TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

SUAS - SISTEMA UNICO DE ASSISTENCIA SOCIAL

Por:   •  13/12/2018  •  Resenha  •  328 Palavras (2 Páginas)  •  8 Visualizações

Página 1 de 2

Seguridade social ta dentro do conceito de welfare state (conceito de proteção social que começou na Inglaterra, o sistema foi adotado em outros países como Alemanha e frança mas com nomes e formatos diferentes) que logicamente começa a ser questionado e pressionado pelos neoliberais. A expressão não é totalmente definida e não tem clareza conceitual, essa falta prejudicaa operacionalização. Todos esses termos são tratados como sinônimos.

Seguridade social tem 2 princípios – unidade e universalidade

É preciso forca política e responsabilidade do estado pra resgatar o conceito de seguridade social

Governo Vargas – segue modelo assistencialista – êxodo rural e demanda maior que a oferta nas cidades pros trabalhadores rurais – estado passa a cuidar também dos excluídos. (fornece serviços) filantropia ainda pelas empresas privadas (coronelismo)

De 30 a 45 seguridade social vira IAPs sendo gestadas pelo estado na área da previdência. Presença de sindicatos atrelados ao MT. Criação da funabem.

45-64 – Período democrático – afirmação do vínculo previdência e assistência médica

Depois de 50 o estado prioriza a industrialização em detrimento da política social pq a economia vai melhorar tudo pra todo mundo (crescer o bolo pra depois cortar)

 Durante a ditadura as demandas sociais foram reprimidas, a cobertura foi ampliada, porém com fragmentação e centralização

67 a previdência social foi despolitizada mas o governo buscando legitimação continua ampliando a assistência medica previdenciária e flexibilizando a cidadania regulada. Privatização e fortalecimento da indústria de equipamento hospitalar.

74 – crise, voltam movimentos sociais, tentativa mal sucedida de aproximação da lógica da seguridade social.

88 – constituição, dinâmica da seguridade social inserida. Para assegurar direitos de saúde previdência e assistência social.

Universalidade na cobertura e no atendimento, igualdade de benefícios aos trab urbanos e rurais.

Descentralização da administração.

Assistência – entra pra política pública e tenta superar o clientelismo.

Collor desfaz seguridade social. Crise. Paula neoliberal.

Fraca presença do estado, área mais frágil da seguridade social.

FHC – reforma/déficit da previdência. Programa de combate a pobreza (fragmentação)

Lula – foco em programas de transferência de renda. Tentativas como fome zero, e após bolsa família.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.4 Kb)   pdf (29.8 Kb)   docx (10.7 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com