TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Ciencias Humanas

Trabalho Escolar: Ciencias Humanas. Pesquise 794.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  15/10/2014  •  898 Palavras (4 Páginas)  •  240 Visualizações

Página 1 de 4

INTRODUÇÃO

Neste trabalho falaremos sobre o surgimento e a evolução do sistema tributário, em termos históricos relatados por estudiosos desse sistema, pelo qual, deu origem a vários tipos de tributos.

Mostraremos que ao longo da historia do nosso país, não temos um sistema tributário equitativo, justo e comprometido com a construção e desenvolvimento da nação.

Neste trabalho falaremos das seguintes opções para tributar o resultado de uma empresa: Lucro Real, Lucro Presumido e Simples Nacional, falaremos um pouco de cada opção e suas vantagens no meio empresarial.

Sendo assim no decorrer desse trabalho iremos mostrar as diferentes alíquotas para que o empresário possa fazer a melhor opção tributaria.

Será mostrada a forma de tributação pelo Simples Nacional, identificando as principais obrigações acessórias e trabalhistas das empresas optantes por essa tributação.

Serão feitos cálculos de uma empresa fictícia dos anos de 2011 e 2012 para verificar qual a melhor forma de tributação, considerando que a empresa analisada optasse pela tributação pelo lucro real e, alternativamente, pelo lucro presumido.

Mostraremos em forma de cálculos qual a melhor opção de uma empresa escolher sua forma de tributação.

Também falaremos sobre as alterações do processo de internacionalização da contabilidade brasileira. Cuja finalidade é viabilizar o processo de convergência das Normas Contábeis Brasileiras para os padrões internacionais de contabilidade.

Neste trabalho mostraremos a contabilidade sob três perspectivas: Societária, Tributaria e Gerencial.

ETAPA 1

Historia dos Tributos

O período denominado pelos historiadores como pré-colonial, que vai da data do descobrimento ate 1530, a preocupação de Portugal era manter a posse das terras conquistadas, a primeira atividade econômica realizada no Brasil foi a extração do pau-brasil, sendo que para a exportação do mesmo o Rei o fazia por meio de terceiros, a parir disto passou-se a cobrar o primeiro imposto pago no Brasil que foi o Quinto, tendo base na legislação portuguesa.

O período de 1530 a 1580, é marcado pelo inicio da colonização, que para viabilizá-lo a solução encontrada foi o sistema de capitanias hereditárias, criando novos tributos:

* O pagamento pela concessão para exploração do comércio do pau-brasil, especiarias e drogas;

* Direitos das alfândegas reais;

* Quintos dos metais e das pedras preciosas;

* Dízima do pescado e das colheitas de todos os produtos da terra, colhidos ou fabricados.

Em 1548 constatou-se que a arrecadação não se dava como era esperado, então se criou a figura do Provedor-Mor, que se iniciou a estrutura de administração tributária. Onde a fonte de arrecadação era a cobrança de tarifas alfandegárias, sobre escravos, açúcar, couro e tabaco. O que se observa é que a Coroa Portuguesa criava e cobrava taxas e impostos conforme as mais diversas necessidade, ate taxas para custear casamentos da família real.

Em 1640, a Coroa Portuguesa esteve sob controle da Espanha, esse período foi marcado por grandes gastos com operação militares da União Ibérica, todos custeados com a criação de novos tributos, apos a restauração da Coroa Portuguesa, Portugal viu-se em uma grande crise financeira.

Agora, cabia ao Brasil sustentar os gastos de Portugal, e as transações e o comercio de escravos foram alvo de novas formas de tributos, para Coroa Portuguesa.

Fugindo da invasão

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.9 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com