TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

7 TEORIAS DA ORIGEM DA VIDA NA TERRA

Por:   •  29/6/2017  •  Trabalho acadêmico  •  1.773 Palavras (8 Páginas)  •  587 Visualizações

Página 1 de 8

SUMÁRIO

1        O MISTERIOSO ENTENDIMENTO DO INÍCIO DO PLANETA        3

2        AS TEORIAS        5

2.1        Panspermia        5

2.2        Mundo do RNA        5

2.3        Começo simples        5

2.4        O Começo gelado        6

2.5        Fontes hidrotermais        6

2.6        Ligados por barro        6

2.7        Faísca elétrica        6


  1. O MISTERIOSO ENTENDIMENTO DO INÍCIO DO PLANETA

Aqui se segue um trabalho científico, sendo assim não nos cabe discutirmos crenças religiosas. As teorias de origem da vida muitas vezes se tornam assunto polêmicos em sala de aula, pois muitas delas questionam ideias profundamente enraizadas na cultura e nos hábitos de nossa sociedade, o que não é de interesse neste trabalho. Elas são abrangidas pela ciência e serão apresentadas com a finalidade de induzir ao questionamento lógico, já que não se sabe ao certo qual destas é a verdadeira, ou ainda, se alguma delas é a verdadeira, já que este é um dos assuntos mais complicados e debatidos na atualidade, tendo em vista que as evidências são poucas, como podem estar erradas ou terem desaparecido, ou ainda podem ter sido destruídas a muito tempo em algum acontecimento catastrófico global e podemos nunca descobrirmos o que aconteceu, adotando um acontecimento que poderia de certa maneira ser lógico, respondendo a todas as perguntas e aceito pela comunidade científica. Nunca saberíamos se no que acreditamos é realmente o que aconteceu ou não. Apenas em algumas centenas de anos, talvez em uns quinhentos anos, a tecnologia nos levará a resposta “verdadeira”, se me permite dizer. É válido lembrar que, em menos de quatrocentos anos, com o surgimento do Método Científico proposto por Galileu Galilei e Francis Bacon, principais intelectuais neste estudo, foi possível o homem ir à Lua.

        Uma característica persistente da natureza dos seres humanos é a curiosidade. Desde a história antiga há o ser humano questiona a origem dos homens e dos demais seres vivos. Inicialmente, sem método científico ou tecnologias que lhes permitissem uma melhor investigação do mundo ao seu redor, os humanos atribuíam os fenômenos para os quais não tinham explicação às forças divinas. Porém, com o tempo e os diferentes avanços científicos, novas tentativas de explicações sem cunhos religiosos foram surgindo. O Universo tem 13,7 bilhões de anos aproximadamente, enquanto a terra possui cerca de 4,56 bilhões de anos, e a vida na terra, a partir de uma “sopa primordial, possui 3 bilhões de anos. Desde o evento inicial de tudo o que existe, chamado de Big Bang, as galáxias tem se afastado umas das outras. Isso significa que o Universo está se expandindo, e, portanto, ele deve ter tido um começo.

É um tempo muito grande, que nele vários eventos catastróficos envolvendo diferenças gigantes de temperaturas aconteceram. De tempos em tempos a terra entrava em períodos glaciais, formando uma “bola de gelo”, em que quase todo o planeta era coberto por gelo. Depois de um tempo ele entraria em degelo, e novamente, mais tarde, em estado glacial de novo. No início da formação da terra, pode-se dizer que o que acontecia era diferente: a terra extremamente quente, uma “bola de fogo” a aproximadamente 1500ºC. Diante desta diversidade de eventos radicais, podemos perceber o quanto complexo pode ser especular sobre atividades extremamente antigas, e por isso a observação da natureza é a grande base de tudo. A partir dela, podemos compreender os fatos atuais para entender o passado e supor o futuro.


  1. AS TEORIAS

  1. Panspermia

Acredita-se que a vida não tenha sido originada no planeta, mas sim que tenha sido trazida para cá de outros lugares no espaço, uma teoria conhecida como panspermia. Muitas rochas eram lançadas de planetas vizinhos por impactos cósmicos, e estes meteoritos foram encontrados na Terra, o que nos leva a pensar que microrganismos foram trazidos para cá, assim nós seríamos os “alienígenas”. Também acredita-se que estes microrganismos possam ter vindo de outras galáxias similares distantes, que por um acaso, o meteorito continha microrganismo de lá. Por mais que tal conceito fosse verdade, a questão de como a vida começou na Terra daria lugar a outra questão: como a vida começou em outro lugar no espaço.

  1. Mundo do RNA

O atual DNA necessita de proteínas para se compor e as proteínas requerem DNA para se formar, o RNA que pode atuar como o DNA, armazenando informações; servindo como uma enzima como as proteínas, e ajudar a criar tanto DNA quanto proteínas. Depois disso, o DNA e as proteínas conseguiram dominar este “mundo do RNA”, pois são mais eficientes. O RNA ainda está presente e executa várias funções nos organismos, atuando como uma alavanca para alguns genes. Alguns cientistas acreditem que a molécula poderia ter surgido espontaneamente na Terra, outros dizem que é muito pouco provável que isso tenha acontecido, vindo assim do espaço.

  1. Começo simples

O começo da vida não foi nenhum pouco complexo, tal como ter uma molécula de RNA logo no início, a vida pode ter começado com moléculas menores interagindo umas com as outras em ciclos de reações. Estas moléculas poderiam estar dentro de um pequeno envoltório, parecido com uma membrana. Ao decorrer do tempo, moléculas mais complexas que realizavam as mesmas reações, mas de maneira melhor do que as outras menores podem ter evoluído. Tais circunstâncias são chamadas de modelos de “metabolismo primário”, em oposição ao modelo “gene primário” da hipótese do “mundo de RNA”.

  1. O Começo gelado

Há 3 bilhões de anos atrás o gelo pode ter coberto os oceanos, quando o sol era bem mais fraco do que atualmente, cerca de um terço menos luminoso do que é agora. Esta camada de gelo teria em média centenas de metros de espessura, podendo ter protegido compostos orgânicos delicados na água abaixo da luz ultravioleta e da destruição de meteoritos. Como resultado, este frio pode ter ajudado tais moléculas a sobreviver por mais tempo, permitindo que importantes reações acontecessem. Por mais simples que fossem, podem ter sido um grande avanço na história da micro evolução.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (10.7 Kb)   pdf (123.3 Kb)   docx (14.4 Kb)  
Continuar por mais 7 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com