TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Organização E Metodologia Do Ensino Fundamental

Por:   •  30/3/2013  •  2.513 Palavras (11 Páginas)  •  926 Visualizações

Página 1 de 11

UNIVERSIDADE ANHANGUERA – UNIDERP

CENTRO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

CURSO DE PEDAGOGIA

PROJETO MULTIDISCIPLINAR 2

Atividade Prática Supervisionada (ATPS) entregue como requisito para conclusão da disciplina “ROJETO MULTIDISCIPLINAR 2”, sob orientação do professor-tutor a distância RITA DE CÁSSIA MEDEIROS GOMES.

TAUBATÉ

2012

APRESENTAÇÃO

Contribuições de Froebel

Froebel fundou o primeiro Jardim da infância, pois acreditava que as crianças menores de seis anos precisavam de um ambiente onde elas pudessem desenvolver seus potenciais livremente, dentro de um ambiente com um clima de amor, simpatia e encorajamento estando livre para aprender sobre si mesmo e sobre o mundo. Froebel enfatizou o brinquedo a atividade lúdica, canto pinturas, jardinagem, modelagem, olhar gravuras, contação de historias. Criou materiais pedagógicos riquíssimos onde era trabalhado exercícios sensório motores, utilizando alguns princípios que são fundamentais para o processo de ensino da criança como auto realização e auto realidade.

Para Froebel todo educador deve analisar a criança dentro de um contexto social analisando como a criança realiza suas atividades e como utiliza os materiais necessários. Froebel acreditava na relação professor-aluno comparando o aluno a uma planta que adubada desabrochariam, e o professor como o jardineiro que acompanharia o desenvolvimento da criança proporcionando as melhores condições através de afeto, amizade e uma relação construtiva, humana e justa.

Para Froebel cada objeto é parte de algo mais geral e é também uma unidade, se for considerado em relação a si mesmo, que estabelece uma relação com o todo.

Froebel valorizava também a musica, a arte, pois acreditava que toda criança deve fazer parte de todas as culturas, devendo ser cultivada até a maturidade, pois se a criança não se tornar um artista vai ao menos aprecia-la.

Para Froebel o jogo é importante no desenvolvimento e aprendizagem das crianças, porque ajuda a desenvolver as potencialidades como a criatividade, o prazer, a interação entre as pessoas, a cooperação entre outras. Mas é sabido que muitos educadores veem esse tipo de atividade de disputa, deixando-as na maioria das vezes em segundo plano.

Devemos pensar que é através dos jogos e brincadeiras que as crianças se desenvolvem, buscando a partir dos jogos e brincadeiras solução para resolvê-las. E o educador nesse caso deverá sempre mediar a brincadeira sem impor regras e soluções.

Froebel acreditava que o jogo na vida das crianças resulta em benefícios morais, intelectuais e físicos.

Para Froebel:

“Brincar é a fase mais importante da infância no desenvolvimento humano neste período por ser auto ativa, representação do interno, a representação de necessidades e impulsos internos” (Froebel, 1912, pp54-55).

Quando a criança brinca ela expõe sua capacidade representativa, o prazer em brincar e a interação com outras crianças.

Desta forma entendo que as atividades lúdicas quando realizada em grupo propiciam oportunidades ás crianças, momentos de expressão, criação de troca de informação, além de trabalhar a cooperação. É necessário que todo educador repense seus conceitos a respeitos dessas atividades, principalmente com relação aos jogos, e que neste processo permita que a criança se expresse dando a elas espaço para expressar verbalmente, relatando seus pontos de vista e suas sugestões. O professor deve permitir que as crianças realizem trocas de experiências com seus colegas, pois através dessa troca que eles irão criar buscar soluções e assim construir seus conhecimentos.

Brincar é essencial para a vida da criança a brincadeira é a linguagem infantil. Toda brincadeira é uma imitação são emoções ideias de uma realidade anterior vivida. O grande avanço para a educação infantil surge com a nova lei de Diretrizes e Bases da Educação-Lei nº9. 394/96 que estabelece a finalidade do desenvolvimento integral da criança.

Com a criação de novas leis e a evolução de pensamento por parte da família, da sociedade e do governo adquirir-se uma preocupação em priorizar as necessidades da criança surge então o lúdico.

Brincar é fundamental

...

Baixar como (para membros premium)  txt (17.4 Kb)  
Continuar por mais 10 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com