TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Leitura E Sentido

Por:   •  31/3/2014  •  1.178 Palavras (5 Páginas)  •  198 Visualizações

Página 1 de 5

Introdução

A leitura é uma das atividades essenciais à nossa vida, fazendo parte do nosso dia a dia. Para que essa atividade fique mais interessante, é importante sabermos um pouco mais sobre ela, pois, ao contrario do que muitas pessoas pensam, a leitura vai além do ato de ler. Temos também que compreender e aprender aquilo que estamos lendo e para isso é necessário à compreensão de diferentes temas, entre eles a concepção de leitura, estratégias de leitura, leitura e a produção dos sentidos, gêneros, textuais, e suas características, elementos coesivos ou mecanismos de coesão, tipos de textos e reforma ortográfica.

Em relação a concepção de leitura e seus focos observamos que o foco do leitor é a forma em que a leitura fica entendida como atividade de captação da idéias do autor, não considerando as experiências e os conhecimentos do leitor. Para tanto, acreditamos ser necessário levar em conta os processos cognitivos, a trajetória do interlocutor, falando em conhecimentos pré-concebidos da leitura em que se faz. Então, fica claro que a intenção autor-texto-leitor é a mais importante, pois o leitor imprime suas próprias experiências a retira do texto aquilo que traz consigo, tudo o que aprendeu durante a vida. Os significados impressos na interpretação do texto mudam conforme o contexto vivido pela pessoa. Quando tratamos de foco no texto é necessário levar em conta a parte estrutural da língua como sistema. Cabe ao leitor identificar os sentidos expressos no texto.

Em relação a estratégia da leitura, tendo como foco o leitor e seus conhecimentos, começando com as antecipações e hipóteses que poderão ser rejeitadas ou confirmadas no decorrer da leitura. Quando há um personagem no título entende-se que seja o principal, a caracterização e as adjetivações referentes a personagem, podendo servir como estímulos a formulação de novas antecipações do leitor ativo, acreditamos que seja muito importante para facilitar a compreensão, o leitor utilizar técnicas ou métodos para adquirir a informação que precisa.

Outro tema indispensável de se abordar é a leitura e a produção de sentido. Como observamos é necessário considerar a materialidade linguística do texto, pois é preciso levar em conta os conhecimentos do leitor, pois é uma condição fundamental que se estabelece a interação, com maior ou menos durabilidade, intensidade e qualidade. Tal conhecimento é de grande valia, pois sem a leitura e produção de sentido uma pessoa não consegue fazer nada com o texto.

Ao falarmos de gêneros textuais, observamos que para se escrever um texto temos primeiramente que escolher o gênero que iremos utilizar, não é uma tarefa fácil, pois existem vários. Eles são dinâmicos e sofrem variações resultando em outros conseguimos identificá-los por suas características, como exemplo, podemos citar a poesia, que é escrita em versos e normalmente com rimas, e a piada que contem humor e duplo sentido.

Kock, autora do livro ”Ler e compreender o sentido do texto” diz que os indivíduos desenvolvem uma competência metagenérica, que nos orienta convenientemente em nossas práticas comunicativas e assim nos permite identificar os gêneros textuais. Na prática vemos que muitas pessoas ainda confundem os tipos de texto que é outro tem que iremos abordar.

Outro ponto relevante para uma boa leitura é a importância dos mecanismos de coesão. Sem eles as palavras ficariam soltas e sem sentido.

É difícil imaginar um texto que não contenha pronomes, advérbios, artigos por exemplo. Eles são fundamentais para a formação das frases do enredo, do contexto e assim, para o entendimento da mensagem. É preciso decidir enxergar observar a organização ou formatação vinculada em linguagem virtual, se há palavras repetitivas, omitir sentenças desnecessárias que tornam o texto cansativo sem argumentação.

Usar os termos de causa, condição e finalidade de uma forma coerente e adequada para que a intenção do autor seja alcançada.

Os conhecimentos dos tipos de texto é também fator determinante como modo de estabelecer a interação entre texto e leitor. Eles são caracterizados pelos tipos que contem uma natureza linguística por tempos verbais, seus conceitos textuais, ou seja, elementos próprios de cada um que os tornam indiferente e insaciáveis.

E assim,

...

Baixar como (para membros premium)  txt (7 Kb)  
Continuar por mais 4 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com