TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

PROFESSORES DO ENSINO MÉDIO: PSICANÁLISE DE EDUCAÇÃO E SAÚDE

Monografias: PROFESSORES DO ENSINO MÉDIO: PSICANÁLISE DE EDUCAÇÃO E SAÚDE. Pesquise 804.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  8/5/2013  •  3.127 Palavras (13 Páginas)  •  736 Visualizações

Página 1 de 13

PROFESSORES DO ENSINO MÉDIO: PSICANÁLISE DE EDUCAÇÃO E SAÚDE

Benedito Tenório Neto (UNIDERC/AL)

biu_tenório2012@hotmail.com

Maria Eliane Almeida Silva (UNIDERC/AL)

eliane.almeida23000@hotmail.com

Maria Rosa Tomé (UNIDERC/AL)

mariarosatome@hotmail.com

INTRODUÇÃO

O presente trabalho tem como objetivo apresentar e elaborar três temas sumariamente importantes, com vínculos fortes e que se inter-relacionam na mente humana desde o seu nascimento com teoria de vinculação, a participação da família, com destaque do ser “mãe” com a teoria do apego. Em sequência com a teoria do Inconsciente, função esta árdua e incerta tentar versar sobre algo tão profundo, complexo e enigmático, não deixando de ser fascinante controvertido na obra Freudiana.

Destacando também a discursão do conceito de representação social elaborada por Serge Moscovici, para o complemento organizacional e fundamental para o nosso estudo da psicanálise na Educação e Saúde.

CONCLUSÃO

Ao passo que fomos estudando, íamos podendo entender melhor sobre tais teorias com diferenças, igualdades e enfim suas complementações para o entendimento sobre o estudo da mente, da família, da individualidade e concluímos que a visão Freudiana é fantástica tanto na teoria como na prática e que se “A família” tivesse participação primordial na infância, não precisaríamos ter severo estudo aos problemas armazenados no inconsciente, deixando sequelas na fase adulta.

Destacamos estes textos para complementação deste trabalho porque achamos interessantes e importantes, visto que eles são extremamente prazerosos e se significado proveitoso para o estudo da psicanálise. Especialização esta, que nos deixou curiosos e em várias aulas abismados do vasto campo da mente até então desconhecido, mas, maravilhados em poder contribuir de maneira positiva para melhorar nosso relacionamento o “o outro”, ser humano e com a sociedade como um todo.

FUNDAMENTOS DA TÉCNICA PSICANALÍTICA

Maceió Al – 2013

BENEDITO TENÓRIO NETO

MARIA ELIANE ALMEIDA SILVA

MARIA ROSA TOMÉ

Síntese apresentada na disciplina Fundamentos da Técnica Psicanalítica do curso de mestrado em Psicanálise na Saúde e Educação na UNIDERC - União de Instituições para o Desenvolvimento Educacional Religioso e Cultural, como requisito para obtenção de nota, orientado pelo Professor Dr. Reginaldo Rufino.

Maceió – Al – 2013

Fundamentos da Técnica Psicanalítica

A psicanálise é uma teoria da personalidade, um método de tratamento de investigação científica, conforme descreve Freud sobre seus próprios achados (Rudinesco e Plon, 1944/1998).

Compreende o homem como um ser global e dotado de um inconsciente que atua com uma segunda consciência, completamente alheia à consciência da vida desperta.

Foi ouvindo que Freud criou a Psicanálise e, ouvindo é que a Psicanálise pode se recriar.

Assim, a psicanálise chama a atenção para o fato de que o homem conhece muito pouco sobre seu interior, necessitando da ajuda de outra mente (no caso, a do analista) para acessar seu mundo inconsciente.

Nesse sentido, a psicanálise propicia uma ampliação da mente, tornando pensáveis e nomeáveis sentimentos e sensações que desconhecemos em nós. Este processo transformador, obviamente, traz alguma dor porque nos desaloja de nossas conhecidas teorias sobre nós e sobre os outros. Assim conforme define Calligaris,

“Uma psicoterapia, é uma experiência que transforma; pode-se sair dela sem sofrimento do qual a gente se queixava inicialmente, mas ao custo de uma mudança. Na saída não somos os mesmos sem dor; somos outros diferentes (p.73)”.

Sua proposta é corajosa e audaciosa e, por isso requer alguma coragem daqueles que se beneficiam dela; deitar-se no divã é remexer em si mesmo, mergulhar em pearas desconhecidas para nossa mente consciente, encontrar – se com nossos demônios internos.

Mas, nunca este convite de mergulho em águas profundas foi tão necessário, sério e importante como hoje, num tempo de relações líquidas (Bauman 2003), de mentes destruídas de enraizamento de suas origens, de tempo e de espaço e de angústia inomináveis.

Querendo destacar que, o método de investigação coincide com o procedimento de cura, porque, à medida que a pessoa conhece a si própria, pode modificar sua personalidade, isto é curar-se.

Desde esse momento, será a psicoterapia um tratamento dirigido à psique, em um marco de ralação interpessoal e com respaldo em uma teoria cientifica da personalidade.

Sobre o Inicio do Tratamento (Novas Recomendações sobre a Técnica da Psicanálise/1993).

Ao ler o texto em questão nos deparamos com a técnica utilizada pela psicanálise para a realização da associação hoje, que tem como objetivo propiciar ao paciente a possibilidade de expressar seus sentimentos, falar sobre as coisas que lhe forem importantes e/ou surgirem espontaneamente.

O texto mostra aspectos como a relação de pacientes, bem como a importância de deixá-lo falar praticamente o tempo todo sem explicar além do necessário para que prossiga no que está dizendo.

O início do tratamento pode ser marcado também por dificuldades,

...

Baixar como (para membros premium)  txt (21.1 Kb)  
Continuar por mais 12 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com