TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O Conceito de Cultura

Por:   •  19/1/2019  •  Trabalho acadêmico  •  560 Palavras (3 Páginas)  •  7 Visualizações

Página 1 de 3

Antropologia

1º) a primeira definição de cultura que foi formulada do ponto de vista antropológico pertence a Taylor, onde de acordo com o autor cultura pode ser entendida como expressão da totalidade da vida social do homem, se caracterizando por sua dimensão coletiva. E dessa forma, a cultura é adquirida e não depende da hereditariedade biológica e com isso sua origem e caráter são em grande parte inconsciente.

O conceito de cultura parte de uma dilema entre a identidade biológica e a diversidade humana. Com isso, cultura pode ser definida como um conjunto de conhecimentos, crenças, leis, hábitos, formas de pensar, agir e falar, é tudo aquilo que é passado, adquirido, aprendido, vivido e compartilhado entre as pessoas.

A humanidade é o reflexo de um longo período de acumulação cultural, as diferenças genéticas não são determinantes para as diferenças culturais. E assim de acordo com Laraia, apesar de nossa condição biológica nossos costumes e crenças varia de acordo com a cultura à qual estamos inseridos.

Com a construção do conceito de cultura moderna se tem uma visão do mundo através de uma lente, é a visão através de pressupostos já existentes, que são aprendidas socialmente, existindo assim, uma dificuldade de aceitar o diferente, o outro, gerando dessa forma uma visão etnocêntrica.

2º) etnocentrismo é uma visão do mundo onde o nosso próprio grupo é tomado como centro de tudo e todos os outros são pensados e sentidos através dos nossos valores, nossos modelos, nossas definições do que é a existência. Podendo ser visto como a dificuldade de pensar a diferença.

Etnocentrismo se expressa como a procura para entendermos os mecanismos, as formas, os caminhos e razões que fazem com que tantas e tão profundas distorções se perpetuem nas emoções, pensamentos e representações que fazem parte da vida daqueles tidos como diferentes. E é nessa constatação das diferenças que nasce o etnocentrismo e tal diferença é vista como ameaçadora porque fere a própria identidade cultural.

O etnocentrismo passa exatamente por um julgamento do valor da cultura do outro nos termos a cultura do próprio grupo do eu.

Dessa forma os perigos envoltos nessa noção é a colocação do outro como inferior, como selvagens. Nesse aspecto a cultura do eu e do outro é colocado de uma forma hierarquizada sendo a minha superior a do outro.

E assim, uma ideia que se contrapõem ao etnocentrismo é a teoria da relativização, por esta ver as coisas no mundo com relações entre elas, por ver sua dimensão de riqueza por ser diferente.

3º) os autores definem Direitos Humanos como a frente discursiva por esta se apresentar como uma faca de dois gumes. Pois as políticas de direitos humanos é fruto da negociação entre diversos grupos de interesse, trabalhando

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3.5 Kb)   pdf (39.6 Kb)   docx (11.7 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com