TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A Educação Física

Por:   •  3/5/2017  •  Trabalho acadêmico  •  2.398 Palavras (10 Páginas)  •  57 Visualizações

Página 1 de 10

1 INTRODUÇÃO

Atuar como educador físico na escola é um desafio diário: há pouco investimento e pouco reconhecimento das atividades dessa disciplina como parte da formação do aluno como cidadão crítico e reflexivo.

Nessa perspectiva, o presente semestre aborda de forma ampla, porém complexa, algumas vertentes do trabalho do professor de Educação Física: a intervenção pedagógica da educação física escolar a partir da temática do conteúdo dança; saúde; do trabalho com alunos com deficiência e; a apropriação dos conhecimentos sobre primeiros socorros. Ao mesmo tempo, trata-se de uma oportunidade de conhecer a dança enquanto um relevante conteúdo da educação física escolar, compreender a importância do domínio de conhecimentos específicos sobre a prática pedagógica com alunos com deficiência nas aulas de educação física e refletir sobre a realidade do professor de educação física no trabalho com alunos com deficiência.

Baseado em referenciais teóricos, a proposta do presente trabalho é explanar os temas supracitados, com a finalidade de ampliar os conhecimentos, tornando possível perceber que por natureza toda pessoa tem necessidades; e há aqueles que apresentam desvio físico, intelectual, sensorial, social, de comportamento ou físicos, necessitando de ensino ou serviços especiais. Neste sentido, surgem as propostas de educação social e inclusiva, onde a Educação Física - adaptações e a dança - vêm para somar, unir e incluir; o que contribui para “quebrar o gelo” entre professor e aluno ou aluno e aluno, facilitando o processo ensino x aprendizagem.

O trabalho em questão tem como meta abordar a importância da inclusão escolar nas aulas de Educação Física por meio de adaptações, além da utilização da dança como forma de recreação, manifestação e resgate cultural, para promoção do desenvolvimento, transmissão de conhecimentos e inserção social de todos.

2 DESENVOLVIMENTO

2.1 A DANÇA ENQUANTO CONTEÚDO DA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR

A dança sempre fez parte da vida humana, mesmo antes do homem falar ele já se expressava corporalmente por meio da dança. Tavares (2005, p. 93) explica que existem indícios de que o homem dança desde os tempos mais remotos. Todos os povos, em todas as épocas e lugares dançaram para expressar revolta ou amor, reverenciar deuses, mostrar força ou arrependimento, rezar, conquistar, distrair, enfim, viver.

Ano após ano, a dança foi sendo cada vez mais conhecida e valorizada. Na atualidade, é um importante conteúdo de ensino e aprendizagem na Educação Física escolar, no entanto, é pouco explorado, não recebe a devida importância ou ainda é desenvolvido de forma descontextualizada, por falta de capacitação, interesse e ou investimento por parte da gestão da escola. Porém, é inegável que a Educação Física possui conhecimentos específicos a serem tratados pedagogicamente, sistematizados no contexto escolar. Dentre esses conteúdos, materializados na expressão corporal como linguagem, encontra-se a dança.

Segundo Verderi (2000, p. 59), a dança pode criar condições para que se estabeleçam relações interativas, propiciando o conhecimento do próprio corpo e de suas possibilidades como forma de compreensão crítica e sensível do mundo que nos rodeia. No entanto, a dança na escola, muitas vezes, se restringe as apresentações em festividades escolares, “as dancinhas”, ou seja, coreografias elaboradas exclusivamente pelos professores, realizadas de forma “mecânica”, não tendo significado para os alunos.

Não podemos nos esquecer também de que a dança já faz parte do contexto dos Parâmetros Curriculares Nacionais tanto de Educação Física como de Arte, ou seja, uma prática da cultura corporal a ser desenvolvida de forma interdisciplinar na escola. (BRASIL, 1997; 1998).

No entanto, Marques (2007) ressalta que na maioria dos casos os professores não sabem o que, como ou até mesmo por que ensinar dança na escola, refletindo as lacunas na formação profissional em Educação Física. Portanto, admite-se que as propostas pedagógicas na área da dança-educação deverão propiciar metodologias que possibilitem aos alunos a expressão corporal, a criatividade, a autonomia, a fim de que possam a partir da vivência desta manifestação compreender e ampliar seus conhecimentos sobre a realidade em que vivem.

No que se refere ao conhecimento de dança, o professor precisa articular seus objetivos, contribuindo de forma clara para a transformação do ser humano, não basta apenas montar coreografias, desinteressadas, sem práxis. O conteúdo precisa estar dialogando com a consciência, disposições e sensibilidades que comandam as relações e comportamentos sociais do

...

Baixar como (para membros premium)  txt (16.1 Kb)  
Continuar por mais 9 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com