TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O TRANSTORNO DO DÉFICIT DE ATENÇÃO COM HIPERATIVIDADE (TDAH), DISLEXIA E TEORIA DE ERIK ERISSON

Por:   •  16/5/2013  •  2.167 Palavras (9 Páginas)  •  659 Visualizações

Página 1 de 9

UNIVERSIDADE NOVE DE JULHO

PEDAGOGIA PARA LICENCIADOS

PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO II

ELISA LOURENÇO PUPIM

GISLAINE CHAVES PHILLIPPS

JULIANO DE PAULA SILVA

MARCELO DE MELO

MARISTELA ROMÃO DE ARAUJO NAGAI

MÔNICA AZEVEDO DE OLIVEIRA BUILCATTI

O TRANSTORNO DO DÉFICIT DE ATENÇÃO COM HIPERATIVIDADE (TDAH), DISLEXIA E TEORIA DE ERIK ERISSON

SÃO PAULO

2013

O transtorno do déficit de atenção com hiperatividade (TDAH), de ordem neurológica, aparece na infância, tido como um fator genético, em alguns casos pode acompanhar a pessoa pelo resto de sua vida. É considerado hoje um dos transtornos mais comuns apresentados por crianças e adolescentes e é por isso que é mais facilmente percebido na escola. Suas principais características são a inquietude, a desatenção e a impulsividade.

Como as causas desse transtorno são provenientes de alterações cerebrais na região frontal, as crianças com TDAH podem ter problemas em prestar atenção, com a memória, com o autocontrole, e com a organização. Na escola, algumas atividades práticas podem ajudar na melhoria dessas crianças, tais como o trabalho com pequenos grupos, trabalhar tarefas curtas, empregar comandos breves com sentenças curtas, utilizar materiais pedagógicos (como caixas com livros e gibis, jogos com palavras cruzadas).

Também é desejável fazer elogios, ter uma rotina com regras utilizando recursos audiovisuais durante as aulas e trabalhando os conteúdos de forma interdisciplinar. De modo geral, é interessante trabalhar, sobretudo, a atenção, mas não exigir profunda atividade intelectual, para que essas crianças não se sintam incapazes e fracassadas.

Outra patologia que afeta as crianças em idade escolar é a dislexia, também conhecida como "cegueira verbal". A dislexia é um transtorno genético e hereditário da linguagem, percebido ainda na infância e de origem neurobiológica, caracteriza se pela dificuldade de decodificar o estímulo escrito e o símbolo gráfico. As principais características da dislexia são: dificuldade em aprender a ler ou escrever, por inverterem as letras, além de terem dificuldade com a lateralidade e a direcionalidade, por isso podem pular linhas, não saber diferenciar direita de esquerda, embaixo de em cima.

É importante citar que, assim como no caso de qualquer outro transtorno, é necessário perceber a presença de vários dos sintomas antes de se definir um diagnóstico. Daí a importância de a escola e a família observarem com constância e atenção o desenvolvimento dos pequenos.

A educação da pessoa com dislexia precisa ser baseada em um programa educacional com técnicas diferenciadas, recursos específicos e atividades multissensoriais (que utilizem todos os sentidos), que estimulem a memória.

A família e o professor devem buscar meios que facilitem a aprendizagem na escola pela criança, ambos conhecerem o processo de desenvolvimento do aluno na sala de aula e ambiente familiar, o estabelecimento de horário para as atividades do dia-a-dia, ajudar a organizar o material escolar e as roupas a fim de diminuir a ansiedade do disléxico. Crianças com este problema precisam de atendimento individualizado.

Além disso, em relação ao estudo do desenvolvimento da criança, é preciso considerar a Teoria do Desenvolvimento Psicossocial, do psiquiatra alemão Erik Erisson. Nessa teoria, o foco de estudo está no Ego, diferente de Freud que foca o ID, o autor desenvolve a idéia de que a evolução psicológica do indivíduo se dá por estágios e fases que dependem da interação social em que ele está inserido. Todos os estágios são vistos como importantes, uma vez que contribuem para a formação da personalidade. A constituição de sua identidade é individual, mas não deixa de ser, também, social, porque o indivíduo se desenvolve dentro de um meio.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (9.9 Kb)  
Continuar por mais 8 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com