TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Agenda Manual E Eltrônica

Por:   •  3/2/2015  •  2.452 Palavras (10 Páginas)  •  269 Visualizações

Página 1 de 10

resultado de uma série de pesquisas que estudaram a relação da empresa com e dentro de seu ambiente.

seu objetivo básico era aplicar os conceitos das principais escolas em situações gerenciais concretas.

o nome contingencial é baseado no conceito da incerteza de que algo pode ou não ocorrer ( Qual o método a ser aplicado, para obter os melhores resultados?).

a abordagem contingencial mostra uma variedade de opções à disposição do administrador e a este cabe diagnosticar a situação e escolher a abordagem mais indicada a ser aplicada.

Características Gerais

O papel do ambiente - No que se refere à questão do ambiente, a abordagem contingencial foi além dos pressupostos da teoria dos sistemas, já que desenvolveu uma série de estudos relacionando empresas e ambiente, com novo enfoque.

A supremacia do transitório - Derivando suas características de um ambiente em constante mutação, a empresa não pode ser estanque no tempo. Ela tem de reagir prontamente não só aos novos desafios, como às novas possibilidades que se apresentam.

O fim do modelo ideal - A melhor forma de gerir uma empresa depende de uma série de variáveis conjunturais, derivadas das pressões que recebe de seu ambiente.

Tecnologia - A tecnologia adotada pela organização apresenta uma relação íntima com sua estrutura social e com tendência ao sucesso empresarial. Os diferentes ambientes técnicos adotados pelas empresas impõem diversos graus de tensão aos funcionários. Ao mesmo tempo em que influencia a forma de administrar, a tecnologia é condicionada aos objetivos da organização, em termos de produção: o que e para quem produzir.

Tom Burns - As empresas seguem dois tipos básicos de procedimentos organizacionais, resultando em:

Sistema mecânico - é aquele no qual as especialidades funcionais têm uma classificação rígida, assim como as obrigações, as diversas responsabilidades e o poder. A hierarquia de comando é bem definida, sustentando um fluxo de comunicação que transmite informações de baixo para cima e ordens de cima para baixo.

Sistema orgânico apresenta maior flexibilidade, sendo as atribuições de obrigações, responsabilidades e poder mais adaptáveis. A comunicação tende a ser um fluxo de mão dupla, transmitindo consultas de cima para baixo e de baixo para cima.

Lawrence & Lorsch - compara dez empresas de três diferentes setores industriais, em busca de uma resposta para a seguinte pergunta: “Quais as características que uma empresa deve ter para enfrentar com eficiência as diferentes condições externas, tecnológicas e de mercado?” Os autores concluíram que os problemas básicos dos administradores são a diferenciação e a integração, processos essencialmente antagônicos, que serão determinados de acordo com as exigências de seu respectivo ambiente. Para os autores, na medida em que os sistemas crescem de tamanho, diferenciam-se partes e o funcionamento dessas partes separadas tem de ser integrado para que o sistema inteiro seja viável. Segundo esta pesquisa, as indústrias com elevado desempenho apresentam melhor ajustamento às necessidades do ambiente, que por sua vez definirá o grau requerido de diferenciação nos departamentos e de integração interdepartamental.

Baseados nesses resultados da pesquisa, os autores criaram a teoria da contingência na empresa, que em lugar de propor um único e melhor modo de organizar-se em qualquer condições, propõe que a empresa deve se concentrar na análise sistêmica dos requisitos do ambiente e relacioná-los com as características exigidas da organização. Com isso, os administradores terão maior probabilidade de manter a viabilidade de suas empresas, frente à constante transformação da tecnologia e do mercado.

2-) ADMINISTRAÇÃO POR OBJETIVOS

Após a Segunda Guerra Mundial (1939-1945), as pessoas passaram a ver no consumo sua possibilidade de auto-realização.

A filosofia materialista da época estimulava a produção em massa e o desenvolvimento de novas formas de comunicação. A difusão da televisão acirrava a competição entre os produtos e incentivava a cultura do consumismo.

Peter Drucker lançou em 1954 um livro denominado A Prática da Administração de Empresas. O modelo defende, basicamente, que a empresa deve se preocupar menos com os fins e mais com as atividades que são desenvolvidas para atingi-los.

Mudanças ambientais - As mudanças ambientais impõem novos requisitos não

...

Baixar como (para membros premium)  txt (17.7 Kb)  
Continuar por mais 9 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com