TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Metais Alcalinos e Alcalinos Terrosos

Por:   •  24/6/2015  •  Pesquisas Acadêmicas  •  3.489 Palavras (14 Páginas)  •  226 Visualizações

Página 1 de 14

UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS[pic 1]

Curso de Química Bacharelado

RELATÓRIO

AULA 3 – METAIS ALCALINOS E ALCALINOS TERROSOS

Ananda Antonio – 20900536        

David da Silva – 20871448

Karenn Silveira - 20810403

MAO – 16/04/2010

ÍNDICE

Objetivo................................................................................................................3

Introdução............................................................................................................4

Procedimento Experimental.................................................................................9

1 - Reatividade..........................................................................................9

2 - Propriedades redutoras do magnésio..................................................9

3 - Óxidos e hidróxidos de magnésio e de cálcio....................................10

4 - Teste da chama.................................................................................10

5 - Reação dos compostos de metais alcalinos......................................10

Resultado e Discussão......................................................................................12

1 - Reatividade......................................................................................12

2 - Propriedades redutoras do magnésio..............................................13

3 - Óxidos e hidróxidos de magnésio e de cálcio..................................14

4 - Teste de chama...............................................................................15

5 - Reação dos compostos de metais alcalinos....................................16

Conclusão........................................................................................................17

Referências Bibliográfica.................................................................................18


OBJETIVOS

  • Verificar as propriedades metálicas dos elementos dos Grupos IA e IIA.
  • Observar a reatividade do magnésio.
  • Identificar íons dos metais alcalinos e alcalino-terrosos em soluções de sais.
  • Constatar a formação de óxidos e hidróxidos.
  • Observar a reatividade dos compostos de metais alcalinos.
  • Verificar a solubilidade de compostos dos elementos dos Grupos IA e IIA.

INTRODUÇÃO

GRUPO I DA TABELA PERIÓDICA: OS METAIS ALCALINOS

O grupo I da Tabela Periódica é constituído por seis elementos muito semelhantes nas suas propriedades físicas e no seu comportamento químico: o lítio, o sódio, o potássio, o rubídio, o césio e o frâncio. O sódio e o potássio aparecem com abundância na natureza; o lítio, o rubídio e o césio são mais raros; o frâncio só se encontra em vestígios e todos os isótopos que se conhecem são instáveis (radioativo).

1 - PROPRIEDADES FÍSICAS.

Todos os elementos deste grupo são sólidos à temperatura ambiente, são pouco duros, excelentes condutores do calor e da eletricidade.

2 - PROPRIEDADES QUÍMICAS.

Os metais alcalinos não se encontram livres na natureza devido à sua extrema reatividade. Expostos ao ar oxidam-se rapidamente; por essa razão, só as superfícies recém-formadas apresentam brilho metálico. Têm que se guardar ao abrigo do ar, em petróleo ou tolueno, por exemplo, ou numa atmosfera inerte. O comportamento químico dos elementos do grupo I é muito homogêneo. Todos eles apresentam uma primeira energia de ionização extremamente pequena, o que indica, por parte do núcleo, uma atração fraca, sobre o elétron de valência.

GRUPO II DA TABELA PERIÓDICA: OS METAIS ALCALINO-TERROSOS

O grupo II da Tabela Periódica comporta seis elementos, o berílio, o magnésio, o cálcio, o estrôncio, o bário e o rádio, muito semelhantes entre si, como acontecia com os metais alcalinos, mas em que a gradação das propriedades  é muito mais acentuada, ao longo do grupo. No elemento de maior número atômico, o rádio, tal como acontecia, ainda, no grupo I, com o frâncio, todos os isótopos são instáveis (radioativos).

1 - PROPRIEDADES FÍSICAS

Todos os elementos deste grupo apresentam caráter metálico acentuado, embora menos que os do grupo I; designam-se por metais alcalino-terrosos. São moles, mas menos que os elementos do grupo I; a dureza, como nos metais alcalinos, decresce ao longo do grupo, à medida que o número atômico cresce. São sólidos à temperatura ambiente, bons condutores do calor e da eletricidade.

2 - PROPRIEDADES QUÍMICAS

Os metais alcalino-terrosos, tal como os metais alcalinos, não se encontram livres na natureza. A causa disso está na grande reatividade que apresentam, inferior, contudo, à dos elementos do grupo I; reagem com numerosas substâncias, principalmente com os elementos não metálicos da parte direita da Tabela Periódica, e reagem, também, com a água; estas reações diferem, das dos metais alcalinos, no vigor com que se processam. A família dos metais alcalino-terrosos é uma família de comportamento químico homogêneo.[1]

Os metais alcalino-terrosos quase sempre reagem formando compostos nos quais o metal apresenta o estado de oxidação +2. Embora o berílio mostre uma tendência de formar ligações covalentes, os membros desse grupo dão tipicamente íons 2+, tanto em compostos sólidos como em solução aquosa.

Os metais alcalino-terrosos fazem reação branda com a água, mesmo a frio. Com exceção do berílio, os metais alcalino-terrosos reagem com água formando hidrogênio.[2]

M(s) + 2H2O              M2+(aq) + H2(g) + 2OH-(aq)[pic 2]

...

Baixar como (para membros premium)  txt (22.6 Kb)   pdf (190.8 Kb)   docx (53.3 Kb)  
Continuar por mais 13 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com