TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Os desafios do Contador diante a Contabilidade Internacional

Por:   •  11/5/2015  •  Pesquisas Acadêmicas  •  3.172 Palavras (13 Páginas)  •  367 Visualizações

Página 1 de 13

Sumário

1. Introdução 3

2. Os desafios do Contador diante a Contabilidade Internacional 4

2.1 Os desafios para as empresas brasileiras frente à Contabilidade Internacional 4

3. Diferença nos padrões e práticas contábeis entre os países 6

4. IAS 8

4.1 Demonstrações financeiras. 8

4.2 Balanço 8

4.3 Demonstração dos Resultados. 9

4.4 Demonstração das Alterações do Capital Próprio 9

4.5 Demonstração dos Fluxos de Caixa 9

5. Estoques 11

5.1 Custos do Estoque 11

5.2 Métodos de Mensuração 11

5.3 Valor Realizável Líquido 11

5.4 Divulgações Requeridas 11

6. IAS 38 ( International Accounting Standards 38) - Ativos Intangíveis 13

7. Conclusão 14

8. Referências 15

1. Introdução

O presente trabalho tem por objetivo abordar sobre a tendência nacional de se tornar membro deste processo mundial de harmonização das normas contábeis. No desenvolvimento desta atividade foram realizadas pesquisas, onde entendemos que o profissional de contabilidade precisa está atento no movimento em torno à contabilidade brasileira, especialmente nos registros contábeis e demonstrações, como o balanço patrimonial das sociedades anônimas.

Os profissionais de contabilidade almejam por adaptar- se as normas, para que efetivamente possam atingir um grau satisfatório de confiabilidade junto ao público externo, dando maior transparência e segurança as informações contábeis.

Sabemos que existem diversas barreiras que deverão ser superadas pelos estudiosos da contabilidade, como por exemplo; o da linguagem e da moeda, aliada as diferenças existentes entre os princípios contábeis adotados em cada país, sem falar na questão tributária, mais a pressão ocasionada por diversos fatores, inclusive da sociedade por uma informação mais ampla e precisa. Isso faz com que os profissionais se preocupem em identificar de forma prática e objetiva, levando em consideração o princípio que rege a contabilidade, bem como fixar normas e regras para sua aplicação.

2. Os desafios do Contador diante a Contabilidade Internacional

Na área contábil o avanço das inovações tecnológicas pode ser facilmente percebido pelas grandes influências que provocou na profissão contábil, pois o profissional da contabilidade precisa estar atento às novas ferramentas utilizadas, passando por constante reciclagem para não ficar alienado do mercado de trabalho.

O profissional contábil precisa ser visto como um comunicador de informações essências às tomadas de decisões, pois a habilidade em avaliar fatos passados, perceber os presentes e prognosticar eventos futuros pode ser compreendido como fator preponderante ao sucesso empresarial.

O novo perfil do contador moderno, é de um profissional que precisa acumular conhecimentos, ou seja que tenha consciência de que a maior remuneração exige qualidade de trabalho. E para conseguir tal conhecimento necessita de estudo, com aplicação tem que ser tecnicamente inteligente e ter capacidade criativa, ter alta integridade e ter iniciativa; ter coragem, ética, visão de futuro, habilidade de negociação, agilidade, segurança para resolver os problemas que surgem, capacidade de aprender a lidar com mudanças, ideias de melhoria, flexibilidade, capacidade de inovar e criar, sobretudo na sua área de atuação, interagir e estudar as realidades politicas, sociais e financeiras, saber orientar as empresas para o melhor caminho de forma que elas sobrevivam aos fortes abalos gerados pela globalização da economia, o poder de manipular conhecimentos é o ponto chave das grandes decisões.

O contabilista é um profissional que precisa ter a visão integrada, conhecimento dos aspectos de natureza fiscal e tributária. O contador será responsável pela criação de todo material para treinamento da contabilidade.

2.1 Os desafios para as empresas brasileiras frente à Contabilidade Internacional

O Brasil mais uma vez devido ao processo de convergência às normas do IASB, passa por uma situação interessante: É um país com sistema jurídico codificado, porém com legislação societária e normatização contábil com características de países com sistemas jurídicos baseados nos costumes. Os contadores brasileiros estão acostumados as normas locais expressas e definidas em termos codificados e bastante solenizados.

Já a linguagem anglo-saxônica dos pronunciamentos internacionais, ao quais deveremos aderir, é exatamente complexa e exige um grande grau de subjetivismo e análise para ser entendida (Ludícibus , 2007). Por tanto foi necessária a modificação do artigo 177, e seus parágrafos, pela lei 11.638/07, para que o país pudesse convergir para as normas internacionais de contabilidade.

O sistema educacional e profissional contábil brasileiro também é apontado por ( Weffort , 2005), ao afirmar que ás praticas contábeis podem ser influenciadas pelas características dos responsáveis pela elaboração das demonstrações contábeis. Os estudos conduzidos abordavam a seguinte questão: O sistema educacional profissional contábil favorece a harmonização da posição brasileira em relação a internacional ? Após avaliar as estruturas curriculares dos cursos de graduação e pós-graduação em contabilidade no país, além dos conteúdos de teses, dissertações e de periódicos científicos e profissionais, Weffort chegou à conclusão de que o sistema educacional profissional brasileiro não favorecia os esforços de harmonização contábil.

Com a introdução do processo de convergência no Brasil, os estudantes, educadores e profissionais da área contábil necessitam de ampla readequação (talvez até reeducação) ás novas normas contábeis que diferem

...

Baixar como (para membros premium)  txt (22.7 Kb)   pdf (74.1 Kb)   docx (23.4 Kb)  
Continuar por mais 12 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com