TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Resumo Filme As Melhores Coisas Do Mundo

Artigo: Resumo Filme As Melhores Coisas Do Mundo. Pesquise 791.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  17/9/2013  •  626 Palavras (3 Páginas)  •  6.347 Visualizações

Página 1 de 3

Atualmente existem muitos filmes sobre a adolescência, mas até o presente momento nenhum havia retratado tão bem a adolescência da era atual. O filme é moderno e nele todos os jovens têm celulares, internet, banda larga e blogs, mesmo que não seja usado da melhor maneira possível.

A história do filme conta as aventuras de um adolescente de 15 anos que se chama Mano (Francisco Miguez) na qual ele enfrenta problemas enormes na sua adolescência. Na realidade todos passam por essa fase de amadurecimento na adolescência, passa de uma vida de criança pra uma vida adulta, com responsabilidade e deveres. Passar a adolescência no colégio é algo complicado, mas necessário, pois é normalmente nessa fase que se dá muita importância aos problemas sendo assim gera todas as crises adolescentes. Apesar de parecer fútil para uma pessoa mais adulta, na realidade todas as pessoas agem como adolescentes.

Essa geração de juventude goza de uma espécie de liberdade que nenhuma outra teve antes, eles possuem computadores em seus quartos, celulares, recebem e enviam fotos e conseguem expor todas as suas opiniões em seus blogs na internet, não há privacidade, pois todo mundo sabe de todo mundo. Porém, como o adolescente consegue lidar com isso quando se está crescendo e ainda não tem certeza de nada?

Sempre ouvimos dizer que a adolescência é a fase mais preocupante da vida do ser humano, pois é uma fase de muitas mudanças. No filme, As Melhores Coisas do Mundo o Mano tem que aprender a lidar com as mudanças em sua vida. A separação de seus pais, a depressão de seu irmão, preconceitos (ou bullying) e o despertar da sexualidade e do amor são algumas das vertentes que Mano tem que enfrentar.

No começo, Mano era o “engraçado” da turma, que gostava de brincar com pessoas diferentes e fazer piadinhas, ele era um garoto “normal” para a sua idade e desenvolvimento, até que começa a surgir os problemas e faz com que o personagem saia do papel de acusador, e se torna vítima, e acaba sendo alvo de coisas que ele mesmo fez. Ele começa a questionar suas próprias atitudes e acaba se tornando uma explosão de sentimentos que é o que caracteriza a adolescência, percebe que age muitas vezes sem pensar e com isso acredita que é um momento para mudanças.

Enfim, Mano passa por uma adolescência normal, onde acontecem muitas coisas como a síndrome da adolescência normal, que tem toda a sintomatologia e são elas: a busca de si mesmo e da identidade, tendência grupal, necessidade de intelectualizar e fantasiar, crises religiosas que podem ir desde o ateísmo mais intransigente até o misticismo mais fervoroso, deslocação temporal, onde o pensamento adquire as características de pensamento primário, evolução sexual manifestada, que vai do autoerotismo até a heterossexualidade genital adulta, atitude social reivindicatória com tendências antissociais ou sociais de diversas intensidades, contradições sucessivas em todas as manifestações da conduta, dominada pela ação que constitui a forma de expressão conceitual mais típica desde período da vida, uma separação progressiva dos pais e constantes flutuações de humor e do estado de ânimo.

Mano apresenta no começo muita facilidade de se relacionar e se dar bem com o seu grupo de amigos procurando sempre ser o mais engraçado (tendência grupal), porém, com o passar do tempo, com a separação de seus pais

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3.8 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com