TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Administração dos recursos materiais patrimoniais

Por:   •  23/9/2015  •  Pesquisas Acadêmicas  •  387 Palavras (2 Páginas)  •  512 Visualizações

Página 1 de 2

Etapa 1 - Administração dos recursos materiais patrimoniais

Chegamos à conclusão que a administração está em todos os lugares, inclusive no material que usamos no dia-a-dia.

Uma observação interessante de administração de materiais, seria, por exemplo numa empresa, o tempo gasto para a procura de ferramentas. Se a empresa tivesse uma política de organização e de administração de seus materiais, seria economizado cerca de 20% do tempo dos operadores da mesma. Se contar que isso geraria um custo de 7 a 12 vezes a mais no orçamento anual de ferramentas.

A administração de materiais está desde a identificação do fornecedor, na compra do bem, o recebimento, o transporte interno, o processo produtivo e na sua estocagem como produto finalizado. Além disso, é constituída por diversos fatores, entre eles estão, o capital, os bens e o patrimônio. O capital é todo o recurso liquido que pode ser utilizado na aquisição de outros equipamentos. Os bens são tudo aquilo que são capazes de gerar produtos e serviços. Exemplo, um equipamento de produção ou um veículo que preste serviços. O patrimônio, pode ser considerado todos os direitos e obrigações de uma empresa, além de seus bens e valores.

Outro fator importante, é o recurso tecnológico, fundamental para gerenciar seus produtos e serviços, gerir seus conhecimentos e saber tudo que se passa dentro da empresa, desde como é transmitido, aplicado e preservado.

Há diversas tecnologias utilizadas nas empresas hoje em dia, uma delas é a ferramenta PRP (Product Realization Process – Processo de realização do produto). Essa ferramenta divide-se em 6 fases. Resumindo, na primeira fase é identificada a necessidade do cliente, onde se deve conciliar produto e serviço, se está dentro dos objetivos da empresa e se gerará um aumento na competitividade. Na segunda fase, é definido os requisitos do produto, qual sua funcionalidade, e para que serve. Na terceira fase, é onde se desenvolve o produto e as ideias em grupo é posta em prática no projeto. Na quarta fase, o projeto é aprimorado e como será produzido, e quais serão os recursos necessários. Na quinta fase, são feitas as analises, desde o produto pronto, quando surgirão problemas e seu descarte final, analises de custos etc. E na sexta e última fase, é onde são feitos testes nos protótipos do produto, e se realmente atendeu as necessidades do cliente, e gerando assim um feedback.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.4 Kb)   pdf (34.8 Kb)   docx (10.9 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com