TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Trabalho Teórico Prático: Realização de Entrevista

Por:   •  6/11/2019  •  Trabalho acadêmico  •  1.212 Palavras (5 Páginas)  •  4 Visualizações

Página 1 de 5

1.        INTRODUÇÃO

Neste trabalho, serão apresentados aspectos sobre o desenvolvimento humano nos últimos anos de sua adolescência.

Temos como objetivo realizar uma análise sobre a situação apresentada, referindo-se a entrevistada, de 18 anos. Expondo o comportamento e desenvolvimento normativo na adolescência final, fazendo um comparativo caso a situação apresentada está compatível ou incompatível com o esperado, conforme as teorias de Aberastury, Piaget e Spranger.

 

2.        ENTREVISTA

  • Dados de Identificação
  •  Nome: B.V
  •  Idade: 18 anos
  • Sexo: Feminino
  • Grau de Escolaridade: Superior interrompido.
  • Estado Civil: Solteira
  • Posição na Família de origem: Irmã mais velha
  • Nível Socioeconômico: Pobre

 

  • Qual é a sua rotina de vida? O que você gosta de fazer? O que é importante? (Cotidiano, hobbies, esporte...)

Como sou desempregada, não tenho uma rotina, o máximo é buscar o meu irmão mais novo na escola. Gosto de ler, ouvir música e assistir série, procuro fazer isso todo dia.

  • Como é seu relacionamento familiar?

Meu relacionamento com a minha mãe é afastado, enquanto isso, meu relacionamento com meu irmão é muito bom, considerando a nossas idades diferentes. Meu pai, que não mora comigo, compartilha de um relacionamento conturbado e bem afastado, porém sua mãe, minha avó paterna, é o meu integrante favorito da família.

  • Como é seu relacionamento social/amizades?

Minha roda de amigos é pequena e o contato é 90% pelas redes sociais. Como não trabalho nem estudo não têm muitas oportunidades de fazer novos amigos pessoalmente.

  • Como é seu relacionamento com pessoas de outras faixas etárias?

Tenho facilidade com nenês e crianças, porém mantenho distância de pré-adolescentes. Também me dou bem com idosos. E não tenho opinião formada para com adultos.

  • Como você acha que é a vida das pessoas de sua idade? No que sua vida é semelhante ou diferente?

É um período da vida muito difícil, pois todos estão em busca de emprego ou faculdade e isso pode causar danos psicológicos. Eu também busco por emprego para que possa voltar a estudar.

  • Comparando com outro momento de vida, quais as semelhanças e diferenças que você percebe?

Comparando com o meu ensino médio, eu tinha mais interação social com pessoas ademais da minha família, pois além da escola, fazia curso de inglês, trabalhava e outros, porém tinha mais problemas psicológicos.

  •  Quais assuntos, temas, problemas, preocupações, medos são vitais para as pessoas da sua idade? Em relação a estes temas ou outros, quais são importantes para você? Como?

Curiosamente, drogas, de um modo geral, é um assunto que paira muito sobre as rodas de conversas da minha idade, seja pelo uso ou pela conscientização. Os planos de futuro são muitas vezes abordados também. A busca pelo emprego, faculdade, felicidade e aceitação da família são preocupações mais comuns entre os jovens de 18 anos. Na minha vida, a faculdade é o ponto mais importante.

  • Como as pessoas da sua idade costumam encarar a profissão/ocupação?

As pessoas dessa idade encaram a busca pela profissão como algo que irá os ajudar a alcançar independência.

  • Como as pessoas da sua idade costumam encarar o amor, a sexualidade?

A sexualidade ainda é um tabu, pois não é um assunto trabalhado nas casas brasileiras nem nas escolas. Os jovens da minha idade ainda são muito individualistas e pouco empáticos, portanto ainda é complicado manter um relacionamento de longa data nessa idade.

  • Como você acha que as pessoas o veem, neste momento de vida? No que você percebe que mudou? O que levou a tais mudanças?

Muitos acreditam que eu estou desempregada e sem estudar porque quero, sendo que é o total contrário! Em contraponto, há os que entendem que eu estou procurando emprego para que possa voltar a estudar. Antigamente, as pessoas me achavam muito inteligente, pois trabalhava e estudava, e, agora, acham que eu sou menos inteligente apenas porque eu não estudo nem trabalho mais.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (7.6 Kb)   pdf (279 Kb)   docx (10.9 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com