TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

ATPS CONTABILIDADE TRIBUTARIA ETAPA 1 E 2

Por:   •  12/11/2015  •  Trabalho acadêmico  •  2.599 Palavras (11 Páginas)  •  332 Visualizações

Página 1 de 11

Sumário

Introdução        

Contabilidade Tributária nas Empresas        

EMPRESA, PRODUTO E TRIBUTAÇÃO        

Tributação        

Demonstração do Resultado do Exercício        

Folha de Pagamento        

Reelaboração da Demonstração do Resultado do Exercício – DRE Abril/2014        

Referências Bibliográficas        

Introdução

No estudo de Ciências Contábeis aprende-se que a Contabilidade é um importante provedor de informações para a tomada de decisão de seus receptores.

Neste estudo verifica-se a existência de diversas vertentes, todas consideradas importantes para a gestão da empresa, dentre elas, destaca-se a Contabilidade Tributária, pois, proporciona conhecimento dos efeitos causados pelos Tributos sobre o Patrimônio das Entidades.

        Desde os primórdios o homem é “obrigado” a pagar tributos. Na antiguidade os impostos eram cobrados do povo pelos soberanos, pois, havia a concepção de que os reis e imperadores eram deuses e por esse motivo deveriam ser “sustentados” pelos seus súditos. Com o passar dos séculos instituiu-se o Estado, foram criados órgãos e leis que regem a cobrança de diversos tipos de tributos responsáveis pela manutenção e sustentação do Estado. Atualmente a obrigação tributária não se resume apenas ao pagamento dos tributos, existem as obrigações acessórias, que, se eventualmente forem descumpridas acarretarão em aplicação de multas.

Conhecer a origem, história e aplicabilidade destes tributos é necessário para todo e qualquer cidadão, para as empresas, entender o sistema pode resultar em melhorias na saúde financeira, evitar fiscalizações e melhorar a competitividade no mercado. Sendo assim, um Planejamento Tributário eficaz pode ser responsável pelo sucesso da organização.

         O objeto deste trabalho, desafio proposto pela Atividade Prática Supervisionada de Contabilidade Tributária, é apresentar um projeto de consultoria para empresários que desejam realizar a abertura de um novo negócio, objetivando mapear a viabilidade e projetar o futuro desta empresa. Com a realização desta atividade pretende-se agregar conhecimento ao grupo e complementar o conteúdo visto em sala de aula.

Contabilidade Tributária nas Empresas

        O material disponibilizado para leitura, aprendizado e aprimoração de conhecimentos, nos trouxe informações de suma importância, sendo transparente e adequado ao objetivo do presente trabalho.

Nota-se no artigo Contabilidade Tributária nas Empresas, que grande parte das empresas brasileiras estão passando por dificuldades com relação as obrigações tributárias, isso deve-se ao fato de que a economia no país está passando por um momento de desaceleração, fato esse que não afeta apenas entidades de grande porte, mas engloba todo o mercado, inclusive nós, os consumidores.

Em momentos de crises, são realizados muito trabalhos na informalidade e para que houvesse uma diminuição, o governo realizou alguns ajustes, dentre eles a atualização e implementação de sistemas de tecnologia internacional para que houvesse um melhor controle sobre a sociedade e sobre as empresas, diminuindo assim a sonegação fiscal pelos contribuintes, então ao evitar a sonegação, o governo consegue manter sua meta de arrecadação para chegar ao superávit, conseguindo assim pagar a dívida do governo.

Neste cenário, o profissional contábil torna-se uma ferramenta de grande importância na sociedade, é ele que vai orientar as entidades sobre a importância de se trabalhar corretamente, por esse motivo deve se manter atualizado, conhecer as novas tecnologias e principalmente e legislação vigente. Com a adequação de normas internacionais na Contabilidade brasileira, houve adoção do princípios internacionais do IRRS, USGAAP, IASB, FASB, disciplinados através do CPC, CFC, CVM e IBRACON, no tocante à Contabilidade Gerencial, inovações tributárias (EFD, SPED Fiscal, SPED Contribuições e SPED Trabalhista), certificação, dentre outros, vislumbram maior transparência e controle das empresas, assustando e inquietando gestores e profissionais que em sua grande totalidade não estão preparados para as mudanças.

A grande maioria das empresas passam por um processo de diagnosticação, onde a situação da empresa é avaliada e todo e qualquer problema encontrado deve ser corrigido rapidamente, consequentemente, deve ajustar sua situação fiscal, o que gera multas que devem ser pagas ao governo.

Levando em consideração a situação atual do país, pode se dizer que existem muitos problemas entre empresas e o fisco, ainda levará algum tempo para que todas se ajustem as novas tecnologias e isso se deve ao fato das empresas não mudarem sua cultura, pois as leis existem, mas todos sempre conseguem realizar os processos pelo jeitinho brasileiro.

Um investidor que deseja abrir um negócio deve analisar muito bem os riscos envolvidos, situação mercantil e prestação de contas ao governo. Para que a empresa conquiste seu lugar no mercado e obtenha maior lucratividade, precisa se tornar uma empresa sustentável e seguir sete princípios básicos:

  • Ser Ecologicamente Correta
  • Ser Economicamente Viável
  • Ser Socialmente Justa
  • Ser Financeiramente Rentável
  • Ser Culturamente Aceita
  • Ser Legalmente Exequível
  • Buscar Melhoramentos Contínuos

EMPRESA, PRODUTO E TRIBUTAÇÃO

Empresa: Grupo Fundão Comercial Ltda.

Natureza da Empresa: Comércio varejista de produtos de higiene, limpeza e conservação domiciliar.

Natureza jurídica: Sociedade empresaria de responsabilidade limitada.

Tributação: Lucro Real trimestral.

Produto escolhido para comercialização: Thinner – NCM - 29153929 (Acetato de Glicerina).

Especificações: Lata com 250 ml e 125 ml.

Quantidades compradas no mês:

  • Lata 250 ml – 800 (Oitocentas unidades)
  • Lata 125 ml – 4000 (Quatro mil unidades)

Quantidade vendida no mês:

  • Lata 250 ml – 700 (Setecentas unidades)
  • Lata 125 ml – 3000 (Três mil unidades)

Preço unitário de compra:

  • Lata 250 ml – R$ 6,00 (Seis reais)
  • Lata 125 ml – R$ 3,00 (Três reais)

Preço unitário de vendas:

  • Lata 250 ml – R$ 20,00 (Vinte reais)
  • Lata 125 ml – R$ 10,00 (Dez reais)

Apuração ICMS: Regime Não Cumulativo.

Apuração IPI: Não se aplica, porque não há manipulação do produto.

Apuração de Substituição Tributária (ST): Não se aplica porque o produto não é tributado.


Tributação

  1. Demonstrativo de Despesas:

Demonstrativo de valor unitário das despesas comerciais por Produto Vendido

Produto

Valor unitário

Comissão 10%

Propaganda 5%

Frete 12%

Total por
Unidade

% Total

Produto A Lata 250 ml

R$ 20,00

R$ 2,00

R$ 1,00

R$ 2,40

R$ 5,40

27%

Produto B Lata 125 ml

R$ 10,00

R$ 1,00

R$ 0,50

R$ 1,20

R$ 2,70

27%

Demonstrativo de valor unitário das despesas administrativas por Produto Vendido

Produto

Valor unitário

Água, Luz e
Telefone -  4%

Material de Escritório, Copa e Limpeza

Manutenção,
Peças e Reparos

Depreciação

ICMS

PIS

Cofins

IPTU
0,6%

Total por
Unidade

% Total

Produto A Lata 250 ml

R$ 20,00

R$ 0,80

R$ 0,20

R$ 0,30

R$ 0,40

R$ 0,01

R$ 0,00

R$ 0,01

R$ 0,12

R$ 1,84

9,2%

Produto B Lata 125 ml

R$ 10,00

R$ 0,40

R$ 0,10

R$ 0,15

R$ 0,20

R$ 0,01

R$ 0,00

R$ 0,00

R$ 0,06

R$ 0,92

9,2%

Demonstrativo de valor unitário das despesas financeiras por Produto Vendido

Produto

Valor unitário

Empréstimos 2%

Descontos
concedidos 2%

Desconto de
títulos 3%

Despesas
bancárias 0,5%

Total por
Unidade

% Total

Produto A Lata 250 ml

R$ 20,00

R$ 0,40

R$ 0,04

R$ 0,60

R$ 0,10

R$ 1,14

6%

Produto B Lata 125 ml

R$ 10,00

R$ 0,20

R$ 0,02

R$ 0,30

R$ 0,05

R$ 0,57

6%

  1. Apuração dos Impostos:

Registro de Apuração do ICMS, PIS e Cofins Mensal

Entradas

Produto

CFOP

Quantidade
Comprada

Valor Unitário
Compra

Valor
Comprado

Valor
Contábil

ICMS 12%

PIS 1,65%

Cofins 7,60%

Produto A Lata 250 ml

1.102

800

R$ 6,00

R$ 4.800,00

R$ 4.800,00

R$ 576,00

R$ 79,20

R$ 364,80

Produto B Lata 125 ml

1.102

4000

R$ 3,00

R$ 12.000,00

R$ 12.000,00

R$ 1.440,00

R$ 198,00

R$ 912,00

 

 

 

 

Totais Creditados

R$ 2.016,00

R$ 277,20

R$ 1.276,80

Saídas

Produto

CFOP

Quantidade
Vendida

Valor Unitário
Venda

Valor  
Vendido

Valor
Contábil

ICMS 12%

PIS 1,65%

Cofins 7,60%

Produto A Lata 250 ml

5.102

700

R$ 20,00

R$ 14.000,00

R$ 14.000,00

R$ 1.680,00

R$ 231,00

R$ 1.064,00

Produto B Lata 125 ml

5.102

3000

R$ 10,00

R$ 30.000,00

R$ 30.000,00

R$ 3.600,00

R$ 495,00

R$ 2.280,00

 

 

 

 

Totais Debitados

R$ 5.280,00

R$ 726,00

R$ 3.344,00

Resumo da Operação

Produto

ICMS Credor

ICMS Devedor

Total

Produto A Lata 250 ml

R$ 576,00

-R$ 1.680,00

-R$ 1.104,00

Produto B Lata 125 ml

R$ 1.440,00

-R$ 3.600,00

-R$ 2.160,00

 

Total ICMS a Recolher

-R$ 3.264,00

Produto

PIS Credor

PIS Devedor

Total

Produto A Lata 250 ml

R$ 79,20

-R$ 231,00

-R$ 151,80

Produto B Lata 125 ml

R$ 198,00

-R$ 495,00

-R$ 297,00

 

Total PIS a Recolher

-R$ 448,80

Produto

Cofins Credor

Cofins Devedor

Total

Produto A Lata 250 ml

R$ 364,80

-R$ 1.064,00

-R$ 699,20

Produto B Lata 125 ml

R$ 912,00

-R$ 2.280,00

-R$ 1.368,00

 

Total Cofins a Recolher

-R$ 2.067,20

Custo de ICMS por Unidade

Produto

Quantidade Vendida

Valor Unitário Venda

Valor  Vendido

Total ICMS a Recolher

ICMS por Unidade

Produto A Lata 250 ml

700

R$ 20,00

R$ 14.000,00

R$ 180,00

R$ 0,01

Produto B Lata 125 ml

3000

R$ 10,00

R$ 30.000,00

R$ 180,00

R$ 0,01

Custo de PIS por Unidade

Produto

Quantidade
Vendida

Valor Unitário
Venda

Valor  
Vendido

Total PIS
a Recolher

PIS por
Unidade

Produto A Lata 250 ml

700

R$ 20,00

R$ 14.000,00

R$ 24,75

R$ 0,00

Produto B Lata 125 ml

3000

R$ 10,00

R$ 30.000,00

R$ 24,75

R$ 0,00

Custo de Cofins por Unidade

Produto

Quantidade Vendida

Valor Unitário Venda

Valor  Vendido

Total Cofins a Recolher

Cofins por Unidade

Produto A Lata 250 ml

700

R$ 20,00

R$ 14.000,00

R$ 114,00

R$ 0,01

Produto B Lata 125 ml

3000

R$ 10,00

R$ 30.000,00

R$ 114,00

R$ 0,00

  1. Rentabilidade:

Valor Rentabilidade

Produto

Qtde.
Vendida

Valor
Vendida

Despesas
Administravas %

Despesas
Administravas Valor

Despesas
Comerciais %

Despesas
Comerciais Valor

Despesas
Financeiras %

Despesas
Financeiras Valor

 Valor Líquido

% Líquido

Produto A Lata 250 ml

700

R$ 14.000,00

9,2%

R$ 1.288,00

27,0%

R$ 3.780,00

6,0%

R$ 840,00

R$ 8.092,00

58%

Produto B Lata 125ml

3000

R$ 30.000,00

9,2%

R$ 2.760,00

27,0%

R$ 8.100,00

6,0%

R$ 1.800,00

R$ 17.340,00

58%

 

Totais

R$ 44.000,00

 

R$ 4.048,00

 

R$ 11.880,00

 

R$ 2.640,00

 

 

...

Baixar como (para membros premium)  txt (18.4 Kb)   pdf (178.6 Kb)   docx (37.6 Kb)  
Continuar por mais 10 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com