TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Estrutura E Organização Escolar

Por:   •  17/11/2013  •  1.015 Palavras (5 Páginas)  •  301 Visualizações

Página 1 de 5

Etapa 4

O papel dos Profissionais do magistério

Por anos fora designado aos professores, exclusivamente a tarefa de alfabetizar e preparar seus alunos para o mercado de trabalho. Sendo facultativa a participação dos profissionais, na organização e na gestão escolar.

De acordo com a lei 9394/96 Art. 13, que expressa claramente à obrigatoriedade da execução das incumbências delegadas aos docentes. É imprescindível que os educadores estejam envolvidos em todas as instâncias do âmbito escolar, pois cabe aos mesmos oferecer o suporte pedagógico direto a exercício da docência, participar ativamente do planejamento e orientação educacional.

De forma que, com essa medida os docentes possam exercer seu papel de cidadãos, uma vez que o educador torna-se peça chave para o bom funcionamento de qualquer instituição de ensino. Pois são pontes e exemplos a serem seguidos.

Estudo de caso

A professora Elizabeth que leciona na escola Procópio Ferreira, situada na periferia de Guarulhos, dirigiu-se até a coordenação da respectiva instituição, para pedir remoção de um determinado aluno de sua sala de aula, alegando que este apresentava grande dificuldade de aprendizagem.

Após reclamação foi orientada pela diretora Antônia, que fizesse uma reavaliação sobre o aprendizado desse aluno, para que seja trabalhado as suas dificuldades. Alertou também a educadora sobre suas incumbências de acordo com a LDB 9394/96, presentes no artigo 13, inciso III- os docentes devem zelar pela aprendizagem dos alunos, e no inciso IV- estabelecer estratégias de recuperação para os alunos de menor rendimento.

Para solucionar esse problema, é necessário que a gestão e coordenação da escola, trabalhem a problemática do aluno. Buscando as causas do seu baixo rendimento, verificar a qualidade das aulas e cumprimento dos programas pedagógicos, realizar uma avaliação prévia do conhecimento do aluno e analisar a relação de convivência do mesmo no ambiente escolar. A gestão precisa priorizar e contribuir para a formação dos docentes, implantar um projeto político- pedagógico, orientar e estimular seus profissionais.

Etapa 5

Gestão escolar democrática

A direção coordena, mobiliza, motiva, lidera, delega aos membros da equipe escolar, conforme suas atribuições específicas às responsabilidades decorrentes das decisões acompanha o desenvolvimento das ações, presta contas e submete á avaliação da equipe o desenvolvimento das decisões tomadas coletivamente.

Neste princípio, está presente a exigência da participação de professores, pais, alunos, funcionários e representantes da comunidade. Portanto, a organização escolar democrática implica não só à participação na gestão, mas a gestão da participação.

Gestão escolar democrático- participativa:

 Definição explicita, por parte da equipe escolar, de objetivos sociopolíticos e pedagógicos da escola;

 Articulação da atividade de direção com a iniciativa e a participação das pessoas da escola e das que se relacionam com ela;

 Qualificação e competência profissional;

 Busca de objetividade no trato das questões da organização e da gestão, mediante de coleta de informações reais;

 Acompanhamento e avaliação sistemáticos com finalidades pedagógicas: diagnóstico, acompanhamento dos trabalhos, reorientação de rumos e ações, tomada de decisões;

 Todos dirigem e são dirigidos, todos avaliam e são avaliados;

 Ênfase tanto nas tarefas quanto nas relações.

Estudo de caso

Em uma instituição privada situada no município de Guarulhos, existem três crianças do maternal sem limites e com dificuldades de relacionar-se com os demais alunos. Pois em sala de aula não gostam de ser contrariados, quando isso ocorre batem nas educadoras e nas outras crianças, correm em sala de aula agredindo e perturbando os colegas.

Foram tomadas as devidas providências, convocando os pais a uma reunião para falar sobre os acontecimentos, pedindo para que eles conversem com seus filhos. Os pais alegaram que seus filhos são pequenos para entender as regras da escola, e que estão cansados da rotina escolar e precisam tirar férias, sem dar importância ao problema existente.

As educadoras informaram a direção sobre a situação e o descaso dos pais. Pois estão com

...

Baixar como (para membros premium)  txt (7.3 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com