TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

PROCESSO EDUCATIVO NO CONTEXTO HISTÓRICO; PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO I; TEORIA GERAL CONHECIMENTO; SOCIOLOGIA DA EDUCAÇÃO

Dissertações: PROCESSO EDUCATIVO NO CONTEXTO HISTÓRICO; PSICOLOGIA DA EDUCAÇÃO I; TEORIA GERAL CONHECIMENTO; SOCIOLOGIA DA EDUCAÇÃO. Pesquise 804.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  28/1/2015  •  1.539 Palavras (7 Páginas)  •  531 Visualizações

Página 1 de 7

INTRODUÇÃO

É papel da escola formar cidadãos, dar aos alunos os ensinamentos de que eles necessitam para viver e trabalhar neste mundo de evolução, bem como orientá-los para a vida. Isso só acontece, se a escola definir como meta, o trabalho crítico com os conteúdos a ser estudados pelos educando. Através de um trabalho crítico e da busca pelo exercício da cidadania, a escola deve mostrar às novas gerações a importância de cada indivíduo e seu papel na sociedade, enquanto cidadãos conscientes de seus direitos e deveres. É preciso que a escola compreenda que também é seu papel, dar ao aluno condições para se inserir no meio social. É preciso atentar para a evolução do mundo e orientar o estudante para a vida. O professor, por sua vez, deve considerar no exercício de sua função o aluno como sujeito de múltiplas relações, que por estar em processo de formação, deve ser considerado em sua totalidade. Assim, deve assegurar ao educando uma formação crítica, capaz de levá-lo a refletir sobre temáticas cotidianas e interferir positivamente em seu meio e, sobretudo, em sua vida para transformá-la.

DESENVOLVIMENTO

A escola precisa oferecer serviços de qualidade e um produto de qualidade, de modo que os alunos passam por ela ganhem melhores e mais efetivas condições do exercício da liberdade política e intelectual. Por isso, a escola deve ser um espaço de formação e informação, onde a aprendizagem de conteúdos propicie a inserção do aluno no contexto das questões sociais marcantes e em um universo cultural maior. A escola na perspectiva de construção de cidadania precisa valorizar a cultura de sua própria comunidade e buscar ultrapassar seus limites, favorecendo aos alunos pertencentes aos diferentes grupos sociais, o acesso ao saber, tanto no que diz refere aos conhecimentos relevantes da cultura brasileira, como no que faz parte do patrimônio universal da humanidade.

Um ensino de qualidade intenciona a formação de cidadãos capazes de interferir criticamente na realidade para transformá-lo deve, também, contemplar o desenvolvimento de capacidades que possibilitem adaptações às complexas condições e alternativas de trabalho onde temos hoje e a lidar com a rapidez na produção e circulação de novos conhecimentos e informações que têm sido crescentes. A formação escolar deve possibilitar aos alunos condições para o desenvolvimento de competências e consciência profissional, mas não restringir-se ao ensino de habilidades imediatamente demandadas pelo mercado de trabalho. O papel do professor na promoção de uma aprendizagem significativa tem início na clareza que ele tem a respeito da concepção social da Educação e, conseqüentemente do seu próprio papel social. Somente a consciência e o compromisso com esse papel vão dar forma a um projeto real de sociedade, no qual se inserem e se inter-relacionam cidadãos críticos e engajados, em promover a aprendizagem significativa é parte de um projeto educacional libertador, que visa à formação de homens conscientes de suas vidas e dos papéis que representam nela, a troca de percepções entre os alunos estimula a ampliação de idéias e a testassem de hipóteses pessoais, o indivíduo não nasce pronto nem é cópia do ambiente externo. Em sua evolução intelectual há uma interação constante e ininterrupta entre processos internos e influências do mundo social. A partir dessa afirmação, Vigotsky justifica a necessidade de interação social no processo de aprendizagem. Atento à "natureza social" do ser humano, que desde o berço vive rodeado por seus pares em um ambiente impregnado pela cultura, Vigotsky (1999) defendeu que o próprio desenvolvimento da inteligência é produto dessa convivência. Para ele, na ausência do outro, o homem não se constrói homem. Enfim, é através da aprendizagem nas relações com os outros que construímos os conhecimentos que permitem nosso desenvolvimento mental. Essa interação deve se concretizar em sala de aula através do estímulo para que os alunos troquem idéias e opiniões. Uma das condições fundamentais para práticas educativas interculturais e para a promoção da emancipação humana é a necessidade de uma reestruturação cultural das formas de agir, sentir e pensar o mundo, e, portanto, a educação de nada servirá se não programarmos mudanças em aspectos culturais enraizados em nossas escolas. Uma unidade dialética deverá ser a base das estruturas de pensamento para as ações que se desenvolvem no âmbito escolar, relacionando teoria e prática, objetividade e subjetividade, o local e o global.

Segundo Vvgostsky no processo de desenvolvimento, a criança começa usando as mesmas formas de comportamento que as outras pessoas inicialmente usaram em relação a ela. Isto ocorre porque, desde os primeiros dias de vida, as atividades da criança adquirem um significado próprio num sistema de comportamento social, refratadas através de seu ambiente humano, que a auxilia a atender seus objetivos. Isto vai envolver comunicação, ou seja, fala.

.

Nesse sentido, consideramos as idéias pedagógicas de Freire (1983) e sua visão de liberdade. Para ele, a liberdade é a matriz que dá sentido à prática educativa, que só pode ser efetiva e eficaz à medida que haja a participação livre e crítica dos educando. Educar significa ser uma crítica à opressão real, na qual os homens vivem, e, ao mesmo tempo uma expressão de luta por sua libertação. O aprendizado aqui é visto como um modo de tomar consciência do real e só pode acontecer dentro dessa tomada de consciência, dessa forma, a prática educativa é uma prática social porque é uma atividade humana distinta do comportamento espontâneo, e a teoria

...

Baixar como (para membros premium)  txt (9.5 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com