TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Redação Sobre Assédio e Abuso à Mulher

Por:   •  19/5/2020  •  Dissertação  •  374 Palavras (2 Páginas)  •  11 Visualizações

Página 1 de 2

A cada dia que se passa, milhares de mulheres passam por alguma situação em que sofrem assédios e abusos por parte de homens, nos mais variados locais. O transporte público, do qual muitas fazem uso, agora é um local onde a mulher se sente vulnerável e insegura, já que é quase inevitável que ela sofra algum tipo de violência. É de extrema importância que a lei haja com rigor nesses casos, porém um ensino que vise ao respeito e à educação para com o próximo é imprescindível para diminuir a ocorrência desses abusos.

Embora existam diversas leis que punam os abusadores, no Brasil a justiça é relapsa, o que faz com que o criminoso se sinta confortável e tranquilo para praticar seus atos, pois sabe que difícil ou tardiamente será punido. Em 2017, dados da Polícia Civil da cidade de São Paulo registraram um crescimento de 35% dos casos de abuso sexual no transporte público, em comparação com o ano de 2016.  A falta de respeito e a constante banalização por parte da lei para com esse tipo de conduta contribuem significativamente para esse aumento. Porém, ultimamente, a mulher também parou de se calar e passou a denunciar os abusos que sofre. Será que o número de abusos aumentou, ou aumentaram os relatos desses acontecimentos? O fato é que, a mulher, apesar de ter conquistado maior voz e vez, ainda é considerada por alguns apenas como um objeto sexual, inferior e submissa ao homem. A mudança deve começar por aí, com uma educação que conscientize e ensine o respeito, a igualdade de gênero, ao invés de tomar medidas antes de explicar suas razões, como separar no transporte público um vagão apenas para as mulheres, o que já ocorre em alguns locais.

Portanto, para que almejemos um futuro em que esses acontecimentos repugnantes não ocorram mais, devemos começar com a conscientização e a educação. A lei também não pode falhar e ser omissa, mas é mudando a mentalidade das pessoas que modificamos suas ações. Para isso, é de extrema importância que o governo estimule e forneça essa educação, assim como exercer sua função enquanto mantedor da ordem. A mulher tem o direito de estar onde quiser, sem sofrer qualquer ato que não tenha seu próprio consentimento.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.2 Kb)   pdf (27.1 Kb)   docx (7.2 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com