TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Estudos Disciplinares UNIP

Por:   •  3/12/2013  •  234 Palavras (1 Páginas)  •  2.341 Visualizações

Diante de diversos estudos que relacionam a qualidade do software à qualidade do

processo que o gera e da crescente pressão do mercado de TIC (Tecnologia da

Informação e Comunicação) pela criação de produtos qualidade com prazos e

custos cada vez menores, as empresas produtoras de software passaram a investir

na utilização de processos no desenvolvimento de softwares. Diversos padrões e

modelos de qualidade foram criados e difundidos com foco na definição de

processos, dentre eles os modelos de maturidade da capacidade CMM (Capability

Maturity Model) e CMMI (Capability Maturity Model Integration), criados pelo SEI

(Software Engineering Institute), que tiveram uma grande aceitação mundial. Em

face desta realidade, a SUNAC/SDR (Superintendência de Negócio, Administração

Tributária e Comércio Exterior/Salvador), regional do SERPRO (Serviço Federal de

Processamento de Dados), conquistou em 2003 o nível dois do CMM e desde então

trabalha no aperfeiçoamento do processo de desenvolvimento de software para

atingir níveis superiores do modelo CMMI. A presente pesquisa explicita a percepção

dos profissionais da SUNAC/SDR, que trabalharam nesta unidade no intervalo de

]2003 - 2008], sobre como a utilização dos modelos CMM / CMMI afeta a qualidade

dos produtos gerados ao longo do ciclo de vida de desenvolvimento de software.

Verificou-se que os profissionais perceberam a importância de utilizar um processo

de desenvolvimento para a melhoria dos produtos gerados. Além disso, perceberam

que houve melhoria nos produtos desenvolvidos por eles e também no produto final

entregue ao cliente após a implantação do processo.

Palavras-chave: Qualidade de Software. Processo de Software. Modelos de

Maturidade da Capacidade. CMM. CMMI.

...

Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com