TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

O Estresse No Ambiente De Trabalho Do Secretário Executivo Na Administração pública

Por:   •  4/5/2014  •  7.212 Palavras (29 Páginas)  •  656 Visualizações

Página 1 de 29

ESTRESSE NO AMBIENTE DE TRABALHO DO SECRETÁRIO EXECUTIVO NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

Keitty Raiane da Silva

Valter Vieira Sampaio Filho

RESUMO: A presente pesquisa teve como objetivo avaliar se os fatores estressores no ambiente de trabalho influencia o estresse ocupacional do Secretário Executivo na Administração Pública. Primeiramente, foi apresentada a revisão bibliográfica com uma breve introdução sobre a administração pública e o conceito de estresse enfatizando: os estressores ocupacionais, as três fases da Síndrome Geral da adaptação. Ainda, foram exploradas as principais funções do profissional de Secretariado Executivo e a sua inserção na administração pública buscando correlacioná-las aos possíveis fatores estressores organizacionais. Por fim, foi efetuada a análise dos dados coletados a partir da pesquisa de campo realizada com os Secretários Executivos da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), com a finalidade de verificar quais os principais fatores estressores e as maneiras de lidar com eles. Os resultados da pesquisa revelam que, em geral os Secretários Executivos estão satisfeitos com o trabalho que executam na administração pública evidenciando que o fator satisfação é um forte aliado contra o estresse e em contrapartida a multifuncionalidade aparece como o principal causador do estresse para os profissionais dessa área. A partir dos dados levantados demonstrou-se necessário o remodelamento das funções destinadas ao Secretário Executivo, retirando do seu rol de atividades as tarefas rotineiras e operacionais destinando-lhes as de gestão e de monitoramento. A implementação das formas de lidar com o estresse apresentadas nessa pesquisa deveria ser testado nas organizações para verificar a eficácia na diminuição do estresse no ambiente organizacional para o profissional de Secretariado Executivo.

Palavras-chaves: Administração Pública. Estresse Ocupacional. Secretário Executivo.

ABSTRACT : This study aimed to assess factors in the work environment that may impact occupational stress of Executive Secretaries. First, the literature review was presented with a brief introduction to public administration and to the concept of “stress”, emphasizing: occupational stressors and the three stages of the General Adaptation Syndrome. Moreover, it was discussed the main functions of the Professional executive secretary and its insertion in the public administration, seeking to correlate them to possible factors of organizational stressors. Data collected from a survey conducted with the Executive Secretaries of ANVISA were analyzed in order to identify the main stressors and possible ways to deal with them. The survey results reveal that most executive secretaries are satisfied with the work they perform in the public administration, which suggests that satisfaction strongly prevents stress and, whilst multifunction appears to be the main cause of stress for professionals in this field. Results also suggest a need to remodel the assigned roles of the Executive Secretary, replacing routine tasks by operational management and monitoring activities. Finally, the present study presents alternatives to minimize stresses among Executive Secretaries which could be tested at the organizational environment.

Keywords: Public Administration. Occupational Stress. Executive Secretary.

RESUMEN: El objetivo de la pesquisa fue evaluar si los factores de estrés en el trabajo influencian el estrés ocupacional del Secretario Ejecutivo. En primer lugar, se presentó la revisión de la literatura con una breve introducción acerca de la administración pública y del concepto de estrés, enfatizando: los factores de estrés y las tres fases del Síndrome General de Adaptación. También se han explorado las principales funciones del Secretario Ejecutivo y su incorporación en la administración pública con el fin de correlacionarlos con los posibles factores de estrés de la organización. Por último, se realizó el análisis de los datos recogidos en la encuesta hecha con los secretarios ejecutivos de la Agencia Nacional de Vigilancia Sanitaria - ANVISA con el propósito de verificar los principales factores de estrés y las maneras de manejarlos. Los resultados del estudio muestran que, en general, los secretarios ejecutivos están satisfechos con el trabajo que realizan en la administración pública, lo que evidencia que el factor de satisfacción es un fuerte aliado contra el estrés. Por otro lado, la multifuncionalidad aparece como la principal causa de estrés para los profesionales de esta área. Los datos analizados muestran una necesidad de remodelar las tareas del Secretario Ejecutivo,

...

Baixar como (para membros premium)  txt (51.2 Kb)  
Continuar por mais 28 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com