TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Portifólio Banco De Dados Orientado A Objetos

Casos: Portifólio Banco De Dados Orientado A Objetos. Pesquise 793.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  8/11/2013  •  4.115 Palavras (17 Páginas)  •  225 Visualizações

Página 1 de 17

SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO

ANÁLISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

RONAN CHRISTIAN SILVA

ATIVIDADE INTERDISCIPLINAR INDIVIDUAL

4°SEMESTRE.

Belo horizonte-MG

2013

RONAN CHRISTIAN SILVA

ATIVIDADE INTERDISCIPLINAR INDIVIDUAL

Desenvolvimento Orientado a Objetos

Redes de Computadores

Modelagem Orientada a Objetos

Tópicos em Desenvolvimento de Sistemas

Trabalho apresentado ao Curso Análise e desenvolvimento de Sistemas da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a atividade individual do 4°semestre.

Prof(a)s. Marcio R Chiaveli

Paulo K. Nishitani

Polianna P. G. Fabris

Adriane A. Loper

Belo Horizonte-MG

2013

SUMÁRIO:

1-INTRODUÇÃO.............................................................................................................3

2-BANCO DE DADOS ORIENTADO A OBJETOS........................................................ 4

2.1-APLICAÇÃO E FUNCIONAMENTO..........................................................................5

2.1.1-Persistência de Objetos.........................................................................................5

2.1.2-Identidade e Ponteiro de Objetos...........................................................................5

2.1.3-Armazenamento e Acesso a Objetos Persistentes................................................6

2.2-DIFERENÇA ENTRE BANCO DE DADOS ORIENTADO A OBJETOS E BANCO DE DADOS RELACIONAL..............................................................................................6

3-ORM (OBJECT RELATIONAL MAPPER)-MAPEAMENTO OBJETO RELACIONAL..8

3.1-DESENVOLVENDO UM BANCO ORIENTADO A OBJETOS UTILIZANDO UM BANCO RELACIONAL....................................................................................................8

3.2-O QUE É ORM?......................................................................................................10

3.2.1-Como escolher um ORM......................................................................................11

3.3-FERRAMENTAS DO MERCADO...........................................................................12

3.4-VANTAGENS E DESVANTAGENS........................................................................17

3.4.1-Vantagens de se usar um ORM...........................................................................17

3.4.2- Desvantagens de se utilizar tais ferramentas:....................................................17

4-CONCLUSÃO.............................................................................................................18

5-BIBLIOGRAFIA..........................................................................................................19

1-INTRODUÇÃO.

Você que é desenvolvedor de aplicações orientadas a objetos, sabe que de alguma maneira precisa armazenar e recuperar informações em bancos de dados relacionais. Vamos falar também de um modo geral a respeito dos tipos de Banco de Dados que podemos encontrar hoje em dia. As linguagens de banco de dados diferem das linguagens de programação, pois elas manipulam dados persistentes. Dados persistentes são dados que continuam a existir após o término do programa que os criou. Uma linguagem de programação é uma linguagem estendida com estruturas para tratar dados persistentes.

Vamos falar também de ORM ou mapeador objeto relaciona, é um tipo de ferramenta muito utilizada hoje em dia, com o propósito de unir o mundo orientado a objetos e o mundo relacional.

2-BANCO DE DADOS ORIENTADO A OBJETOS.

Um banco de dados orientado a objetos é um banco de dados em que cada informação é armazenada na forma de objetos, ou seja, utiliza a Estrutura de dados denominada Orientação a objetos, a qual permeia as linguagens mais modernas. O gerenciador do banco de dados para um orientado a objeto é referenciado por vários como ODBMS ou OODBMS.

Existem dois fatores principais que levam a adoção da tecnologia de banco de dados orientados a objetos. A primeira, é que em um banco de dados relacional se torna difícil de manipular com dados complexos (esta dificuldade se dá pois o modelo relacional se baseia menos no senso comum relativo ao modelo de dados necessário ao projeto e mais nas contingências práticas do armazenamento eletrônico). Segundo, os dados são geralmente manipulados pela aplicação escrita usando linguagens de programação orientada a objetos, como C++, C#, Java, Python ou Delphi (Object Pascal), e o código precisa ser traduzido entre a representação do dado e as tuplas da tabela relacional, o que além de ser uma operação tediosa de ser escrita, consome tempo. Esta perda entre os modelos usados para representar a informação na aplicação e no banco de dados é também chamada de “perda por resistência”.

Num banco de dados orientado a objetos puro, os dados são armazenados como objetos onde só podem ser manipulados pelos métodos definidos pela classe de que estes objetos pertencem. Os objetos são organizados

...

Baixar como (para membros premium)  txt (33 Kb)  
Continuar por mais 16 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com