TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Processo Administrativo: Controle Da ação Empresarial. Processo Administrativo: Administração Da ação Empresarial.

Por:   •  21/5/2014  •  821 Palavras (4 Páginas)  •  395 Visualizações

Página 1 de 4

Controle é a função administrativa que faz parte do processo administrativo que mede e avalia o desempenho em função dos padrões e critérios esperados tomando a ação corretiva quando necessário.

Controle é um processo essencialmente regulador que mantém as coisas no seu devido lugar, assegurando a adequação do desempenho aos padrões desejados por meio de ações corretivas e preventivas evitando futuros desvios indesejáveis.

Controle estratégico também denominado como controle organizacional, tratado no nível institucional da empresa se referindo aos aspectos globais que envolvem a empresa em sua totalidade em longo prazo.

Seu conteúdo é genérico e sintético e suas características básicas são:

1. Nível de decisão: decidido no nível institucional da empresa.

2. Dimensão de tempo: é orientado para longo prazo.

3. Abrangência: é genérico abrangendo a empresa como um todo.

Controle Organizacional

O controle de toda organização é um processo cíclico e interativo constituído de quatro fases:

1. Estabelecimento de padrões ou critérios de desempenho organizacional;

2. Avaliação do desempenho organizacional e obtenção de dados;

3. Comparação do desempenho ou resultado, mensurar ou avaliar o desempenho;

4. Ação corretiva para corrigir o desvio entre o desempenho atual e o esperado.

Fases do Controle

1. Estabelecimento de padrões de desempenho: Padrões são metas de desempenho, podem ser tangíveis ou intangíveis, vagos ou específicos, sempre relacionados com o resultado desejado. São normas que proporcionam a exata compreensão do que se deve fazer e o nível que se deve alcançar. As empresas definem padrões de acordo não somente com suas expectativas, mas também conforme suas possibilidades reais. À medida que o desempenho for melhorado os padrões vão sendo gradativamente aumentados.

2. Avaliação do desenvolvimento ou do resultado organizacional: Avaliação é um julgamento, juízo ou veredito utilizado na administração baseado sempre em alguma referência, como um padrão, um indicador ou uma métrica tomada como base logica de comparação. A avaliação do desempenho exige uma definição exata daquilo que se pretende medir ou mensurar, baseada em dados ou informações que facilitem a comparação entre o desempenho e o padrão de desempenho desejado podendo ser feita por meio de: Observação, Instrumentação, Relatórios escritos e Resultados alcançados.

3. Comparação do desempenho com o padrão: Toda atividade ocasiona algum tipo de variação por problemas de equipamentos, tecnologia ou da ação humana. Nem toda variação exige correções, o controle deve separar o que é normal e o que é excepcional para que a correção se concentre nas exceções. A comparação do desempenho organizacional com o que foi planejado busca localizar os erros ou desvios, sobretudo para permitir a predição de outros resultados futuros. Não é possível modificar o passado, mas a sua compreensão propicia auxílio para, a partir do presente criar condições para que as operações futuras obtenham melhores resultados.

4. Ação corretiva: O controle indica quando o desempenho não está de acordo com o padrão estabelecido e qual a medida corretiva deve adotada. O objetivo é indicar quando, quanto, onde e como se deve executar a correção, é tomada a partir dos dados quantitativos gerados nas três fases anteriores do

...

Baixar como (para membros premium)  txt (5.7 Kb)  
Continuar por mais 3 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com