TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Relatório de Físico Química

Por:   •  7/4/2021  •  Relatório de pesquisa  •  3.082 Palavras (13 Páginas)  •  9 Visualizações

Página 1 de 13

                        

[pic 1][pic 2]       Universidade Federal da Grande Dourados

      Faculdade de Ciências Exatas e Tecnologia

             Curso de Licenciatura em Química

Valéria Cavania

         Determinação da entalpia e entropia de dissolução de uma substância

         

         Dourados, 2020

Valéria Cavania

          Determinação da entalpia e entropia de dissolução de uma substância

Relatório apresentado como requisito parcial para obtenção de aprovação na disciplina de Físico-Química experimental I, no Curso de licenciatura em química, na Universidade Federal da Grande Dourados. Prof. Dra. Adriana Evaristo de Carvalho

                        

Dourados, 2020.

                                                      Resumo

O presente relatório submete a prática de experimento denominado Determinação da entalpia e entropia de dissolução de uma substância, conteúdo da disciplina encontrado grade curricular do curso de química. Com a finalidade da realização através de materiais e procedimentos experimentais, demonstrando possíveis resultados através de manuseio e como aprendizagem sobre o determinado conteúdo da disciplina, na elaboração de etapas necessárias para a discussão e conclusão de resultados.

Sumário

SUMÁRIO

  1. INTRODUÇÃO..............................................................................................................5
  2. OBJETIVOS...................................................................................................................8
  3. EXPERIMENTAL..........................................................................................................8
  1. Materiais e equipamentos................................................................................................8
  2. Procedimento experimental.............................................................................................8
  1. RESULTADOS E DISCUSSÃO...................................................................................9
  2. CONCLUSÃO..............................................................................................................15
  3. REFÊRENCIA BIBLIOGRAFICA............................................................................16


  1. Introdução

A termoquímica é o estudo do calor produzido ou consumido nas reações químicas, é um ramo na termodinâmica, pois nas reações químicas existe troca de energia entre o sistema e a vizinhança. [1]

Quando um processo libera calor para a vizinhança sendo chamado de exotérmico, ocorrendo a diminuição de entalpia de um sistema e quando recebe calor de endotérmico, provocando a elevação de entalpia. [1]

A variação de energia interna não é igual a energia transferida na forma de calor quando o volume não for constante. Parte da energia fornecida como calor retorna a vizinhança na forma de trabalho de expansão. No caso da propriedade termodinâmica do sistema, chamada entalpia, o calor fornecido quando se tem pressão constante. [1]

A entalpia (H), e definida como:  

                                                              (1)[pic 3]

Sendo:

p: pressão do sistema; V: volume. Como U, p e V são funções de estado, tornando a entalpia uma função de estado.

        A variação de entalpia é igual ao calor fornecido ao sistema, a pressão constante, sem trabalho extra.

[pic 4]

[pic 5]

[pic 6]

Desta forma, o calor total de uma determinada mistura é possível ser verificado experimentalmente. Denomina-se calor de solução a variação de energia, quando uma substancia dissolve a outra sendo assim o próprio calor da dissolução.

A solubilidade de uma substância pode ser aumentada por qualquer processo que faça o seu produto iônico ser igual ou menor que o seu Kps. Podendo ser diminuído por qualquer processo que a torne supersaturada. Em relação ao que o principio de Le Chatelier relatou. [2]

O efeito da temperatura dependerá do efeito térmico no qual acompanha a dissolução do precipitado. O aumento da temperatura em reações endotérmica ocorre o aumento na solubilidade, já em reações exotérmicas ocorre a diminuição de solubilidade[2]

Portanto se a reação A🡪B é exotérmica, ocorrerá à diminuição da constante de equilíbrio K, a reação favorecida será B🡪A. Se a reação A🡪B é endotérmica, ocorrerá o aumento da constante de equilíbrio K, a reação favorecida será A🡪B. Confirmando o principio de Le Chatelier, dito que a presença do íon comum desloca o equilíbrio no sentido de diminuição a solubilidade do precipitado  [3]

Com o aumento da temperatura o equilíbrio se deslocará no sentido endotérmico da reação e uma diminuição no sentido exotérmico. O cientista que estudou sobre as influencias de temperatura perante a solubilidade foi Van´t Hoff. [3] 

Para uma reação química em equilíbrio utilizando a equação da variação de energia de Gibbs temos:

                                                (2)[pic 7]

Dito que:

 : variação de energia de gibbs padrão; R: constante dos gases; T: temperatura termodinâmica; Q: quociente reacional.[pic 8]

Se tratando de espontaneidade da reação, quando temos:

>0: não espontâneo [pic 9]

=0: equilibrio[pic 10]

<0: espontâneo [pic 11]

        Considerando em um estado de equilíbrio(=0): [pic 12]

                                          (2.1)[pic 13]

...

Baixar como (para membros premium)  txt (16.3 Kb)   pdf (397.4 Kb)   docx (754 Kb)  
Continuar por mais 12 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com