TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Paz E Amor

Dissertações: Paz E Amor. Pesquise 787.000+ trabalhos acadêmicos

Por:   •  17/9/2014  •  545 Palavras (3 Páginas)  •  188 Visualizações

Página 1 de 3

Esse talvez seja um post diferente do que você costuma ler. Aliás, não sei exatamente como são os “posts atuais” do tumblr. Não sei quantas pessoas vão ler isso aqui. Não sei mais o que significa tumblr para as pessoas. Mas vou contar a minha história. Vou dar o meu ponto final.

Criei o meu tumblr em outubro de 2010, e durante dois anos, tudo isso aqui resumia a minha vida. Era no tumblr que eu pensava 24horas por dia. Era meu mundo. Não sei mais quantas pessoas “da minha época” restam por aqui. Mas quero contar a minha história. Alcancei meus 2,500 followers, que pra mim, há dois anos atrás, significava a felicidade! Uma ask que eu recebia, era motivo de pulos de alegria. Agora, aos 17 anos de idade, entrar aqui e ver o meu “mundo” esquecido, me traz uma sensação nostálgica. Infelizmente minha rotina mudou muito depois que tive meu primeiro namorado. O tumblr passou a ser substituído, rs. E tudo aquilo que durante dois anos eu sonhava aqui, passou a se realizar em minha vida. Eu me apaixonei de verdade, e acreditei que havia encontrado o amor da minha vida. O tempo passou e eu quebrei a cara. Levantei, e quebrei a mesma cara, na mesma parede. Finalmente aprendi. E então quebrei a cara de novo, mas em outra “parede”. O amor se tornou um medo pra mim. Mas não é do medo que que eu vim falar, nem do amor. VIm falar… Do tumblr. Acho que foram pouquissimas vezes que entrei aqui em 2 anos, rebloguei algumas coisas e passei mais alguns meses sem entrar, e assim por diante. Perdeu o valor que tinha pra mim. Eu cresci, e o meu mundo agora é outro. Os 10 minutos que já estou aqui escrevendo esse texto, é o tempo que eu poderia estar lendo um texto da faculade, poderia estar falando com meu namorado… Enfim. Embora tenha perdido o valor, o que eu conquistei aqui, jamais vou esquecer. Fiz amizades que me acompanham até hoje. Infelizmente poucas, e com raras conversas, mas aquele carinho permanece. Acompanho a vida de alguns que fui fã e sou até hoje, rs. Continuo curtindo fotos no Facebook, Instagram, mas esqueci a URL do tumblr. Consigo me lembrar apenas dos rostos. Aprendi que tudo isso aqui constrói a identidade das pessoas. E a mensagem que eu quero deixar, talvez a ultima mensagem do meu mundo tumblr, é a seguinte: Aproveite enquanto isso ainda significa algo pra você. Esse mundo não é pra sempre. Ele vai te ajudar a construir quem é, mas não resumirá a TUDO o que você é. Eu um dia julguei que tudo isso seria pra sempre. Mas não foi. Eu me imaginava casando com um usuário do tumblr, rs. Mas penso diferente agora. Vocês vão pensar que eu sou ‘poser’, que nunca fui verdadeira, sei lá. Mas um dia vocês vão me entender. E se alguém ler esse texto até o final talvez me entenda. Se você um dia acompanhou meu crescimento, obrigada! Me fez uma pessoa melhor! Eu amo tudo isso aqui, mas a minha vida segue numa rotina diferente agora. Minha conta continuará ativa, porque ainda voltarei pra visitar o que um dia me fez feliz. Beijos a todos, adeus tumblr.

...

Baixar como (para membros premium)  txt (3 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com