TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

A Análise Volumétrica de Neutralização

Por:   •  17/7/2016  •  Trabalho acadêmico  •  2.826 Palavras (12 Páginas)  •  89 Visualizações

Página 1 de 12

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA SUL-RIO-GRANDENSE – CAMPUS PELOTAS
COORDENADORIA DO CURSO TÉCNICO INTEGRADO EM QUÍMICA
DISCIPLINA DE ANÁLISE QUIMICA QUANTITATIVA.
[pic 1][pic 2]

RELATÓRIOS PRIMEIRA ETAPA

QUI 6V

PELOTAS, DEZEMBRO DE 2015

  1. Revisão Bibliográfica

1.0 - Titulação 

A análise volumétrica refere-se a todo procedimento em que se mede o volume de um reagente, que é usado para reagir um analito. Em uma titulação, pequenos volumes da solução de reagente – o titulante – são adicionados ao analito (titulado) até que a reação termine. A partir da quantidade que foi usada de titulante podemos calcular a quantidade de analito que está presente.

Os principais requisitos para uma reação de titulação são aquelas que ela possua uma grande constante de equilíbrio e que ocorra rapidamente. Isto é, cada adição de titulante deve ser consumida rapidamente e completamente pelo o analito até que este acabe. As titulações mais comuns são baseadas nas reações ácido-base, oxidação-redução, formação de complexo e precipitação. O ponto de equivalência ocorre quando a quantidade de titulante adicionado é a quantidade exata que é necessária para uma reação estequiométrica com o analito (o titulado).

 O ponto de equivalência é o resultado ideal (teórico) que procuramos em uma titulação o que realmente medimos é o ponto final, que é indicado pela mudança súbita em uma propriedade física a solução. Um indicador é um composto com uma propriedade física (normalmente mudança de cor) que muda abruptamente, quando o próximo ao ponto de equivalência.

A validade de um resultado analítico depende do conhecimento da quantidade de um dos reagentes usados. Se um titulante é preparado pela dissolução de uma quantidade pesada de reagente puro em um volume conhecido de solução, então sua concentração pode ser calculada. Nesse caso, chamamos o reagente de padrão primário, porque ele é suficiente puro para ser pesado e usado diretamente. Muitos reagentes usados como titulantes, por exemplo, não estão disponíveis com padrões primários. Nestas circunstâncias, usa-se uma solução contendo aproximadamente a concentração desejada para titular um padrão primário. Através desse procedimento, chamado padronização determinamos a concentração do titulante para a análise. Dizemos que o titulante é uma solução-padrão. Em todos os casos, a validade do resultado analítico depende em ultima analise, do conhecimento da composição de algum padrão primário.

Em uma titulação direta, o titulante é adicionado ao analito até que a reação esteja completa. Algumas vezes é conveniente realizar uma titulação de retorno, na qual um excesso conhecido de um reagente-padrão é adicionado ao analito. E em titulações gravimétricas o titulante é medido por massa e não por volume.

Muitas áreas, os procedimentos titrimétricos são insubstituíveis. Suas principais vantagens são:

  • A precisão (0,1%) é melhor do que na maior parte dos métodos instrumentais
  • Os métodos são, normalmente, superiores às técnicas instrumentais na analise dos principais componentes.
  • Quando o número de amostras é pequeno como, por exemplo, no caso de uma análise eventual, as titulações simples são comumente preferíveis.
  • Ao contrário dos métodos instrumentais, o equipamento não requer recalibração constante.
  • Os métodos são relativamente mais baratos, com baixo custo unitário por determinação.
  • Os métodos são comumente empregados para calibrar ou avaliar análises de rotina feitas com instrumentos.
  •  Os métodos podem ser automizados.

Existem, no entanto, várias desvantagens no uso de métodos titrimétricos clássicos. A mais significativa é que eles são normalmente menos sensíveis e frequentemente menos seletivos que os métodos instrumentais.

1.0.1- Classificação das reações em análise volumétrica

  • Reações de neutralização ou acidimetria e alcalimetria

Nesta classe estão incluídas a titulação de bases livres ou de bases formadas pela hidrólise de sais fracos com um ácido padrão (acidimetria) e a titulação de ácidos livres ou de ácidos formados pela hidrólise de sais de bases fracas com uma base padrão (alcalimetria).

  • Reações de oxidação-redução

Nesta classe incluem-se todas as reações que envolvem mudança do numero de oxidação, isto é, transferência de elétrons para o reagente. As soluções padrões podem ser agentes oxidantes ou redutores.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (19.4 Kb)  
Continuar por mais 11 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com