TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS – APS

Por:   •  9/10/2020  •  Trabalho acadêmico  •  5.843 Palavras (24 Páginas)  •  12 Visualizações

Página 1 de 24

UNIVERSIDADE PAULISTA

 

GISELE CRISTINA DA SILVA RA D3478B8    

RODRIGO PROENÇA RAINHA      RA T2746C5  

THIAGO DE CASTRO DOS SANTOS RA D4275F-2

VINÍCIUS RODRIGUES DO NASCIMENTO    RA D4129A3   

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS – APS

Plano de Negócio

SÃO PAULO

2018

GISELE CRISTINA DA SILVA    RA D3478B8      

RODRIGO PROENÇA RAINHA      RA T2746C5  

THIAGO DE CASTRO DOS SANTOS RA D4275F-2

VINÍCIUS RODRIGUES DO NASCIMENTO    RA D4129A3   

ATIVIDADES PRÁTICAS SUPERVISIONADAS – APS

Plano de Negócios

Trabalho da disciplina de APS – Atividades Práticas Supervisionadas do  5º semestre do curso de graduação em Sistemas de Informação e Ciências da Computação apresentado à Universidade Paulista – UNIP.

Orientador: Prof. Saulo Rosa

                                                        

SÃO PAULO

2018

SUMÁRIO

1 OBJETIVO03

2 INTRODUÇÃO04

3 MODELAGEM DE NEGÓCIOS, PLANO DE NEGÓCIOS E EMPREENDEDORISMO – CONCEITOS GERAIS05

4 PLANO DE NEGÓCIO............................................................................................07

4.1 Capa07

4.2 Sumário07

4.3 Sumário Executivo08

4.4 Descrição da Empresa08

4.5 Produtos e Serviços09

4.6 Mercado e Competidores09

4.7 Marketing e Vendas07

4.8 Análise Estratégica08

4.9 Plano Financeiro09

4.10 Anexos09

5 CONCLUSÃO11

ANEXOS - FICHAS APS 23

REFERÊNCIAS27

 

1 OBJETIVO

Este projeto foi realizado com o intuito de obter experiência prática na elaboração de um pano de negócios. Uma pesquisa, utilizando-se fontes formais de informação, será realizada para coletar conceitos teóricos sobre modelagem de negócio, plano de negócio e empreendedorismo, assim como seus tópicos, aplicações e exemplos.

Após o levantamento da parte conceitual, o grupo escolherá uma pequena empresa, especializada em uma atividade que deverá ser definida pelo grupo, bem estabelecida em uma cidade do interior do estado de São Paulo que deseja analisar novas oportunidades de negócios em suas atividades.

O grupo deve definir e justificar se essa nova oportunidade será devido ao aumento de atividades já desempenhadas pela empresa ou o início de uma nova atividade ou produto. Para tal, a elaboração de um plano de negócios deverá ser realizada, levando-se em consideração que será apresentado ao diretor da empresa.

.  

   

2 INTRODUÇÃO

O projeto sugerido ao grupo foi a elaboração de um pano de negócios para uma empresa do interior do Estado de São Paulo. Essa micro empresa é uma pequena loja, localizada na cidade de Embu Guaçu, que presta serviços de reparo a artigos de couro voltado ao público de cavaleiros da região. Uma vez que serviços de reparo são prestados, e os clientes acabam visitando a loja para recolher seus itens, alguns produtos novos são disponibilizados à venda. Verificou-se portanto, a oportunidade de expansão desse negócio, com novas atividades, que vão desde a estruturação formal da loja, com a implementação de um banco de dados para controle dos produtos e das vendas, a ampliar o público alvo de clientes, com a introdução de novos produtos, como bolsas e pulseiras, mais voltado ao ramo da moda country.

Este trabalho apresenta uma definição teórica sobre Modelagem de Negócios, Plano de Negócios e Empreendedorismo. O capítulo 3, que abordará essa parte conceitual, servirá de alicerce para a elaboração prática do plano de negócios, que será apresentado no capítulo 4. A parte teórica dessa pesquisa poderá, inclusive, ser utilizada como referência ao proprietário do negócio escolhido como case, uma vez que, por se tratar de um micro empreendimento muito simples, essas noções de negócio mais estruturadas não fazem parte da cultura da empresa escolhida. Com boas noções de modelagem de negócios, com o plano de negócios elaborado e com noções de empreendedorismo, espera-se contribuir, não somente para a implantação da nova atividade no negócio, mas, também, melhorar os processos já existentes no modelo atual de negócios.

O capítulo 4 aborda o Plano de Negócio elaborado para a referida empresa que foi escolhida como case para o trabalho. A primeira parte do plano de negócios a ser apresentada é a capa, contendo o nome e o logo da empresa. Seguido do sumário, apresentando a estrutura do plano. O sumário executivo, segue como sendo o primeiro capítulo efetivo do plano, parte na qual encontra-se um pequeno resumo de todas as outras partes, sintetizando o teor das informações contidas no plano. Há um capítulo contendo a descrição da empresa, contextualizando o modelo de negócio atual e vislumbrando a oportunidade da introdução de novas atividades de negócio.

Há um capítulo dedicado aos produtos e serviços disponibilizados pela empresa, assim como a nova gama de produtos e serviços que poderão ser apreciados nesse novo formato de negócio. A parte seguinte aborda o mercado no qual o ramo de atividade da loja está inserido assim como os competidores.

As estratégias de marketing e vendas, assim como a análise estratégica do negócio serão abordados em capítulos específicos, dando visibilidade das ferramentas que poderão ser utilizadas no novo modelo de negócio e as estratégias a serem implementadas para que esse modelo possa obter sucesso.

A última parte do plano de negócios será o Plano Financeiro que demonstrará em números a situação da empresa. Um anexo também segue o plano de negócios para apresentar a parte gráfica necessária para ilustrar as informações apresentadas sobre o negócio.

        

3 MODELAGEM DE NEGÓCIOS, PLANO DE NEGÓCIOS E EMPREENDEDORISMO – CONCEITOS GERAIS

3.1 Modelagem de Negócios

                                    Modelagem de negócios ou BPM (Business Process Modeling), é um molde de negócio que unifica gestão de negócios e tecnologia da informação com ênfase na produtividade, otimização e melhorias dos resultados pelo processo do negócio. O desenvolvimento de técnicas de modelagem de processos é bem antigo, e se arrasta desde 1899 com os gráficos de Gantt e os fluxogramas, por volta do ano de 1920. No entanto, a modelagem de processos de negócios só foi salientada em 1990 quando empresas começaram a rever seus planos de negócios e a pensar em “processos” em vez só de “funções”, e com a tecnologia cada vez mais presente nos negócios o BPM cresceu muitos nos últimos anos, fazendo que a modelagem seja uma grande parte para um negócio de sucesso e autossustentável.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (37.4 Kb)   pdf (472.6 Kb)   docx (326.8 Kb)  
Continuar por mais 23 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com