TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Resumo Sobre o Nitrogênio, Fósforo e Seus Compostos

Por:   •  10/9/2019  •  Projeto de pesquisa  •  522 Palavras (3 Páginas)  •  6 Visualizações

Página 1 de 3

Resumo sobre o Nitrogênio, Fósforo e seus compostos

NITROGÊNIO
1º EXPERIMENTO:

Deve-se aquecer uma pequena quantidade de cloreto de amônio sólido em um tubo de ensaio para observar a volatilidade desse composto ao ocorrer à sublimação. Pode-se dizer que será liberado um gás, o NH3, e ele terá um caráter ácido devido a formação do HCl.

2º EXPERIMENTO

  1. Deve-se adicionar, separadamente, em dois tubos de ensaio soluções de permanganato de potássio e de dicromato de potássio e depois aquece-las. Pode-se dizer que no caso da primeira haverá liberação de gás(N2) e na segunda um amarelamento da solução por conta do Cr2O3
  2.  Deve-se adicionar a um pote de porcelana 2g de dricomato de amônio e depois aquecer, para, assim, observar o poder redutor do amônio.

3º EXPERIMENTO:

  1. Deve-se adicionar em tubos de ensaio solução diluídas de sulfato de hidrazina e em cada uma delas adicionar oxidantes, separadamente, como: iodo, cromato de potássio e permanganato de potássio.
  2. Deve-se repetir esse processo adicionando acido sulfúrico diluído em cada um dos tubos
  3. Deve-se repetir o mesmo processo, mas agora adicionando gotas de hidróxido de sódio em cada um dos tubos.

Pode-se dizer que a hidrazina em meio básico forma um precipitado (CrSO4) de cor escura esverdeada ao reagir com o cromato de potássio, podendo concluir que a hidrazina é mais redutora em meio básico do que ácido.

4º EXPERIMENTO:

Deve-se adicionar a pedaços de zinco gotas de ácido nítrico concentrado, ácido nítrico diluído com 2 volumes de água e com 10 volumes de água, tudo separadamente. Deve-se repetir o mesmo processo, depois, para o cobre, com os mesmos reagentes. Pode-se observar em todos os casos a liberação do gás NO2 havendo formação de bolhas e pode-se dizer que todas são ditas exotérmicas.

FÓSFORO

5º EXPERIMENTO:

        Devem-se adicionar à água destiladas separadamente em alguns tubos de ensaio pequenas quantidades de um fosfato tribásico, fosfato dibásico e fosfato monofásico, podendo ser eles de sódio ou potássio. Ao final deve-se testar o pH das soluções encontradas. Pode-se observar que a medida que o fosfato vai aumentado sua basicidade o pH da solução vai aumentando, devido ao aumento da liberação de OH-(hidroxila).

6º EXPERIMENTO:

        Deve-se utilizar  1mL das soluções do 5º experimento e a elas adicionar 0,5mL de ácido nítrico e 1mL de solução de molibdato de amônio, separadamente.

7º EXPERIMENTO:

        Deve-se aquecer em alguns tubos de ensaio separadamente até o desprendimento de vapor de água quantidades solidas de um fosfato de tribásico, um fosfato dibásico e um fosfato monobásico de sódio ou potássio. Ao esfriar, deve-se adicionar alguns mL de água e depois adicionar molibdato de amônio e ácido nítrico como no 6º experimento.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3.3 Kb)   pdf (38.1 Kb)   docx (8.3 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com