TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

IMPACTOS AMBIENTAIS DE RESÍDUOS SÓLIDOS E SUAS IMPLICAÇÕES PARA RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS

Por:   •  5/10/2013  •  1.424 Palavras (6 Páginas)  •  490 Visualizações

Página 1 de 6

IMPACTOS AMBIENTAIS DE RESÍDUOS SÓLIDOS E SUAS IMPLICAÇÕES PARA RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO

TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL

WILSON APARECIDO RAMOS

IMPACTOS AMBIENTAIS DE RESÍDUOS SÓLIDOS E SUAS IMPLICAÇÕES PARA RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS

IBAITI-PARANÁ

2013

WILSON APARECIDO RAMOS

IMPACTOS AMBIENTAIS DE RESÍDUOS SÓLIDOS E SUAS IMPLICAÇÕES PARA RECUPERAÇÃO DE ÁREAS DEGRADADAS

Trabalho do curso de TECNOLOGIA EM GESTÃO AMBIENTAL apresentado à Universidade Norte do Paraná - UNOPAR, como requisito de média semestral para as disciplinas de Atividades Interdisciplinares:Portfólio Individual.

Orientadores: Profºs.Leliana Casagrande, Luciana Andréia Pires, Luciana Trigueiro, Rodrigo Trigueiro, Sérgio de Góes Barbosa e Thiago Augusto Domingos.

IBAITI - PARANÁ

2013

SUMÁRIO

RESUMO....................................................................................................4

INTRODUÇÃO..........................................................................................5

DESENVOLVIMENTO............................................................................6

CONCLUSÃO............................................................................................9

REFERENCIAS BIBLIOGRÁFICAS....................................................10

RESUMO

Um dos principais problemas da qualidade ambiental das cidades brasileiras é o volume cada vez mais crescente do lixo produzido pela população. A destinação final dos resíduos sólidos urbanos de maneira incorreta tem levado a sociedade a discutir as técnicas eficientes para a recuperação das áreas degradadas. As buscas de solução por parte dos gestores públicos esbarram da carência de recursos que são necessários para a implantação de Aterros Sanitários Controlados; Usina de Reciclagem, Compostagem, Coleta Seletiva dentre outras. Neste artigo pretende-se demonstrar que a eficiência na recuperação destas áreas, passa pela análise e avaliação criteriosa dos comumente chamados “lixões a céu aberto”.

Os gestores públicos em parceria com a sociedade pode e deve estabelecer um parâmetro de conscientização para a minimização dos impactos causados pelo próprio homem.

Palavras chave: Resíduos; Recuperação; Meio ambiente.

INTRODUÇÃO:

A produção de lixo gerada pela população brasileira cresce a cada dia e em quantidades cada vez maiores, notadamente pelo aumento do consumo, e pela inclusão das camadas mais empobrecidas do País, nos programas sociais do Governo Federal, tais como Bolsa Família, Bolsa Escola, Vale Gás, Tarifas Sociais de Água e Luz, etc..., tornando um dos principais problemas ambientais do País.

A disposição final destes Resíduos Sólidos Urbanos em áreas adequadas, visando à prevenção dos impactos negativos ao meio ambiente ou à saúde pública tem sido uma das grandes preocupações dos gestores públicos, pois o Ministério Público, a todo instante multam as administrações municipais, para que seja feito a destinação final dos resíduos sólidos urbanos de forma adequada.

Destarte a pressão exercida pelos órgãos de fiscalização, as administrações públicas esbarram ainda, na falta de capacitação técnica e o alto custo de investimento para a implantação de Aterros sanitários controlados, com aproveitamento do material

...

Baixar como (para membros premium)  txt (10.4 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com