TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

PRODUÇÃO TEXTUAL DE MARKETING, PESQUISA DE MERCADO,NEGOCIAÇÃO, ANALISE CONTABIL E MERCADO FINANCEIRO

Casos: PRODUÇÃO TEXTUAL DE MARKETING, PESQUISA DE MERCADO,NEGOCIAÇÃO, ANALISE CONTABIL E MERCADO FINANCEIRO. Pesquise 804.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  29/11/2013  •  2.353 Palavras (10 Páginas)  •  1.169 Visualizações

Página 1 de 10

1 INTRODUÇÃO

O conteúdo desta produção textual reafirma, através do conhecimento adquirido no quinto semestre, a importância de todos os conceitos que foram abordados.

É possível visualizar de forma clara os pontos mais importantes de cada matéria: Marketing, Pesquisa de Mercado, Análise Contábil, Negociação e Mercado de Capitais.

2 DESENVOLVIMENTO

2.1 MARKETING

Em pleno século XXI, o marketing na grande maioria das empresas está baseada em quatro P’s, que são pilares fundamentais para que os negócios possam dar certo e poderem crescer de uma maneira bem saudável e com poucas chances de quebra.

Abaixo os 4 princípios do marketing e que sem eles não é possível fazer um bom plano de marketing:

 Promoção: é todo o tipo de divulgação que tem como objetivo fazer com que se promova algum tipo de produto para aumentar a clientela sobre uma loja ou um produto, usando várias estratégias, como divulgação, publicidade, merchandising, promoção de vendas, ou seja, é uma forma de aproximar os clientes de uma determinada marca.

 Ponto de Venda: são locais onde se pode demonstrar ou vender todos os produtos de uma marca, onde se pode usar todas as formas de venda tradicionais, como lojas, quiosques, tendas ou distribuidores e vendedores.

 Preço: é o valor final que o consumidor paga na hora de comprar um produto, onde vários fatores sapo considerados na hora de decidir o preço final do produto, como os diversos tipos de custos na hora de fabricar um produto.

 Produto: é tudo aquilo que pode ser oferecido para os clientes para ser consumido, desde elementos físicos e tudo aquilo que possa atender as necessidades dos clientes, seja no aspecto físico ou emocional e que possa ser comprado.

Apesar de todos estes pilares serem fundamentais, o grande desafio para o marketing para o século XXI é que se possa atender ao que o consumidor exigente deseja e estas exigências podem mudar de uma hora para outra, portanto é de suma a importância que se verifique as mudanças que ocorrem tanto no mercado quanto na mente exigente dos consumidores do século XXI.

2.2 PESQUISA DE MERCADO

Coleta de Dados:

A fase de coleta e análise dos dados é de grande importância na elaboração da pesquisa científica, portanto, é necessário manter alguns cuidados para que se possa garantir a fidedignidade dos resultados.

O primeiro cuidado que se deve tomar ao se iniciar a fase de coleta de dados é quanto à preparação das pessoas responsáveis por ela. É importante a supervisão para que não se coletem dados errados, ou desnecessários para a pesquisa realizada. Do mesmo modo, todos os dados coletados devem estar sendo observados pois, se necessário, deve-se fazer a reaplicação do instrumento.

Já na pesquisa experimental, o essencial é controlar as variáveis estranhas que possam estar interferindo, para que o ambiente se torne o mais adequado possível, manipular certas condições e observar os efeitos produzidos (Gil, 1991, p.114). Contudo, para esse tipo de pesquisa, existe uma variedade de recursos mecânicos, elétricos, eletrônicos que auxiliam nessa etapa da pesquisa.

A coleta de dados pode ser feita por meio de: observações, entrevistas e história de vida, pesquisa bibliográfica, questionários, observação empírica, entre outros.

É importante ressaltar que, existem diversos procedimentos utilizados para este fim, no entanto, cabe ao pesquisador decidir qual o procedimento que mais se adequou ao tipo de pesquisa realizada.

Análise dos dados:

Após a coleta de dado, faz-se necessário a análise dos mesmos. Entretanto, o planejamento anterior dessa análise deve teve ter sido feita antes mesmo da coleta dos dados. Este procedimento auxilia o pesquisador e evita que sejam feitos trabalhos desnecessários, além do que, possibilita o pesquisador prever os gastos necessários para a realização da pesquisa.

Para a pesquisa experimental, a análise estatística é essencial e a prática mais adequada. No entanto, existem inúmeros testes de significância, sendo necessário que o pesquisador estude e então escolha o teste que mais se adequa a pesquisa em questão.

É importante observar que, os testes estatísticos constituem apenas instrumentos que facilitam a interpretação dos resultados, sendo necessário uma fundamentação teórica que permita ao pesquisador traçar um paralelo entre os resultados obtidos empiricamente e as teorias já existentes.

Outro procedimento utilizado para análise dos dados são as categorias analíticas, que devem derivar de teorias que já foram previamente aceitas e que impeçam, o

mínimo possível, julgamentos, opiniões do senso comum, preconceitos, etc. (Gil, 1991,p.122).

2.3 NEGOCIAÇÃO

Analisando as diferentes táticas de influência, os pesquisadores identificaram até nove táticas de influência primárias. Na busca em entender melhor os estilos pessoais de influência, Chris Musselwhite e Tammie Plouffefizeram uma pesquisa adicional sobre a base de conhecimento existente. Desta pesquisa, foram identificados cinco diferentes estilos de influência: racionalização, afirmação, negociação, inspiração e ligação (ponte).

Você pode ter uma idéia sobre qual é o seu estilo em ouvir esses rótulos, mas a maneira mais precisa para identificar o seu estilo é com aplicação do indicador de estilo de influência, um questionário de auto-avaliação que classifica o seu estilo baseado nas respostas a perguntas sobre táticas de influência preferidas. Mas, mesmo sem a aplicação deste indicador, aqui estão algumas perguntas que você pode fazer a si mesmo e começar a entender o seu estilo de influência:

§ Racionalização: Você usa a lógica, fatos e raciocínio lógico para apresentar suas idéias? Você alavanca seus fatos, a lógica, o conhecimento e a experiência para persuadir os outros?

§ Afirmação: Você apóia-se na sua confiança pessoal, nas regras, nas leis e na autoridade para influenciar os outros? Você insiste que suas idéias sejam ouvidas e consideradas, mesmo quando os outros discordam? Você contesta as idéias dos outros quando eles não concordam com a sua? Você discute ou pressiona os outros para levarem em consideração o seu ponto de vista?

§ Negociação:

...

Baixar como (para membros premium)  txt (16.1 Kb)  
Continuar por mais 9 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com