TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Evidenciar A Importância Do Planejamento Financeiro Para Sobrevivência Das Empresas, Através De Uma Metodologia Gerencial Que Permite Estabelecer A Direção A Ser Seguida Pela Organização. A Problemática A Ser Analisada é Que Muitos Empresários N

Artigos Científicos: Evidenciar A Importância Do Planejamento Financeiro Para Sobrevivência Das Empresas, Através De Uma Metodologia Gerencial Que Permite Estabelecer A Direção A Ser Seguida Pela Organização. A Problemática A Ser Analisada é Que Muitos Empresários N. Pesquise 790.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  13/5/2014  •  5.212 Palavras (21 Páginas)  •  315 Visualizações

Página 1 de 21

INTRODUÇÃO

Veremos neste trabalho como evidenciar a importância do planejamento financeiro para sobrevivência das empresas, através de uma metodologia gerencial que permite estabelecer a direção a ser seguida pela organização. A problemática a ser analisada é que muitos empresários não estão preparados para administrar seus recursos financeiros.

Como ajudar estas empresas a se prepararem para enfrentar os desafios do dia-a-dia dos negócios. Sabemos que não existe bola de cristal capaz de prever o futuro, mas, com certo conhecimento e dedicação, e com a ajuda de algumas ferramentas de gestão, podemos nos preparar para tomar decisões de maneira mais confiável, pois reduziremos as margens de erro e teremos condições de dimensionar os riscos que envolvem o negócio.

1- PLANEJAMENTO FINANCEIRO

É um processo de desenvolvimento e implementação de um plano personalizado para evitar ou resolver problemas financeiros com objetivo de alcançar metas previamente determinadas. Esta forma sistemática de se planejar pode ser empregada tanto na nossa vida pessoal como em ambientes empresariais.

Características e Fundamentos do Planejamento Financeiro.

Uma das características do planejamento financeiro é a necessidade de levar em conta as incertezas internas e externas da empresa para que estas não alterem as mesmas, uma vez que não se pode considerar a administração financeira como uma área isolada.

O planejamento financeiro é uma ferramenta que tem como principal objetivo reduzir os riscos, porém ele não os elimina. Quando as estimativas e previsões a respeito do futuro revelam que a empresa não terá o resultado desejado por falta de recursos, cabe a mesma adquirir outras fontes de recurso ou rever suas estimativas.

É por falta de informações financeiras precisas para o controle e planejamento financeiro que a maioria das empresas pequenas brasileiras entram em falência até o quinto ano de existência. São indiscutivelmente necessárias as informações do balanço patrimonial, no qual se contabilizam os dados da gestão financeira, que devem ser analisados detalhadamente para a tomada de decisão.

Pelo benefício que a contabilidade proporciona à gestão financeira e pelo íntimo relacionamento de interdependência que ambas têm é que confundem se, muitas vezes, estas duas áreas, já que as mesmas se relacionam proximamente e geralmente se sobrepõem.

O planejamento financeiro estabelece os modos que podem ser usados para alcançar os objetivos estabelecidos para uma entidade. Pode-se notar que existem três formas básicas de planejamento: o Estratégico, o Tático e o Operacional.

O estratégico diz respeito à organização como um todo. Então, ao elaborar um planejamento estratégico, aconselha se levar em consideração os ambientes internos e externos como fatores econômico-financeiros globais, fatores políticos e até mesmo os sociais. É necessário neste caso que tenha uma visão bem desenvolvida acerca do mercado econômico e de suas políticas. Já o planejamento tático, se remete as diferentes áreas de trabalho de uma instituição. Portanto, uma empresa que possui uma área financeira e uma área comercial traça planos financeiros e planos comerciais, dentre outros também estabelecidos para os outros certames. E, por fim, os planejamentos operacionais orientam a alocação de recursos para as os diversos campos estabelecidos na hierarquia superior pelos planos táticos. Desta forma, pode-se entender que o plano estratégico que se remete ao longo prazo é desdobrado em vários planejamentos táticos em médio prazo, que assim se desenvolvem em muitos planos operacionais que são realizados em um curto prazo.

Tal ferramenta é vital para a empresa, pois ela serve como um controle de caixa, este que é a vida da empresa, é por ele que a entidade sabe se possui liquidez ou não para saudar suas obrigações ou se será necessário contrair empréstimos/financiamentos para dar uma saúde financeira à instituição. O planejamento financeiro ele se preocupa em estabelecer diretrizes de mudanças e crescimento para a empresa, levando em conta as incertezas internas e externas da empresa e procurar ver em que as mesmas podem afetar ou não a empresa. Para que chegue a um bom planejamento é necessário um enorme conhecimento do mercado de negócios e estar a par da situação atual da economia, como taxas de inflação, taxas de juros correntes, especialmente, sobre a Taxa SELIC, que é a taxa básica de juros, sobre os aspectos tributários, etc. Esta forma sistemática de se planejar pode ser empregada tanto na vida pessoal como principalmente no aspecto empresarial.

2- A Necessidade de se Cruzar o Planejamento Financeiro com A Execução Real e suas Medidas Corretivas.

É necessário o planejamento financeiro em qualquer tipo de empresa, independente de seu ramo de atuação e do seu porte, em geral, as micros e pequenas empresas, apresentam um quadro crítico, devido ao fato de não possuírem conhecimento de técnicas administrativas, associado aos problemas de falta de capital de giro, daí a importância do planejamento financeiro, pois ele estabelece o modo pelo quais os objetivos podem ser alcançados, manter o controle financeiro é de suma importância para qualquer empresa.

Assim como controlamos nossas atividades diárias quanto a que roupa vestir, o horário a sair de casa, ir de carro ou de ônibus, tomar café em casa ou na rua, decisões essas que caracterizam, ou seja, dão forma ao futuro. No mundo empresarial não é diferente, há decisões a serem tomadas, estas promovem o desenvolver da empresa e sua continuidade. Para tais decisões serem tomadas, necessita-se de informações fundamentais e confiáveis, a contabilidade fornece essas informações, esta é a principal fonte de informações para o empresário, fornecendo as informações tais como: o lucro da empresa, o faturamento, os custos, as despesas, os gastos, o saldo de dinheiro nos caixas e bancos, contas a pagar e a receber, entre outros.

- Planejamento Financeiro e a necessidade de se cruzar o planejamento com a execução real e suas medidas corretivas.

Estabelece o modo pelo quais os objetivos podem ser alcançados, muito importante para uma empresa que se manter o controle financeiro, pois o controle e o planejamento financeiro se fazem necessários para qualquer empresa independentemente

...

Baixar como (para membros premium)  txt (32 Kb)  
Continuar por mais 20 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com