

248,097 kg de MS / @ engordada

Rendimento de carcaça médio

53,8%

Rendimento de carcaça (mínimo)

50,0%

Rendimento de carcaça (máximo)

57,3%

Fica claro que os resultados técnicos não determinam, exclusivamente, a viabilidade econômica do sistema, entretanto, são parâmetros que devem ser utilizados para a avaliação da eficiência produtiva na propriedade.

Da mesma forma, os sistemas de gerenciamento e controles utilizados nas propriedades nos mostram somente os resultados da aplicação das matérias-primas e os procedimentos executados. Se os dados coletados são bons ou ruins, isso ainda vai depender do operador do sistema e do funcionário encarregado pela tarefa.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (10.4 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »