TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O homem é um animal político

Por:   •  23/8/2015  •  Artigo  •  1.327 Palavras (6 Páginas)  •  940 Visualizações

Página 1 de 6

Serviço Social – Fundamentos das Políticas Sociais

Etapa 1 - Graça

“O homem é um animal político”

Aristóteles

Segundo Aristóteles, o Homem é um "animal político", porquê unicamente ele tem a linguagem e esta é o alicerce da comunicação entre os seres humanos. Para o filósofo, os demais animais apenas manifestam dor e prazer, mas o Homem utiliza a palavra (logos) e com isso sua capacidade de julgamento entre o bem e o mal, o certo e o errado Portanto, por natureza, o homem é um animal político, porque ele busca discutir para chegar ao seu bem. O homem não chega a um fim sem conversar, sem discutir para chegar a uma conclusão.

A palavra é proveniente do grego antigo πολιτεία (politeía), que indicava todos os procedimentos relativos à pólis, ou cidade-Estado; nome do qual se derivaram termos como "politiké" (política em geral) e "politikós" (dos cidadãos, pertencente aos cidadãos), que estenderam-se ao latim "politicus" e chegaram às línguas europeias através do francês "politique" que, em 1265 já era definida nesse idioma como ciência do governo dos Estados. A palavra política, poderia significar tanto cidade-Estado quanto sociedade, comunidade, coletividade e outras definições referentes à vida urbana. Deste modo, Política é a ciência da governação de um Estado ou Nação e também uma arte de negociação para conciliar interesses.

O significado de política abarca vários conceitos e está, em geral, envolvida com algo direcionado ao espaço público. Ela tem a função de agregar e impor os interesses sociais privados perante um aparato estatal especializado no emprego administrativo do poder político para garantir fins coletivos e está intimamente relacionada o conceito de política ao conceito de poder, segundo Bertrand Russerll (1872-1970), filósofo britânico “conjunto dos meios que permite alcançar os fins desejados”.

O domínio da natureza pelo homem seria um desses meios o outro é o domínio do homem sobre o próprio homem, o poder político é apenas uma das formas de poder do homem sobre o homem, existe ainda o poder econômico e o ideológico. No poder político é possível valer-se da força como meio para exercer a vontade diante disto, este pode ser considerado o poder supremo, para tanto o poder político conta com o apoio da sociedade, onde por intermédio do estado se exercita as punições quando estas são necessárias, ainda pode se destacar no poder político a universalidade e a inclusão; o poder político possui limites, porém estes variam de acordo com o tipo de Estado, a política tem como objetivo a ordem pública e a defesa do território nacional e o bem social da população, este assunto mesmo não estando explícito nas conversas diárias é fundamental a vida de todos, pois através da política se constrói a vida da população, não podemos ingenuamente nos abster, cabe a população a discussão e pressão dos governantes.

Contudo, para Aristóteles a Política é a ciência que tem o intuito gerar a felicidade na humanidade. Sua finalidade com a produção do livro Política é a maneira de apresentar as formas de governo e instituições adequadas em garantir uma vida afortunada para os cidadãos. Entretanto, não é muito isso que vemos hoje em nosso País.

Nos regimes democráticos, a ciência política é a atividade dos cidadãos que se ocupam dos assuntos públicos com seu voto ou com sua militância. Na ciência política, o governo atua em relação a determinados temas sociais e econômicos de interesse público: política educacional, política de segurança, política salarial, política habitacional, política ambiental, etc. (MACHADO &, KYOSEN). 

É apropriado que com o passar do tempo, a realização de algumas alterações de leis ou políticas estabelecidas por um determinado país. No Brasil, esse procedimento é conhecido de reforma política, nas quais as propostas são debatidas no Congresso Nacional e são aceites ou recusadas ().

Karl Marx foi um filósofo crucial com suas ideias sobre o modelo socialista, mudando a visão da política contemporânea abraçando a ideia de que a distribuição de renda precisaria ser justa e equilibrada, pois a sociedade capitalista era uma forma de produção coletiva de riquezas, porém esta acumulação de bens se tornara privado. O resultado dessa acumulação e exploração se deu no confronto entre classes contrárias, burguesia e proletariado. Dessa maneira, surge a legitimação da profissão do Serviço Social, levando a criação de Políticas Sociais.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (9.3 Kb)   pdf (116.8 Kb)   docx (14.9 Kb)  
Continuar por mais 5 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com