TrabalhosGratuitos.com - Trabalhos, Monografias, Artigos, Exames, Resumos de livros, Dissertações
Pesquisar

Taylor

Por:   •  27/11/2012  •  401 Palavras (2 Páginas)  •  746 Visualizações

Página 1 de 2

Resumo

Este artigo científico tem como objetivo demonstrar a importância das inovações do fordismo no começo da era moderna com a linha de montagem em um contexto global, bem como, mostrar a evolução desta com o passar do tempo. Este trabalho, de caráter bibliográfico, consiste em analisar o fordismo e os princípios empregados por Henry Ford em meio a escola clássica de administração. E, também, como permitiu um sistema econômico fundamental para consolidação da sociedade industrial, baseado em seus métodos produtivos rígidos no processo de controlar seus funcionários.

Palavras-chave: fordismo, inovações e métodos.

1Introdução ao fordismo

O final do século XIX e o início do século XX abrigaram as primeiras percepções da Administração como ciência. Os primórdios da Administração Científica têm como um dos seus principais personagensHenry Ford.

Para Motta e Vasconcelos (2006, p.32), “Osistema de Ford teve a importante função social de democratizar o consumo do automóvel esse sistema também era denominado pushproductline”.

2 As inovações aplicadas

Os modos de trabalho de Henry Ford trouxeramvárias inovações para a indústria da época, de modo que facilitasse o trabalho na linha de montagem por vagões e como consequência o aumento da produtividade e também dos lucros.

Segundo Motta e Vasconcelos (2002, p.40), “ As inovações de Henry Ford permitiram eliminar quase todos os movimentos desnecessários das ações dos trabalhadores. Procurava-se organizar a tarefa de forma a requerer o mínimo consumo de força de vontade e esforço mental”.

3 Os métodos de Trabalho

O fordismo, método de racionalização da produção em massa, teve início na indústria automobilística Ford, nos Estados Unidos, onde esteiras rolantes levavam o chassi do carro e as demais peças a percorrerem a fábrica enquanto os operários, distribuídos lateralmente, iam montando os veículos. Esse método integrou-se às teorias do engenheiro norte-americano Frederick Winslow Taylor, que ficaram conhecidas como taylorismo.

Para Motta e Vasconcelos (2006,p.40) “ desenvolveu e aperfeiçoou métodos de trabalho em linhas de montagem por meio da fabricação em série do Ford Bigode preto, fabricado em larga escala e abaixo custo, o que permitiu a popularização dos automóveis na época”.

REFERÊNCIAS

MOTTA, Fernando C. Prestes; VASCONCELOS, Isabella F. Gouveia de. Teoria geral da administração. 3 ed. rev. São Paulo: Thomson Learning, 2006,p.32-42.

FRAGA, Alexandre. Da rotina à

...

Baixar como (para membros premium)  txt (2.9 Kb)  
Continuar por mais 1 página »
Disponível apenas no TrabalhosGratuitos.com