TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

De que forma a estatística pode auxiliar no processo de tomada de decisão dos gestores dentro de uma organização empresarial

Por:   •  3/6/2013  •  Trabalho acadêmico  •  1.702 Palavras (7 Páginas)  •  406 Visualizações

Página 1 de 7

1 INTRODUÇÃO

Na era do conhecimento, os métodos estatísticos têm um papel crucial, além de uma poderosa ferramenta, passam a ser vistos como um poderoso método de gestão. Por isso a necessidade de avaliar e reconhecer se uma evidência estatística apoia, realmente, uma conclusão apresentada. Com este trabalho, pretende-se mostrar que cada vez mais as organizações exigem de seus administradores amplos conhecimentos nos mais diversos setores. O uso da estatística incentiva a reagir de modo inteligente às informações que lê ou escuta, passando a refletir, analisar e questionar as informações encontradas, facilitando, assim, o trabalho dos administradores de organizar, dirigir e controlar as organizações.

2 DESENVOLVIMENTO

2.1 A ESTATÍSTICA POR MEIO DA ANÁLISE DE PROBABILIDADES PODE AJUDAR AS EMPRESAS A PREVEREM CENÁRIOS EM SEUS PLANEJAMENTOS?

Sim. A distribuição de probabilidades é um modelo estatístico que mostra os possíveis resultados de um determinado evento ou curso de ação, bem como a probabilidade estatística de cada evento. Por exemplo, uma empresa pode ter uma distribuição de probabilidade para a mudança nas vendas dadas uma campanha de marketing específica. Os valores sobre as "caudas", ou a extremidade esquerda e direita da distribuição é muito menos provável de ocorrer do que as do meio da curva.

Distribuição de probabilidade pode ser usada para criar análises de cenários. Uma análise de cenário usa distribuições de probabilidades para criar vários, teoricamente possibilidades distintas para o resultado de um determinado curso de ação ou evento futuro. Por exemplo, uma empresa pode criar três cenários: o pior caso, o provável e melhor caso. O cenário de pior caso deverá conter um valor a partir da extremidade inferior da distribuição de probabilidade, o cenário mais provável conteria um valor para o meio de distribuição, e na melhor das hipóteses, conteria um valor na extremidade superior do cenário.

Um uso prático para distribuições de probabilidade e análise de cenários no negócio é de prever níveis futuros de vendas. É essencialmente impossível prever o valor exato de um nível de vendas futuras, no entanto, as empresas ainda precisam ser capazes de planejar eventos futuros. Usando uma análise de cenário com base em uma distribuição de probabilidades pode ajudar uma empresa a armação de seus possíveis valores futuros em termos de um nível de vendas e um provável cenário de pior caso e melhor caso. Ao fazer isso, a empresa pode basear seus planos de negócios no cenário provável, mas ainda estar ciente das possibilidades alternativas.

2.2 O USO DA ESTATÍSTICA SERIA RESTRITO AOS PROFISSIONAIS DA ÁREA DE MATEMÁTICA E ESTATÍSTICA? JUSTIFIQUE A RESPOSTA.

Não. A evolução vertiginosa de novas tecnologias e o acesso às informações caracteriza um novo cenário de crescentes complexidades e incertezas, onde a questão da competitividade torna-se imperativa, exigindo que as organizações qualifiquem seus processos produtivos, tendo em vista um novo paradigma do consumidor: qualidade e custo. Sempre visando melhorar a qualidade para propiciar maior competitividade em busca de ampliar o mercado consumidor, as organizações estão sempre pesquisando fatores. Os bancos universitários devem inserir em seus conteúdos instrumentos estatísticos que venham a preparar os futuros profissionais para o mercado de trabalho, visto a importância do desenvolvimento do pensamento estatístico frente às necessidades de todas as áreas do conhecimento.

São inúmeras as possibilidades dessas técnicas, o suficiente para afirmar que seria impossível o total domínio delas a ponto de satisfazer a todas as necessidades informacionais.

2.3 DE QUE FORMA A ESTATÍSTICA PODE AUXILIAR NO PROCESSO DE TOMADA DE DECISÃO DOS GESTORES DENTRO DE UMA ORGANIZAÇÃO EMPRESARIAL?

Vivemos rodeados de tantas informações que não se pode negar o quanto a estatística nos é útil e o quanto esta ciência vem se transformando em uma das competências mais importantes no processo de tomada de decisão.

A racionalização do trabalho, seguida da visão humanística, e chegando a complexas estruturas de organização social, tudo isso sedimentou os processos empresariais e valorizou a flexibilização dos métodos gerenciais, partindo da criação de mecanismos que propiciaram diagnosticar antecipadamente os riscos do negócio e sustentar uma tomada de decisão.

Conforme Jacobi et al.(2002), a velocidade das novas tecnologias estabeleceu um ambiente competitivo ao extremo, onde a luta por preço, prazo, qualidade e flexibilidade faz o dia

...

Baixar como (para membros premium)  txt (12.1 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com