TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A AMOSTRAGEM ESTRATIFICADA

Por:   •  1/9/2016  •  Trabalho acadêmico  •  418 Palavras (2 Páginas)  •  1.115 Visualizações

Página 1 de 2

Gustavo Albano da Silva Sandri

Raniela Silva

Amostragem Estratificada

Em uma população que pode ser dividida em subpopulações distintas, mais ou menos homogêneas, cada parcela destas pode ser denominada estrato. Após a determinação dos estratos, escolhe-se uma amostra aleatória simples de cada estrato podendo ser:

  • Amostragem Estratificada Proporcional:

A proporcionalidade do tamanho de cada extrato da população deve ser mantida na amostra. Exemplo: Se o estrato escolhido for equivalente a 15% da população, a amostra do estrato deve ser 15% também.

  • Amostragem Estratificada Uniforme:

O número de elementos de cada estrato é determinado e é igual em todos os extratos.

Exemplo:        Pesquisa sobre a classe econômica predominante entre os compradores de um determinado tipo de cerveja a fim de estabelecer um novo preço de venda.

Amostragem Sistemática

A amostra deve ter algum tipo de critério entre os sujeitos selecionados. Dois pontos importantes nesse tipo de amostragem são o intervalo de amostragem e o ponto de início da amostra.

Exemplo:        Deseja-se determinar a altura média de uma turma com base na ordem alfabética. Para isso, chamam-se 5 alunos com cada inicial em ordem alfabética.

Amostragem de Conglomerado

A amostra por conglomerados é uma técnica que explora existência de grupos (clusters) na população. Esses grupos representam adequadamente a população total em relação a característica que queremos medir. Em outras palavras, estes grupos contêm variabilidade da população inteira. Se isso acontecer, você pode selecionar apenas alguns desses conglomerados para realizar o estudo.

Exemplo:        Pesquisa eleitoral sobre a prefeitura de uma cidade, onde os bairros podem ser considerados conglomerados.

Amostragem por Conveniência

Esta técnica é muito comum e consiste em selecionar uma amostra da população que seja acessível. Ou seja, os indivíduos empregados nessa pesquisa são selecionados porque eles estão prontamente disponíveis, não porque eles foram selecionados por meio de um critério estatístico. Geralmente essa conveniência representa uma maior facilidade operacional e baixo custo de amostragem, porém tem como consequência a incapacidade de fazer afirmações gerais com rigor estatístico sobre a população.

Exemplo:        Se deseja saber a opinião de estudantes universitários sobre o impeachment da presidenta. Para realizar uma amostra probabilística, seria necessário ter acesso a todos os estudantes universitários, selecionar um grupo aleatório e realizar a pesquisa. Mas, para realizar uma amostra por conveniência, poderíamos abordar três universidades próximas, simplesmente porque representam o local onde a população da pesquisa “reside”, perguntar a alguns estudantes de um período qualquer se estes concordam em participar e quais suas respectivas opiniões.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.9 Kb)   pdf (54.2 Kb)   docx (9.8 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com