TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Grupos Terroristas

Exames: Grupos Terroristas. Pesquise 785.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  23/11/2012  •  2.542 Palavras (11 Páginas)  •  727 Visualizações

Página 1 de 11

Grupos e facções terroristas

(Alvos e objetivos / Crimes cometidos / Bases e áreas de atuação / Número de integrantes / Ajuda externa)

• Abu Nidal

• Abu Sayyaf

• Brigadas de Mártires de Al-Aqsa

• Grupo Armado Islâmico (GIA)

• Asbat al-Ansar

• Aum Shrinkyo

• ETA

• Novo Exército do Povo

• Al-Gama’a al-Islamiyya

• Hamas

• Hezbolá

• Movimento Islâmico do Uzbequistão

• Jemaah Islamiya (JI)

• Jihad Islâmica

• Kahane Chai (Kach)

• Partido dos Trabalhadores do Curdistão

• Frente de Libertação dos Tigres de Tamil

• Exército de Libertação Nacional (ELN)

• Jihad Palestina

• Frente para a Libertação da Palestina

• Al Qaeda

• IRA

• Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC)

• 17 de Novembro

• Sendero Luminoso

Abu Nidal

Também conhecido como: Conselho Revolucionário da Fatah, Brigadas Revolucionárias Árabes, Setembro Negro e Organização Revolucionária de Muçulmanos Socialistas.

• Alvos e objetivos: Estados Unidos Inglaterra, França, Israel e palestinos moderados; expulsão dos judeus do Oriente Médio e retomada das terras palestinas e árabes

• Crimes cometidos: atentados em 20 países, com cerca de 900 pessoas mortas e feridas; entre as principais ações, ataques aos aeroportos de Roma e Viena (1985) e seqüestro de um avião da Pan Am (1986)

• Bases e áreas de atuação: territórios palestinos e Líbano; Oriente Médio, Ásia e Europa

• Número de integrantes: algumas centenas

• Ajuda externa: abrigo, assistência logística e financiamento do Iraque, Líbia e Síria (até 1987)

Abu Sayyaf

• Alvos e objetivos: cristãos, turistas, estrangeiros e forças ocidentais nas Filipinas; criação de um estado islâmico independente no país e obtenção de lucro através de seqüestro e extorsão

• Crimes cometidos: assassinatos, seqüestros, atentados a bomba e extorsão; entre as principais ações, raptos de turistas na Malásia (2000) e de missionários americanos (2001)

• Bases e áreas de atuação: províncias filipinas de Basilan, Sulu e Tawi-Tawi; Filipinas e Malásia

• Número de integrantes: entre 200 e 500

• Ajuda externa: apoio financeiro esporádico de terroristas do Oriente Médio e sul da Ásia

Brigadas de Mártires de Al-Aqsa

• Alvos e objetivos: Israel e os colonos judeus; expulsar os israelenses da Faixa de Gaza, Cisjordânia e Jerusalém e criar um estado autônomo palestino

• Crimes cometidos: vários atentados suicidas contra civis e militares israelenses; entre as principais ações, o primeiro ataque suicida praticado por uma mulher-bomba

• Bases e áreas de atuação: Cisjordânia e sul do Líbano; Israel e Faixa de Gaza

Número de integrantes: desconhecido

• Ajuda externa: desconhecida

Grupo Armado Islâmico (GIA)

• Alvos e objetivos: o governo secular da Argélia; substituí-lo por um estado fundamentalista islâmico

• Crimes cometidos: atentados contra civis, funcionários do governo e estrangeiros; entre as principais ações, o assassinato de mais de 100 imigrantes (desde 1993) e o seqüestro de um avião da Air France (1994)

• Bases e áreas de atuação: Argélia

• Número de integrantes: menos de 100

• Ajuda externa: desconhecida

Asbat al-Ansar

Também conhecido como: a Liga dos Seguidores

• Alvos e objetivos: o governo do Líbano e forças ocidentais no Oriente Médio; expulsão dos não-árabes da região e adoção de interpretações extremistas do Islã em seus países

• Crimes cometidos: atentados contra líderes religiosos, boates, teatros e lojas de bebidas; entre as principais ações, ataques contra alvos estrangeiros (2000) e a embaixada da Rússia em Beirute (2000)

• Bases e áreas de atuação: campos de refugiados palestinos; Líbano

• Número de integrantes: cerca de 300

• Ajuda externa: dinheiro de extremistas sunitas e da rede Al Qaeda de Osama bin Laden

Aum Shrinkyo

Também conhecido como: Verdade Suprema, Aum, Aleph

• Alvos e objetivos: civis e o governo do Japão e forças americanas no país; espalhar sua doutrina religiosa apocalíptica, que prevê o início da III Guerra Mundial com um ataque dos EUA ao Japão

• Crimes cometidos: atentados com substâncias químicas em locais públicos; entre as principais ações, ataques com gás Sarin no metrô de Tóquio (1995) e tentativa de explodir embaixada na Rússia (2000)

• Bases e áreas de atuação: Japão; Japão, Rússia e dezenas de outros países

• Número de integrantes: 1.500 a 2.000

• Ajuda externa: nenhuma

ETA

Também conhecido como: Pátria Basca e Liberdade, Euzkadi Ta Askatasuna

• Alvos e objetivos: autoridades e forças de segurança

...

Baixar como (para membros premium)  txt (17.9 Kb)  
Continuar por mais 10 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com