TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Hist´ria

Por:   •  16/9/2013  •  367 Palavras (2 Páginas)  •  1.014 Visualizações

Página 1 de 2

CENTRO UNIVERSITÁRIO CLARETIANO

Aluno Lorena Souza Andrade

RA 1116122

ATIVIDADE DO 1º CICLO DE APRENDIZAGEM A DISTÂNCIA:

Curso: Licenciatura em História – EaD

Disciplina: História Da África

Tutor a Distância: Tiago Tadeu Contiero

POLO

2013

Como ocorriam as cerimônias fúnebres no Egito? Qual era a sua importância? O que é a mumificação e como era realizada?

Os egípcios não viam a morte como o fim, mas como o inicio de uma nova existência, quando alguém morria, embalsamavam-lhe o corpo para que se conservasse por muito tempo, o corpo era perfumado e envolto em ligaduras após colocavam-no em um sarcófago de madeira ou de pedra, decoradas com textos e imagens. Para a viagem ao alem cercavam- se com tudo que ele tinha usado em vida moveis, alimento e jóias eram colocados no tumulo junto ao corpo mumificado.

Na crença egípcia acreditava-se que o ser humano era formado por Ká (o corpo) e por Rá (a alma). Para eles, no momento da morte, a alma (Rá) deixava o corpo (Ká), mas ela podia continuar a viver no reino de Osíris ou de Amon-Rá. Isso seria possível somente se fosse conservado o corpo que devia sustentá-la, Daí vinha à importância de embalsamar ou mumificar o corpo para impedir que o mesmo se descompusesse. Para assegurar a sobrevivência da alma, caso a múmia fosse destruída, colocava-se no túmulo estatuetas do morto.

A mumificação era um processo bastante complexo e demorado e o processo de mumificação pode ocorrer de forma natural ou artificial. No Egito antigo utilizava-se a forma artificial onde o sacerdote (embalsamador) começava por retirar o cérebro do morto através do orifício nasal. Depois, faziam um corte no lado esquerdo do corpo, retirando os órgãos, que eram colocados em vasos próprios e guardados no túmulo, há exceção do coração, que, por ser necessário na outra vida, era recolocado no seu lugar.

Então, o corpo era coberto com natrão (cristais de sal) e deixado a secar durante 70 dias. Após esse processo, as cavidades eram cheias com linho e substâncias aromáticas, e enrolava-se o corpo com ligaduras.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.2 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com