TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Rock In Rio 2013

Por:   •  15/9/2013  •  666 Palavras (3 Páginas)  •  258 Visualizações

Página 1 de 3

Não existe unanimidade no rock. O Muse sabe disso. Protagonistas de uma já manjada relação de amor e ódio entre os admiradores do gênero, a banda de Matthew Bellamy, no entanto, abriu um precedente positivo durante o show deste sábado (14) no Rock in Rio 2013: há esperança para o rock de guitarras.

Entre dois dias entregues à música pop (Beyoncé na sexta e Justin Timberlake no domingo), o Muse fechou a segunda noite do festival com um público numeroso nas mãos, ainda que menos conhecidos entre os headliners da programação. Junto com air guitars, meninos e meninas dividiam os vocais com a banda a plenos pulmões, provavelmente alcançando os decibéis mais altos das plateias do festival até agora.

Para quem reclama de que de rock o Rock in Rio só tem o nome, o Muse representou a classe com seu meio heavy metal, meio ópera, incluindo todo excesso que o gênero dá direito, refletindo as incursões no caos do universo e do apocalipse onde mergulha o líder do Muse. Guitarras estridentes, riffs rasgados, solos intermináveis, estava tudo lá, sendo bem aceito até pela moçada que só conhece a banda como trilha sonora da saga "Crepúsculo".

Diferente de outro fenômeno curioso do evento: diversas meninas vestindo a clássica camiseta dos Ramones e circulando por todos os lados da Cidade do Rock, mas bem longe do palco onde Marky Ramone tocava na mesma hora.

Na outra ponta da programação deste sábado, os cariocas do Autoramas iniciaram as atividades do dia com outro tipo de rock de guitarras: feito para dançar. No Palco Sunset, a banda que há 15 anos segue na dianteira da cena roqueira independente do Brasil, também colocaram suas músicas --e de outros, como "Surfin' Bird" dos Ramones-- na boca da galera.

Entre as duas atrações, de ponta a ponta, passaram pelos palcos outros amantes da guitarra em pesos diferentes: a banda de Marky Ramone com seus poucos acordes, o Offspring e suas composições urgentes e os brasileiros do Capital Inicial que já deram à música alguns riffs memoráveis. A plateia aprovou e o festival acertou.

O domingo no Rock in Rio volta ao pop. Ao lado de Timberlake estarão Jessie J, Alicia Keys e Jota Quest. O rock tira folga e retorna na semana que vem.

O evento

A quinta edição brasileira do Rock in Rio começou na sexta e vai até o dia 22 de setembro. Mais de 160 artistas irão se apresentar em cinco espaços diferentes, divididos entre os sete dias de programação. Quase 600 mil pessoas são esperadas durante o festival, com uma média de 85 mil espectadores por dia.

A programação deste sábado (14) foi encerrada pelos britânicos do Muse, com seu rock de arena que mistura elementos de música indie, sons progressivos e efeitos de distorção estridentes. Com hits como "Supermassive

...

Baixar como (para membros premium)  txt (4 Kb)  
Continuar por mais 2 páginas »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com