TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Analise E Desenvolvimento De Sistemas 6 Semestre Individual Unopar

Monografias: Analise E Desenvolvimento De Sistemas 6 Semestre Individual Unopar. Pesquise 785.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  10/11/2014  •  3.392 Palavras (14 Páginas)  •  438 Visualizações

Página 1 de 14

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

2 OBJETIVO 4

3 DESENVOLVIMENTO 5

3.1 Persistência 5

3.1.1 THREADS 6

3.1.1.1 SINCRONISMO DE PROCESSOS 6

3.1.1.1.1 INTERFACE COM USUÁRIOS 7

4 Critérios utilizados para atender a gestão e segurança do sistema de informação. 9

4.1 ENGENHARIA SOCIAL 9

4.2 VULNERABILIDADE 10

4.3 AMEAÇAS E ATAQUES 10

4.4 MEDIDAS DE SEGURANÇA 11

4.5 POLITICA DA SEGURANÇA 12

4.6 AUDITORIA 12

5 CONCLUSÃO 15

REFERÊNCIAS 16

1 INTRODUÇÃO

Esse trabalho apresenta uma ampla pesquisa sobre as técnicas utilizadas em dispositivos móveis, demonstrando as vantagens e desvantagens das mesmas.

A comunicação sempre foi uma das necessidades da sociedade humana, de acordo com o crescimento das civilizações que ocupavam áreas cada vez mais dispersas geograficamente, a comunicação à longa distância se tornava uma necessidade cada vez maior e um desafio. As formas de comunicação rudimentares como sinais de fumaça ou pombos correios foram uma das maneiras encontradas por nossos ancestrais para tentar aproximar as comunidades distantes.

Os equipamentos para processamento e armazenamento de dados foram alvos de grandes investimentos e, a introdução das redes de computadores nos meios acadêmicos e industriais na década de 1950 foi, provavelmente, o maior avanço nesse sentido.

No que diz respeito à persistência em ambientes computacionais, o complicador é quando esse mesmo ambiente tem recursos de armazenamento restrito e, ainda, uma arquitetura de hardware e software bem diferente da encontrada em desktops ou grandes servidores, como é o caso dos dispositivos móveis.

2 OBJETIVO

O objetivo principal no desenvolvimento desse trabalho é realmente apresentar as pesquisas voltadas ao tema proposto. Mostrar todos os procedimentos que devem ser adotados para a utilização e desenvolvimento dos dispositivos móveis, em cada um dos recursos utilizados está descritos, o que e como devem ser executados.

Com isso vamos chegar a descrever os critérios utilizados para atender a gestão, segurança, vulnerabilidade e politicas que devem ser adotadas no tratamento de informações, pois a informação é o meio mais importante para qualquer aplicativo ou até mesmo no meio empresarial, pois tem que ser tratada com sigilo e cuidado e no desenrolar do trabalho vamos ver o que deve ser feito.

3 DESENVOLVIMENTO

Nesse tópico vamos abordar algumas das técnicas disponíveis e utilizadas em desenvolvimento de aplicativos para dispositivos móveis como as que veremos logo abaixo:

3.1 PERSISTÊNCIA

A capacidade de persistir dados ou armazenar informações é sem dúvida um dos recursos mais importantes em qualquer linguagem de programação. A persistência de dados diz respeito ao armazenamento de dados não volátil, ou seja, os dados não são perdidos ao serem gravados, por exemplo, o dispositivo físico como o disco rígido. Quando você grava um arquivo no disco, esse dado está sendo eternizado, ou seja, deixa de ficar volátil na memoria RAM e passa a ser escrito num dispositivo que armazena a informação de modo que ela não desapareça facilmente. O termo Persistência é associado a uma ação que consiste em manter em meio físico recuperável, como arquivo ou banco de dados, de modo que garanta a permanência das informações de um determinado estado de um objeto lógico.

Na orientação a objetos, chamam-se objetos persistentes “aqueles que permanecem existindo mesmo como o término da execução do programa”. Só é possível eternizar um objeto quando este não possui dados dinâmicos, ou seja, dados que só fazem sentido no contexto do tempo em que estão executando, como sockets. Existem algumas vantagens propiciadas pela persistência local temporária em aplicações desenvolvidas para dispositivos móveis e que acessam dados externos a estes dispositivos. Para isso, desenvolveu-se uma aplicação moldada sob os princípios da arquitetura cliente-servidor, sendo uma única versão para aplicação servidora e dias versões para a aplicação cliente.

A persistência oferece maior agilidade e flexibilidade. Os dispositivos móveis são cada vez mais utilizados, tanto por pessoas quanto por empresas, e propiciam mobilidade e praticidade na execução de tarefas do dia-a-dia. Com isso, o número de aplicações para tais dispositivos tem crescido, fazendo com que haja transmissão de dados mesmo sem um meio físico de comunicação.

Armazenar dados para uma posterior recuperação é uma constante na maioria dos ambientes computacionais, seja para persistência simples de parâmetros de configurações de algum sistema ou persistência de informações digitadas pelo usuário para alimentar algum banco de dados.

3.1.1 THREADS

Um pequeno programa que trabalha como um subsistema independente de um programa maior, executando alguma tarefa específica. Um programa dividido em vários threads pode rodar mais rápido que um programa monolítico, pois várias tarefas podem ser executadas simultaneamente. Os vários threads de um programa podem trocar dados entre si e compartilhar o mesmo espaço de memória e os mesmos recursos do sistema.

Para o programador, existem vantagens e desvantagens em dividir um programa em vários threads. Por um lado isso facilita o desenvolvimento, pois é possível desenvolver o programa em módulos, testando-os isoladamente, ao invés de escrever um único bloco de código. Mas, por outro lado, com vários threads o trabalho torna-se mais complexo, devido à interação entre eles.

Existem diferenças na maneira como os sistemas operacionais executam processos e threads. Por exemplo, o Windows tem mais facilidade para gerenciar programas com apenas um processo e vários threads, do que com vários processos e poucos threads, pois Windows o tempo para criar um processo e alternar entre eles é muito grande. O Linux e outros

...

Baixar como (para membros premium)  txt (23.3 Kb)  
Continuar por mais 13 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com