TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

FACULDADE DE TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO SUPERIOR PROFISSIONAL

Por:   •  10/10/2020  •  Artigo  •  1.512 Palavras (7 Páginas)  •  6 Visualizações

Página 1 de 7

[pic 1][pic 2]

FACULDADE DE TECNOLOGIA E EDUCAÇÃO SUPERIOR PROFISSIONAL

BACHARELADO EM ENFERMAGEM

PROJETO DE PESQUISA

ELAYRA LAYSA CHAVES SINÉSIO

SABRINA LUCIA DE BRITO

ATUAÇÃO DO ENFERMEIRO NA ORIENTAÇÃO DE PUERPERA NO PERÍODO DE AMAMENTAÇÃO

TERESINA/PI

2020

ELAYRA LAYSA CHAVES SIENÉSIO

SABRINA LÚCIA DE BRITO

ATUAÇÃO DO ENFERMEIRO NA ORIENTAÇÃO DE PUERPERA NO PERÍODO DE AMAMENTAÇÃO

Projeto de Pesquisa apresentado como requisito para aprovação na disciplina Metodologia de Pesquisa em Saúde I – Projeto de Pesquisa em Enfermagem, da Faculdade de Tecnologia e Educação Superior Profissional– FATESP.

Orientadora: Profª  Marilia Beatriz Nunes Sousa

TERESINA/PI

2020

SUMÁRIO[pic 3][pic 4]

1 INTRODUÇÃO.......................................................................................... 4

2 PROBLEMA.............................................................................................. 5

3 HIPOTESE.............................................................................5

4 JUSTIFICATIVA............................................................ 5

5 OBJETIVO ................................................................................................ 5

5.1 OBJETIVO GERAL ........................................................................................ 6

5.2 OBJETIVO ESPECIFICO .......................................................................7

6 REFERENCIAL TEORICO ........................7

6.1 ANATOMIA DA MAMA

6.2 FISIOLOGIA DA MAMA

6.3 FISIOLOGIA DA SECREÇÃO LACTEA

6.4 ATUAÇÃO DO ENFERMEIRO NA ORIENTAÇOES SOBRE AMAMENTAÇÃO

7 METODOLOGIA ........................................... 8

8. CRONOGRAMA .............................................................9

9 REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS ......................................................... 10

ANEXOS........................................................................................ 11

  1. INTRODUÇÃO

O aleitamento materno é a alimentação de bebês e crianças pequenas com leite produzido pelas mamas de uma mulher. Os profissionais de saúde recomendam que se inicie a amamentação na primeira hora de vida do bebê e que continue a ser amamentado com a freqüência e quantidade que o bebê desejar. Desta forma, destaca-se a importância do aleitamento exclusivo ate os seis meses de vida minimizando, por exemplo, o número de internações hospitalares provocadas por infecções gastrointestinais, respiratórias e problemas nutricionais, além de prevenir disfunções futuras, reduzindo a mortalidade infantil (ROCHA et al., 2018). Todos sabem da importância da amamentação e do leite materno para os recém-nascidos. O melhor alimento para qualquer bebê é o leite materno da própria mãe, principalmente se este leite for oferecido diretamente ao seio. O leite materno apresenta as vitaminas, minerais, açúcares, proteínas e gorduras necessárias para a alimentação saudável da criança. O primeiro leite que os seios produzem depois do nascimento do bebê chama-se colostro. Este leite materno espesso e pegajoso é muitas vezes denominado "ouro líquido”. Também é rico em minerais e vitaminas, com mais elevadas concentrações de vitaminas A, E K que o leite materno maduro. A percentagem de proteínas no colostro também é mais elevada (BALLARD O, MORROW et al., 2013).

Além disso, percebe-se maior aproximação entre mãe e filho concretizando o vínculo afetivo entre eles. Fator importante da amamentação desde o primeiro momento de vida é o favorecimento da interação mãe--bebê. Durante a mamada é criado um vínculo que aumenta a duração do AME (BYSTROVA K, et al., 2018). Crianças que recebem alimento natural (leite materno) têm melhores índices de acuidade visual, desenvolvimento neuropsicomotor, desenvolvimento cognitivo e elevado quociente de inteligência (BAPTISTA GH et al., 2018).

É notória uma grande quantidade de mulheres com dificuldade em amamentar nas primeiras horas de vida do bebê. Dessa forma são necessários estudos e informações que tragam esclarecimentos sobre o tema, minimizando as dificuldades enfrentadas pelas puérperas sobre o aleitamento.

2. PROBLEMAS A SER INVESTIGADO

TEMA: Atuação do enfermeiro na orientação de puérperas no período de amamentação.

PROBLEMAS: Quais as orientações podem ser repassadas pelo enfermeiro para as puérperas durante o processo de amamentação.

3. HIPOTESE

         O enfermeiro pode atuar junto a puérpera na orientação no processo de amamentação repassada pelo enfermeiro sobre questões relativas da posição do bebe em contato com a mama.

          Inúmeras dificuldades são         encontradas pelas puérperas em relação à amamentação. Neste artigo, investiga-se a importância do enfermeiro nesse processo tão delicado com informações e demonstrações claras e objetivas a puérpera.

4. JUSTIFICATIVA

        A puérpera, desde a gestação, vem sofrendo mudanças fisiológicas e psicológicas onde nem sempre estão preparadas para a tão aguardada amamentação. A falta de informação vem gerando insegurança, medo de não ter uma boa produção de leite, ou de possuir fissuras que possam interferir na amamentação, medo de perder o emprego, varias são os temores que a puérpera enfrenta nessa fase da amamentação. Desta forma o enfermeiro vem sendo peça essencial na orientação, conscientização dessas mães sobre a importância do leite materno, são os inúmeros benefícios para a mãe e bebê.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (12.3 Kb)   pdf (159.1 Kb)   docx (235.3 Kb)  
Continuar por mais 6 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com