TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Ask Your Friends For Help...

Por:   •  21/11/2014  •  549 Palavras (3 Páginas)  •  269 Visualizações

Página 1 de 3

Notas: 1

O desenvolvimento de energias alternativas, de acordo com um relatório da ONU, deve criar mais de 20 milhões de empregos ao redor do mundo nas próximas décadas. Entretanto, a criação de empregos vai depender da implantação e expansão de políticas que estimulem a redução de emissões de gases causadores do efeito estufa e a migração de subsídios das antigas formas de energia para as novas.

O relatório também ressalta que muitos empregos na indústria de biocombustíveis não são justos com os trabalhadores, por exemplo, nas plantações de cana-de-açúcar e óleo de palma em países como Brasil, Colômbia, Malásia e Indonésia. Também existem preocupações de que a produção de biocombustíveis em larga escala possa expulsar um grande número de pessoas de suas terras no futuro.

Assim, um “acompanhamento de perto” será necessário para determinar que porção dos empregos em biocombustíveis pode ser considerada decente. Além disso, a fabricação, instalação e manutenção de painéis solares devem acrescentar outros 6,3 milhões de empregos até 2030; a energia eólica deve somar mais de dois milhões de empregos, e mais postos de trabalho podem ser criados nos setores da construção, da reciclagem e na fabricação de veículos alternativos.

A partir da leitura dos dados apresentados, é possível afirmar que:

I- A probabilidade de aumento de empregos verdes no segmento de energias alternativas está condicionada apenas à adoção de políticas governamentais que priorizem o fortalecimento das economias globais, sem considerar a incorporação da questão ambiental.

II- O trabalho, no segmento de biocombustíveis, pode determinar, em alguns países, condições não dignas aos trabalhadores.

III- O relatório da ONU deixa implícito que o trabalho no segmento de “energia verde” nem sempre é decente.

Sobre estas afirmações, conclui-se que:

Notas: 1

O desenvolvimento de energias alternativas, de acordo com um relatório da ONU, deve criar mais de 20 milhões de empregos ao redor do mundo nas próximas décadas. Entretanto, a criação de empregos vai depender da implantação e expansão de políticas que estimulem a redução de emissões de gases causadores do efeito estufa e a migração de subsídios das antigas formas de energia para as novas.

O relatório também ressalta que muitos empregos na indústria de biocombustíveis não são justos com os trabalhadores, por exemplo, nas plantações de cana-de-açúcar e óleo de palma em países como Brasil, Colômbia, Malásia e Indonésia. Também existem preocupações de que a produção de biocombustíveis em larga escala possa expulsar um

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3.8 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com